SkyscraperCity banner

221 - 240 of 256 Posts

·
Registered
Joined
·
231 Posts
Pelo menos o arruamento, suas infraestruturas e o supermercado vão avançar já. Para o edifício cuja estrutura já está acabada também não deve ser difícil arranjar comprador pois ainda há falta de residências universitárias. O resto dos lotes vamos ver se continuam já ou se esperam melhores dias. Mas não me surpreende que o investidor queira saltar fora obtendo lucro já, se conseguir. Hoje em dia acontece muito venderem-se edifícios com as obras em andamento.
Continuam as obras... vários camiões por lá ... não sei se será só na parte do supermercado :nuts:
 

·
Moderator
Joined
·
17,494 Posts
Mota-Engil and Round Hill Continue Work on Project Tawny in Porto

Though it seems that work halted briefly on the site, Mota-Engil and Round Hill have assured us that work continues unabated. Pedro Bagulho, Executive Director at Mota-Engil, commented, “Mota-Engil continues to work closely with Round Hill Capital on the construction of the Project Tawny development in Porto, known as The Tannery, Amial, which is an exciting, significant mixed-use, urban regeneration development project. We look forward to continuing the work beyond the structure early in the new year and we are currently continuing infrastructure works.”

A spokesperson at Round Hill Capital added, “In June 2017, we acquired The Tannery, Amial, an eight-hectare site within the Porto Innovation District, a hub of university faculties, hospitals and technology start-ups close to major transport links. Clients advised by Round Hill Capital have committed €100 million for this significant mixed-use, urban regeneration development project that will be constructed over the next few years with completions based on market take up.

Good progress is continuing with the masterplan, designed by Bogle Architects, which was awarded a Commendation in the Mixed-Use category at the MIPIM/Architectural Review: Future Projects Award 2018. The development is progressing well and construction works are continuing on the necessary infrastructures and supermarket. The student accommodation block, phase 1, has reached its concrete structural completion with remaining works to follow.”

Project Tawny is slated for development into accommodations for 1,200 students, 200 residential flats, a hotel, shops, offices, a market, a supermarket, parking and gardens.
Notícia do mês passado.
 

·
Moderator
Joined
·
17,494 Posts
Eu acho que a imagem correcta é aquela com a torre. Pois o edificio que está em construção é o que está no render com a torre.

Agora, não me admirava se a torre tivesse ido ao ar, estamos no Porto afinal...
 

·
Moderator
Joined
·
71,549 Posts
^^^^^^^^^^^^^^^^

Mota-Engil e Round Hill “empenhadas” em avançar com a construção do projeto The Tannery no Porto

A construtora Mota-Engil e a Round Hill Capital – promotor do projeto – garantem estar empenhadas no avanço da construção do empreendimento The Tannery, localizado no Amial, no Porto.

Contudo, apesar de o reinício estar previsto para o início do ano, a situação mantém-se e tudo indica que assim continuará por mais algumas semanas. De salientar que as obras foram paradas, há vários meses, pela Mota-Engil, prevendo-se que a razão seja a falta de pagamento.

Numa nota enviada ao Imobiliário, da Vida Económica, Pedro Arrais, Head of Institutional Relations and Communication da Mota-Engil, destaca que o grupo “continua a trabalhar em estreita colaboração com a Round Hill Capital na construção do empreendimento Project Tawny no Porto, conhecido como The Tannery, Amial, um projeto de desenvolvimento de regeneração urbana de grande relevância para esta zona da cidade do Porto, com o qual estamos fortemente comprometidos com a sua concretização”.

O responsável da Mota-Engil, acrescenta que, “relativamente à fase de evolução, estamos atualmente a desenvolver os trabalhos nas infraestruturas e esperamos continuar o trabalho além da estrutura no início do próximo ano”.

Ou seja, no início de 2020. A posição da Round Hill – grupo de investidores britânico que integram os árabes da MEFIC, o consórcio de investidores – é de que “o desenvolvimento deste projeto, que decorrerá durante os próximos anos em função da aceitação do mercado”. Habitação com grande expressão Apresentado no início de 2018, os promotores estimavam o investimento de 100 milhões de euros no projeto.

De acordo com o alvará de licenciamento da operação, aprovado pela autarquia do Porto (Processo nº 9727/16/CMP), a componente de habitação – parte desta destinada a residências universitárias, que se prevê sejam à volta de mil quartos – ocupa parte significativa do projeto, destinado também a comércio, serviços (escritórios) e a aparcamentos. O projeto desenvolve-se num terreno de 78 mil m2 de área; com um total de sete lotes (A a H) de construção, num área máxima de construção de 109 mil m2, sendo a área máxima de construção acima do solo de 56 mil m2, num índice máximo de construção de 0.72.

Em construção encontram-se os lotes D e G – que foram fundidos, a pedido do promotor – e que ficam localizados à face da Rua do Amial. Os dois lotes foram os primeiros a avançar e encontram-se agora com a construção parada e na fase de estrutura. Trata-se de edifícios de 12 pisos acima da soleira, e três pisos abaixo, destinados a habitação/comércio/serviços e aparcamentos, num total de área de construção de 57 mil m2 de construção.

O segundo lote em construção – nesta altura a nível do primeiro andar – fica localizado no interior do quarteirão e tudo indica que se trata do lote C, que prevê uma área de construção de 23 mil m2 de construção, sendo que 11 mil m2 se destinam a habitação e serviços (residências universitárias de acordo com o edital publico) e o restante aparcamentos/arrumos e áreas técnicas, num edifício em torre com 25 andares acima do solo e dois abaixo.

Procurámos junto da CMP – que na altura apresentou o projeto como de grande importância para a regeneração urbana de esta zona da cidade e também pela sua importância na rede Porto Innovation District – contudo, não recebemos resposta.

Fonte: https://ardina.news/article/2020_01_10_2146385589_mota-engil-e-round-hill-empenhadas-em-avancar-com-a-construcao-do-projeto-the-tannery-no-porto
 

·
Moderator
Joined
·
17,494 Posts
Vamos a ver se sempre avança. Mas parece que a notícia confirma que a torre faz parte do projecto actual. Podemos é nunca chegar a essa fase...
 

·
Registered
Joined
·
877 Posts
Quem passa na Via Norte no nó da circunvalação em direção à VCI , dá para ver o esqueleto dum edificio alto que estão a construir , deve ser a tal torre.
 
221 - 240 of 256 Posts
Top