Skyscraper City Forum banner
Status
Not open for further replies.
1 - 20 of 27 Posts

·
www.goianiabr.com.br
Joined
·
560 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Após 63 Anos No Setor Oeste, Parque Será Transferido Para Área Próxima Ao Ribeirão João Leite. Planta Desenvolvida Para O Jardim Botânico De Goiânia Deve Ser Reaproveitada

A região norte de Goiânia deverá receber o novo jardim zoológico. O local, ainda não definido, deverá margear a barragem do Ribeirão João Leite. A Secretaria Municipal de Turismo (Semtur) tem planos para transferir o parque agropecuário para a mesma região. “É a região com maiores perspectivas para construção de atrativos turísticos para a Capital”, afirma o secretário Euler de Morais.

A alternativa é uma área na região sudoeste. A decisão sobre a área em que se abrigará o zoológico está a cargo da Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma). O presidente da Amma, Clarismino Ferreira Júnior, avalia que o local exato deve ser definido ainda este ano. A transferência total do zoológico pode acontecer até o fim desta gestão.

A região norte de Goiânia é considerada o novo eixo de crescimento da Capital. A presença de novos empreendimentos imobiliários seria fator que favoreceria a presença de atrativos turísticos. Euler de Morais afirma que a faixa de terra próxima à barragem do João Leite deveria ser transformada em área de transição, na qual a prefeitura construiria atrativos turísticos, como o novo zoológico e o parque agropecuário. O local tem, aproximadamente, 260 alqueires. O Jardim Botânico, cogitado inicialmente para abrigar o novo zoológico, foi descartado por estar em área urbanizada. Sobre a planta da área foi projetado o conceito do novo parque, o que, segundo Clarismino, pode ser adaptado para o local escolhido futuramente (veja gráfico ao lado). Duas áreas nas porções leste e noroeste da Capital foram avaliadas, mas consideradas inviáveis.

Corrida
A corrida pela escolha do novo zoológico começou após o fechamento temporário do parque, na última segunda-feira, 20, em decorrência da morte de animais desde o início do ano. Ontem, o prefeito Iris Rezende solicitou à equipe de governo que a nova área fosse definida o mais rápido possível. A previsão é de que o novo empreendimento custe R$ 10 milhões e tenha 300 mil metros quadrados.

A discussão sobre a transferência, entretanto, é mais antiga do que a crise que motivou a pressa em se definir um novo local. Partidários da mudança afirmam que a atual estrutura, de 63 anos, no Setor Oeste, não teria mais condições de oferecer conforto aos animais, além de ter conceito ultrapassado. “Queremos um zoológico semelhante a um bioparque, sem a ideia de animais enjaulados”, diz Clarismino.

Parceria com Escola de Veterinária da UFG

A direção do Zoológico de Goiânia firmou, ontem, parceria com a Escola de Veterinária (EV) da Universidade Federal de Goiás (UFG) que permitirá intercâmbio entre as duas instituições. Segundo o diretor do parque, Raphael Cupertino, o objetivo maior é garantir a coleta e realização de exames nos animais. Todas as análises serão realizadas no laboratório da unidade acadêmica.
Em contrapartida, professores e alunos da UFG poderão estagiar e realizar pesquisas dentro do parque. A parceria entre as instituições já existia extraoficialmente. Pelo acordo, funcionários do zoológico poderão usar a estrutura da EV no caso de procedimentos mais delicados nos animais, como cirurgias ou o uso da ultrassonografia, cujo aparelho não existe no parque.

Em meio às mortes de animais e fechamento, uma boa notícia. Há uma semana, um filhote de macaco-aranha de cara preta, espécie ameaçada de extinção, nasceu no parque. Os tratadores evitaram contato com o filhote para evitar rejeição pela mãe. Ele, no entanto, aparenta disposição. “Ele está grudado à mãe o tempo todo, o que indica que ele está forte. A mãe também é bastante cuidadosa, o que é bom sinal”, avalia Raphael Cupertino.
A espécie é nativa de florestas úmidas e é encontrada no Brasil, Bolívia e Peru. As fêmeas dão à luz a um único filhote e o intervalo entre as gestações varia de três a quatro anos. O animal também tem dificuldades em reproduzir em cativeiro. “Para o animal procriar nessas condições, é preciso que ele esteja bem-adaptado ao ambiente”, afirma Cupertino.
 

·
Eng. Tráfego e Designer
Joined
·
13,970 Posts

·
Marcelo Alves
Joined
·
639 Posts
Olha o nível de desespero e loucura da prefeitura e do DM em conjunto.

O que estão tentando fazer é inverter o foco da situação vexatória e calamitosa que encontra-se o Zoo de Goiânia atualmente, para a fantasia de uma administração eficaz e focada nas questões sociais e infraestruturais da capital.

