Skyscraper City Forum banner
1 - 20 of 33 Posts

·
Rumo ao fim do mundo!
Joined
·
3,205 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Dando uma olhada na net, por curiosidade fui ver o preço do transporte publico em algumas grandes cidades dos eua/europa e fiquei indignado! Vejam o preço de um passe mensal, que da direito a usar geralmente onibus e metro durante o mes sem limitação ( ha algumas variantes, mas em geral é assim ):

Barcelona: 44.35 EUR
Paris: 52.50 EUR
Madrid: 40.45 EUR

Nova Iorque: US$ 76.00
Boston: US$ 59


Bom, quis colocar cidades mais ou menos grandes e com população e usuários em um número ao menos razoável. Aqui a mão de obra é mais barata, o custo de construção dos sistemas também, mas o usuario ganha bem menos. Um paulistano médio, que usa metro e onibus, gasta 140 reais por mes pra usar metro eo nibus na ida e na volta, isso se ele nao sair de cada no fim de semana! Ou seja, proporcionalmente, considerando que eles ganham bem mais, o transporte aqui é absurdamente caro! Alguem sabe explicar exatamente o porque isso acontece?
 

·
22°52'S 47°03'W
Joined
·
20,845 Posts
O transporte público no Brasil é caro pelas seguintes razões:

* Há muitas isenções totais e parciais (idosos, cadeirantes, doentes, escolares, às vezes desempregados), o que coloca o ônus sobre as costas da parte pagante, que tem de suportar os que menos ou nada pagam;
* O transporte público é uma concessão municipal, mas as Prefeituras descem no lombo das empresas o ISS, que é repassado para as tarifas, tornando-as mais caras, quando o transporte público na verdade deveria ser isento de tributos;
* A péssima qualidade do asfalto (onde não é de terra mesmo, ou lama) nas periferias (e até nos centros) aumenta o índice de quebras mecânicas, reposição...
* As prefeituras não licitam o serviço muitas vezes ou não fiscalizam isentamente as tabelas de custos das empresas, o que leva ao superfaturamento, com o conseqüente acréscimo nas tarifas...

Acho que há outras razões específicas, mas estas são as principais.

A tarifa em CPS é de R$2,25 - com integração temporal de 1h (seg/sáb) e 2h (dom/fer) em até três ônibus. Só é pesado para quem faz uma viagem...
 

·
How about a magic trick?
Joined
·
4,805 Posts
O estado não vê o transporte publico como distribuição de renda. Enquanto isso persistir pagaremos uma das tarifas, proporcionalmente falando, mais altas do mundo.
 

·
GRANDE RIO CAMPEÃ 2013!
Joined
·
1,116 Posts
Achei os preços citados dentro da normalidade, apesar de altos demais.

Aqui no Rio os ônibus custam 2,00. Pegando dois por dia útil (22 dias no mês em média) dá 88 reais por mês.

Isso sem pegar ônibus final de semana, sem pegar metrô eventualmente, etc.

Caro demais realmente.
 

·
How about a magic trick?
Joined
·
4,805 Posts
Metrô Cidade do Mexico:

"From 1 Jan 2002, single fare is 2.00 pesos (US$ 0.20)"

Levando em conta que a renda do mexicano não deve ser muito diferente da do brasileiro, eles pagam muito menos que nós.
 

·
Rumo ao fim do mundo!
Joined
·
3,205 Posts
Discussion Starter · #7 ·
^^ em buenos aires o metro é cerca de 50 centavos de real!

Fabio, nao acho que isenções parciais interfiram tanto. Nesses paises que eu citei parece que isso também ocorre. Na Argentina eu nao lembro, mas também, se for pra pagar um valor desses, acho melhor do que dar isencao pra algumas pessoas, 1 real pra usar metro e onibus nao é nada... mas 7 reais é mto! em dois dias ja da pra comer um lanchao com batata e refrigerante grande no bk :lol:
 

·
22°52'S 47°03'W
Joined
·
20,845 Posts
Fabio, nao acho que isenções parciais interfiram tanto. Nesses paises que eu citei parece que isso também ocorre. Na Argentina eu nao lembro, mas também, se for pra pagar um valor desses, acho melhor do que dar isencao pra algumas pessoas, 1 real pra usar metro e onibus nao é nada... mas 7 reais é mto! em dois dias ja da pra comer um lanchao com batata e refrigerante grande no bk :lol:
Quantitativamente, a influência das isenções é menor que as outras - não há dúvida, mas não deixa de pesar - e nem é sempre por causa das isenções em si, mas por causa da burocracia criada e dos gastos com fiscalização.

