SkyscraperCity banner

4301 - 4320 of 4902 Posts

·
.
Joined
·
143,094 Posts
Neto diz que prefeitura vai anunciar reabertura das praias na sexta-feira (18)
No entanto, medida será com limitação de dias e horários de funcionamento

Eduardo Dias

Foto: SecomFoto: Secom

O prefeito ACM Neto (DEM) disse na manhã desta quinta-feira (17) que a prefeitura estuda um protocolo de reabertura das praias da cidade para a sexta-feira (18), mas ainda com algumas restrições. Segundo ele, serão limitados dias de funcionamento, horários e algumas atividades que poderão ser praticadas nas areias. A fala ocorreu durante coletiva de imprensa após a entrega da nova sede do Prato Amigo, na região da Polêmica, em Brotas.
“É muito provável que amanhã nós tenhamos alguns anúncios. Estamos em fase de fechamento do protocolo de reabertura das praias. Já disse e vou repetir: esta reabertura será lenta e gradual. Vai começar a acontecer, não vai demorar muito, mas não vamos permitir que ao mesmo tempo voltem todas as praias. Muito provavelmente vamos limitar os dias da semana de funcionamento, os horários e as atividades. Vamos começar a voltar com calma, cautela e prudência”, disse o prefeito, que revelou que terá uma reunião com a equipe técnica de protocolos da prefeitura para avaliar a flexibilização de medidas restritivas nas praias da cidade.
Segundo Neto, quando a prefeitura optou pelo fechamento das praias, foi feito o cadastro de trabalhadores que dependiam diretamente delas para se sustentarem, para que pudessem ser assistidos pela prefeitura.
“Quando nós fizemos o fechamento das praias, incluímos os comerciantes cadastrados no programa Salvador por todos e eles estão recebendo, desde o mês de abril o apoio de R$ 270 por mês por parte da prefeitura. Além disso, muitos ambulantes também foram incluídos no programa de recebimento de cestas básicas. Já fizemos a distribuição de quase 1 milhão de cestas básicas nesse período. Então, a prefeitura sabendo o impacto que a interdição das praias teria na vida dessas pessoas, muitas nas quais perderam, de fato, a sua renda, teve a preocupação de incluir essas pessoas no recebimento no programa Salvador por todos e continuarão até que as prais sejam reabertas”, disse.
Ainda de acordo com o prefeito, ele encaminhou para a Câmara Municipal de Salvador (CMS) um projeto de lei para que fosse aprovado o pagamento do auxílio até o final do ano. “Encaminhei esta semana um projeto de lei para a Câmara Municipal pedindo a autorização para manter esse pagamento até dezembro. Espero que seja aprovado”, completou.

 

·
Registered
Joined
·
16,468 Posts
Uma praça ÁRIDA em Ondina.

A Praça de Ondina sofre com o descaso há anos. Quando não está ocupada por estruturas do
Camarote Salvador
(no período do verão), está esburacada, cheia de matos e sem condições de uso.

Recentemente foi iniciada uma obra (não sabemos quem está por trás... não há placas indicando a responsabilidade, o nome do engenheiro e o da empresa), sem a anuência dos moradores e comerciantes da região. Essa obra, cimentou ainda mais o estacionamento, retirou os bancos e não projetou canteiros para o plantio de árvores(!) A praça, que deveria ser um local para contemplação do mar, descanso e lazer de famílias e turistas, transformou-se em uma área quente, muito quente, sem nenhum conforto térmico e paisagismo.
Muitos dizem, e começamos a acreditar fortemente nisso, que a indústria do carnaval a quer dessa maneira, já que o cimento ajuda na sustentação das estruturas dos camarotes e árvores e qualquer outro mobiliário fixo, prejudicam (vide obra de "requalificação da orla da Barra").

Do outro lado da praça, outro deserto foi montado, uma extensa área foi dedicada ao cimento, aumentando a temperatura do local e diminuindo a permeabilidade do solo.
Não entendemos, sinceramente, o conceito de "praça" que os projetistas da
Prefeitura de Salvador
possuem. Um local árido, sem bancos, sem árvores, sem equipamentos de lazer, não é convidativo, isso nós temos certeza.
Os fiscais da
FMLF - Fundação Mario Leal Ferreira
poderiam passar por lá, ver o que está sendo feito e cobrar soluções, afinal a praça é do povo... ou não?






















Fonte: Amabarra - SOS Barra
 

·
Registered
Joined
·
100,737 Posts
Discussion Starter #4,312
  • Audiência pública discute obra na orla de Stella Maris

526229


A obra de requalificação da orla de Stella Maris, Praia do Flamengo e Ipitanga será debatida nesta sexta-feira, 18, pela Ouvidoria da Câmara Municipal de Salvador.
Presidente da Associação Stella4Praias, Clarice Bagrichevsky manifesta indignação com a obra. "Estamos habituados - não conformados - com a falta de transparência e de processos participativos efetivos da sociedade na gestão da cidade. No caso da requalificação da orla do bairro de Stella Maris, o desacerto é pior. Frustram os canais do diálogo e das normas legais", declara.
A audiência pública virtual terá início às 15h, com transmissão ao vivo pela TV Câmara, no canal aberto 12.3, no Portal da Câmara: www.cms.ba.gov.br e através do Facebook/@tveradiocam.