O texto publicado no DM traz um projeto eleborado para uma área que não será a do futuro parque mas que, de acordo com a matéria, será reaproveitado.
Que loucura. Será que vão clonar o parque ecológico em outro local? Assim é possível utilizar o mesmo projeto em área distinta!

Até hoje, após mais de 2 anos, não conseguiram sequer reformar o parque ao lado do Zoo. Imaginem então mudar o próprio Zoo de local.
 

·
Eng. Tráfego e Designer
Joined
·
13,970 Posts
Olha o nível de desespero e loucura da prefeitura e do DM em conjunto.

O que estão tentando fazer e inverter o foco da situação vexatória e calamitosa que encontra-se o Zoo de Goiânia atualmente, para a fantasia de uma administração eficaz e focada nas questões sociais e infraestruturais da capital.

O texto publicado no DM traz um projeto eleborado para uma área que não será a do futuro parque mas que, de acordo com a matéria, será reaproveitado.
Que loucura. Será que vão clonar o parque ecológico em outro local? Assim é possível utilizar o mesmo projeto em área distinta!

Até hoje, após mais de 2 anos, não conseguiram sequer reformar o parque ao lado do Zoo. Imaginem então mudar o próprio Zoo de local.


Se tratando do atual gestor goianiense tudo é esperado...
 

·
Registered
Joined
·
2,292 Posts
Vergonha! Essa é a palavra. Chegaram a um ponto tão extremo que o Zoo foi fechado, provavelmente agora especularam muita coisa, divulgaram várias noticias e projetos..
 

·
Registered
Joined
·
60 Posts
É bom ver que algumas cidades estão investindo em Meio Ambiente e Qualidade de Vida. Goiânia estás de parabéns. Linda cidade
 

·
Registered
Joined
·
22,320 Posts
Vergonha! Essa é a palavra. Chegaram a um ponto tão extremo que o Zoo foi fechado, provavelmente agora especularam muita coisa, divulgaram várias noticias e projetos..
Realmente é uma vergonha!
Espero que esse projeto saia do papel para o bem dos animais, do jeito que a situação está não dá para continuar.
 

·
Registered
Joined
·
2,372 Posts
Realmente é uma vergonha!
Espero que esse projeto saia do papel para o bem dos animais, do jeito que a situação está não dá para continuar.
têm tantos anos que escuto essa notícia de mudanda do zoo e eu particularmente acredito que goiânia ainda perca esse zoo para alguma cidade do entorno..
 

·
www.goianiabr.com.br
Joined
·
560 Posts
Discussion Starter · #12 ·
aCho q eles estão esperando morrer mais uns 50 animais...
e a noticia ser destaque no jornal nacional e No mundo a fora....
aí sim eles tomam Uma atitude sobre o ZOO...
Infelizmente o nosso Pais e assim... :eek:hno:
 

·
Eng. Tráfego e Designer
Joined
·
13,970 Posts
aCho q eles estão esperando morrer mais uns 50 animais...
e a noticia ser destaque no jornal nacional e No mundo a fora....
aí sim eles tomam Uma atitude sobre o ZOO...
Infelizmente o nosso Pais e assim... :eek:hno:

Bom.. se era por falta de aparecer em algum jornal a nível nacional, já podem começar as obras então.. pois na semana passa o Jornal Hoje noticiou as mortes (misteriosas) dos animais do Zoo de GYN
 

·
Registered
Joined
·
2,292 Posts
têm tantos anos que escuto essa notícia de mudanda do zoo e eu particularmente acredito que goiânia ainda perca esse zoo para alguma cidade do entorno..
Eu particularmente penso que no entorno ficaria melhor, porém ja foram apresentados projetos até mais audaciosos para a criação do Zoo na em outras cidades da RM e foram descartados, a prefeitura de Gyn não vai querer perder essa fácil.
 

·
www.goianiabr.com.br
Joined
·
560 Posts
Discussion Starter · #15 · (Edited)
Acredito que o novo zoo na Rm de Gyn n ficaria legal....
e a Rigião Norte n e um Pessimol lugar não...

haa como eu vi hj no joral... ja morreu mais um animal...
"O zoo perde seu 9° animal no Ano" ¬¬
 

·
www.goianiabr.com.br
Joined
·
560 Posts
Discussion Starter · #16 ·
Amma aguarda relatórios para iniciar adequações

Charles Daniel

O presidente da Agência Municipal de Meio Ambiente (Amma), Clarismino Júnior, disse ontem durante audiência pública na Câmara de Goiânia para discutir a situação do zoológico, que aguarda os relatórios do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), do Ministério Público Estadual e Federal e do Conselho Regional de Veterinária para iniciar as adequações na área do zoológico de Goiânia, mas informou que o projeto definitivo é a construção de um novo zoológico, em nova área.