Vou dar o exemplo de Campinas. Existe cartão para idosos (nele o idoso passa, o cobrador libera a passagem com o cartão dele e o idoso passa). Os idosos sem cartão até podem entrar pela porta de trás, mas isso na prática é uma liberalidade que só se permite com os ônibus das empresas. Nos micros das cooperativas, isso não é permitido. Foi criado todo um sistema de fiscalização, que aumenta os gastos (inclusive para os escolares, que todo mês têm de provar a freqüência ao comprar seus créditos.). Por isso, as isenções são um problema adicional - é como diz o velho ditado de que "não há almoço grátis"...
 

·
Banned
Joined
·
27,387 Posts
Simplesmente meu amigo, existe cartelização, combinação de preços, e quase sempre um empresário possui várias empresas numa mesma cidade e ai, não existe concorrência.
 

·
Rumo ao fim do mundo!
Joined
·
3,205 Posts
Discussion Starter · #10 ·
Quantitativamente, a influência das isenções é menor que as outras - não há dúvida, mas não deixa de pesar - e nem é sempre por causa das isenções em si, mas por causa da burocracia criada e dos gastos com fiscalização.

Vou dar o exemplo de Campinas. Existe cartão para idosos (nele o idoso passa, o cobrador libera a passagem com o cartão dele e o idoso passa). Os idosos sem cartão até podem entrar pela porta de trás, mas isso na prática é uma liberalidade que só se permite com os ônibus das empresas. Nos micros das cooperativas, isso não é permitido. Foi criado todo um sistema de fiscalização, que aumenta os gastos (inclusive para os escolares, que todo mês têm de provar a freqüência ao comprar seus créditos.). Por isso, as isenções são um problema adicional - é como diz o velho ditado de que "não há almoço grátis"...
Concordo com vc. :eek:hno:

As vezes parece que fazem isso porque somos um pouco tontos mesmo. O que pagamos de taxas e impostos, meu deus, é uma vergonha. Em questao de transporte gastamos só um pouco menos que os americanos, por exemplo, so que eles ganham 5 vezes a mais em média
 

·
Registered
Joined
·
7,546 Posts
Além dos fatores citados pelo Pesquisadorbsb e o Fabious_br eu citaria os madais equivocados( ônibus em lugar de metro...), as fraudes nas licitações e execuções das obras.

Em Fortaleza a passagem de ônibus municipal integrado custa 1,60, porém no transporte metropolitano as tarifas alcançam 4 reais, um dos fatores para a violenta concentração da população em Fortaleza.
 

·
22°52'S 47°03'W
Joined
·
20,845 Posts
Tem um que eu me esqueci de falar, muito comum há anos no RJ e que no ano passado se tornou comum em SP: destruição de ônibus...isso aumenta ainda mais os custos das empresas...
 

·
Registered
Joined
·
187 Posts
Eu andei fazendo umas contas aqui, e estava pensando! Em cidades com o transporte integrado, como aqui em Curitiba, não há necessidade de pagar mais de uma passagem por trajeto, e em geral fazemos o sentido casa > trabalho, trabalho > casa, ou seja, são duas passagens diárias! Eu não uso ônibus no final de semana, e como já revelado em pesquisas, o curitibano é caseiro!
Então temos:
Passagem R$1,80
Dias uteis: 22 (exemplo de mês sem feriados e com 30 dias)
R$1,80x22=69,60
Ida e Volta (69,60x2=79,20)
Temos um gasto mensal de R$79,20
Comparando com Barcelona: 44.35 EUR (Cotação de hoje) = R$ 116,00
Barcelona= qualquer dia, qualquer hora, qualquer linha, sem restrição!
Considerando, na Espanha uma pessoa pobre ganha por volta de 5.000,00 Euros, então o transporte representa 0,88% de sua renda mensal, pra rodar no transporte público a qualquer dia, quanto quizer!
Já no Brasil, o salário mínimo é de R$380,00, é o que muitos pais de familia pobre ganha pra sustentar muitos filhos O Transporte coletivo, para ir e voltar do trabalho representa 20,84% da renda de um pobre trabalhador de Curitiba.
É uma vergonha!
 