Ele informou que serão investidos R$ 2,5 milhões na drenagem do lugar e R$ 1,7 milhões na revitalização do Lago das Rosas, ambas as obras iniciadas. O investimento na revitalização do zoológico, porém, ainda não foi definido. “Com a transferência dos animais para a nova área, além da revitalização de todo o complexo, o lugar poderá ser aproveitado como Centro de Educação Ambiental e continuar com animais de pequeno porte”, assegurou.

Clarismino revelou que a nova área do parque ainda não foi definida. Ele lembra que inicialmente pensou-se na transferência para o Jardim Botânico, mas, após a constatação de impactos negativos apresentados por estudiosos das universidades goianas, ele disse que o prefeito de Goiânia, Iris Rezende (PMDB), preferiu buscar novas áreas.

O presidente da Amma informou que a Amma vai atender a todas as reivindicações dos segmentos da sociedade.


http://www.hojenoticia.com.br/editoria_materia.php?id=26053
 

·
Registered
Joined
·
1,858 Posts
^^
Passei recentemente pelo Lago das Rosas e percebi que, embora seja meio imperceptível, as obras estão andando. O local já começa a apresentar a sua cara nova e parece que ficará muito bonito.
 

·
www.goianiabr.com.br
Joined
·
560 Posts
Discussion Starter · #18 ·
Vi no jornal.. Regional de Gyn...
que só esse ano morreram 60 animais no Zoo..
:eek:hno: :eek:hno:

Onde isso vai acabar??? :eek:hno:
 

·
.
Joined
·
13,731 Posts
Ataque noturno mata nove animais no Zoológico de Goiânia


Oito tracajás e uma tartaruga da Amazônia foram encontrados mortos, na manhã de ontem, no recinto onde viviam, no Zoológico de Goiânia. Os animais estavam mutilados, faltando patas e, em alguns casos, a cabeça. A suspeita da direção do parque é de que os quelônios tenham sido vítimas do ataque de algum animal carnívoro, que tenha vida livre do zoo ou que tenha entrado no parque.

Um tracajá, também vítima dos ataques, está sendo tratado pelos técnicos do zoo, mas seu estado é considerado muito grave. Ele teve uma das patas arrancadas e as vísceras expostas, o que favorece o desenvolvimento de infecções.

O ataque teria ocorrido durante a madrugada de ontem, quando o recinto estava sendo esvaziado para manejo. Ao chegarem para realizar a limpeza, funcionários se depararam com os animais mutilados e espalhados pelo chão.

De acordo com o diretor do Zoológico, Raphael Cupertino, não existem registros de ataques semelhantes no local. Segundo ele, o esvaziamento e limpeza do recinto são feitos a cada dois meses. Cupertino frisa que o fato levanta discussões sobre alterações no recinto. Segundo ele, as modificações devem ser feitas a partir da assinatura de termo de ajustamento de conduta (TAC) com o Ministério Público (MP), que prevê outras adequações no parque.

Uma das medidas, diz, deve ser a construção de uma barreira física mais alta. “Vai ser ruim para os visitantes, mas precisamos pensar no bem-estar dos animais.”

Com a morte dos nove quelônios e de um waterbuck (ruminante originário da África), que nasceu morto na quinta-feira, sobe para 60 o número de animais mortos no zoológico de Goiânia nos últimos meses. “O animal não respirou ao nascer”, explica o diretor do zoológico. Entre as medidas para evitar novos ataques e garantir a segurança dos animais, o zoológico já providenciou o enchimento do recinto com água e deve implantar uma vigília noturna para tentar flagrar o agressor.

A suspeita é de que o ataque aos quelônios tenha sido praticado por predadores de pequeno porte, já que, apesar da mutilação, as carapaças dos animais não foram trituradas. Gerente de Proteção e Manejo da Fauna Silvestre da Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma), Marize Moreira Gibrail afirma que o tipo de lesão indica que os animais possam ter sido vítimas de algum mamífero carnívoro de pequeno porte, como furão, mão-pelada, quati ou gambá, ou aves aquáticas, como socó-dorminhoco ou cabeça-seca, que possuem vida livre no zoo.

Marize explica que só o resultado da perícia e análise dos técnicos poderá identificar o autor das mortes. Ténicos do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama), policiais da Delegacia Estadual do Meio Ambiente (Dema) e peritos da Polícia Técnica e Científica estiveram ontem no zoo para fazer levantamentos sobre o ocorrido. O delegado titular da Dema, Luziano de Carvalho, diz que as mortes dos oito tracajás e da tartaruga da Amazônia serão investigadas no mesmo inquérito que apura outras mortes, além de denúncias de maus-tratos contra animais do plantel do zoo.

http://www.opopular.com.br/anteriores/22ago2009/cidades/10.htm
 
1 - 20 of 27 Posts
Status
Not open for further replies.
Top