·
Registered
Joined
·
7,546 Posts
Em Manaus é R$2,00

Como agravante ainda temos, o Diesel caro, e os impostos sobre o serviço e a folha de pagamento.

Mas insisto a solução é um sistema completo com metrô, VLT, bonde e o ônibus apenas como mais um subsidiário para ligar as curtas distâncias entre bairros e estações.
 

·
Rumo ao fim do mundo!
Joined
·
3,205 Posts
Discussion Starter · #16 ·
Eu andei fazendo umas contas aqui, e estava pensando! Em cidades com o transporte integrado, como aqui em Curitiba, não há necessidade de pagar mais de uma passagem por trajeto, e em geral fazemos o sentido casa > trabalho, trabalho > casa, ou seja, são duas passagens diárias! Eu não uso ônibus no final de semana, e como já revelado em pesquisas, o curitibano é caseiro!
Então temos:
Passagem R$1,80
Dias uteis: 22 (exemplo de mês sem feriados e com 30 dias)
R$1,80x22=69,60
Ida e Volta (69,60x2=79,20)
Temos um gasto mensal de R$79,20
Comparando com Barcelona: 44.35 EUR (Cotação de hoje) = R$ 116,00
Barcelona= qualquer dia, qualquer hora, qualquer linha, sem restrição!
Considerando, na Espanha uma pessoa pobre ganha por volta de 5.000,00 Euros, então o transporte representa 0,88% de sua renda mensal, pra rodar no transporte público a qualquer dia, quanto quizer!
Já no Brasil, o salário mínimo é de R$380,00, é o que muitos pais de familia pobre ganha pra sustentar muitos filhos O Transporte coletivo, para ir e voltar do trabalho representa 20,84% da renda de um pobre trabalhador de Curitiba.
É uma vergonha!
A integração, creio eu, já está bem disseminada no Brasil. O problema em cidades como SP e RJ é que há mais de um modal, No Rio parece que as pessoas não são tão dependentes assim do metro, mas aqui em SP sim. Tem vezes que a pessoa economiza uma hora indo de metro, mas em compensação tem que gastar mais.

Agora, isso de que uma pessoa pobre na Espanha ganha 5 mil euros é um exagero... eu tenho varios amigos espanhois ( espanhois mesmo, nao imigrantes ) que me disseram que o profissional medio ( professor, etc ) ganha entre 2 e 3 mil euros. Pobre mesmo la chega a ganhar até menos que mil euros por mes, e nao sao muitos o que passam os 3 mil. Lembrando que a media no Brasil é cerca de 1300 reais per capta, ou seja, seriam 4 mil reais pra cada familia de 3 pessoas, algo bem fora da realidade da maioria da população. Em proporções menores, o mesmo acontece na Espanha.

Ainda assim o transporte aqui é muito caro!
 

·
Banned
Joined
·
27,387 Posts
Mas claro que pesa, o brasileiro ganha pouco, e aqueles que ganham um pouco melhor, com parcelas de 265 reais, eles adquirem carros populares, então, vamos ver o que vai acontecer agora que os governos estão interessados em melhorar o sistema de transporte das cidades aonde tem sérios problemas, acho que o caso mais grave do Brasil é Brasília, com péssimo serviço oferecido aos usuários, se fosse somente local tudo bem, mas também acontece em nivel regional (RIDE) lá que é degradante.
 

·
Registered
Joined
·
7,546 Posts
Ainda que se compre carros gasta-se em média uns R$350/mês para encher o tanque, ainda há o IPVA, manutenção e seguro, no fim, é mais caro que o transporte público, porém mais confortável, acessível...
 

·
NON FVCOR FVCO
Joined
·
1,676 Posts
Aqui em POA o ônibus tá R$2, e não tem nada do tipo bilhete único ou outras promoções até chegar o TRI. Só integração com metrô, mesmo.

Falei sobre isso hj com um cobrador. Ele disse que o que encarece a passagem não são as isençõse, mas sim o total de impostos- 67% do preço total da passagem.

Sim, ele me disse 67%!
 
1 - 20 of 33 Posts
Top