 

·
.
Joined
·
143,094 Posts
Gravado em Salvador, Lucius Gaudenzi, Kaywa Hilton e Lili Almeida estrelam novo projeto da Stella Artois
Gravado em Salvador, Lucius Gaudenzi, Kaywa Hilton e Lili Almeida estrelam novo projeto da Stella Artois


O Farol da Barra e o Lucius Restaurante, localizados na capital baiana, são os cenários do projeto "Stella Chef Salvador", da Stella Artois, que promete levar os sabores e as belezas da Bahia para o mundo.

Protagonizada por Lucius Gaudenzi, além de Kaywa Hilton e Lili Almeida, participantes do Mestres do Sabor, o documentário vai apresentar a personalidade, características e história de cada chef, mostrando um pouco das suas experiências e desafios e exaltando o que há de melhor no cenário gastronômico baiano. A perspectiva é que o projeto se torne nacional, com conteúdos sobre diversos outros lugares do Brasil.

O resultado será veiculado no canal oficial da Stella Artois no Youtube e o público também poderá experimentar alguns pratos dos chefs participantes através da plataforma ChefHub, um marketplace de experiências gastronômicas.

 

·
.
Joined
·
143,094 Posts
Praias de Salvador são liberadas, mas só nos dias da semana
Porto da Barra, Buracão e Paciência continuam fechadas por enquanto


As praias de Salvador foram liberadas para uso de banhistas pelo prefeito ACM Neto nesta sexta-feira (18), valendo para a próxima semana. Todas continuarão fechadas nos finais de semana e algumas também às segundas. Em dias de feriado, nenhuma poderá abrir. O uso de máscara é obrigatório enquanto a pessoa estiver na areia.

Nesse primeiro momento, o Porto da Barra, a praia do Buracão e a Paciência, as duas últimas no Rio Vermelho, continuam fechadas. Segundo Neto, na Barra os banhistas podem frequentar a praia do Farol.
Já São Tomé de Paripe, Tubarão, Ribeira, Amaralina e Itapuã terão funcionamento liberado apenas de terça a sexta. Todas as outras da cidade terão funcionamento de segunda a sexta. O horário é livre nos dias liberados para todas as praias.
"Não estamos permitindo o funcionamento das praias no final de semana e nem feriados para evitar aglomerações. No caso do Porto da Barra, do Buracão e da Paciência, elas não vão reabrir porque possuem uma faixa de areia muito pequena e que tradicionalmente aglomeram muita gente, independente do dia", disse ."É uma questão de segurança. Mesmo nos dias de semana poderiam ser palco de aglomeração", continuou. "No caso das praias do Subúrbio, Ribeira, Amaralina e Itapuã, elas também costumam reunir muita gente às segundas e por isso não estarão abertas nesse dia", explicou ACM Neto, que falou durante inauguração de obra no Stiep.

Também está proibido por agora comércio nas praias - ou seja, ambulantes não podem vender comida ou bebida. Neto lembrou que ambulantes cadastrados no Salvador por Todos estão recebendo desde abril auxílio de R$ 270 da prefeitura. "Nesse momento não adianta. Pode fazer comércio, pode reclamar. Nesse momento não dá para permitir a retomada de nenhuma atividade comercial nas praias", afirmou.
Não haverá limite de pessoas, mas elas devem manter distanciamento de 1,5m para os outros frequentadores. Por enquanto, os banhistas não podem levar cadeira, guarda-sol ou isopor para a praia. A prática de atividade esportiva individual ou em dupla está liberada nas praias, mas coletiva continua proibida. A Guarda Municipal vai fazer a fiscalização.
"Tudo foi pensado para que a reabertura das praias de Salvador não signifique um convite para aglomerações, para que a praia se torne um palco das multidões e da multiplicação da covid", afirmou o prefeito. "Piquinique, luau, evento... Por enquanto não. Vamos para a praia tomar banho de mar, tomar um sol, e volta pra casa", disse. "Não é hora de estar fazendo festa, comemoração e batuque na praia".
Flexibilizações
O prefeito também anunciou a flexibilização de outras atividades já liberadas nas fases da retomada. As concessionárias de veículos estão liberadas para a realização de test drive. Já os cursos livres poderão ampliar o horário de funcionamento até as 22h (antes o limite era 19h).

"O protocolo do test drive das concessionárias será o mesmo das aulas práticas das autoescolas", disse. Ou seja, deverá ser disponibilizado álcool em gel 70% em todos os veículos. Além disso, volante, câmbio, freio de mão, maçaneta, espelhos retrovisores, cintos de segurança, tablets e todos os outros pontos de contato nos carros precisarão ser higienizados antes e após cada aula prática. Será obrigatório o uso de máscara dentro do automóvel.

 

·
.
Joined
·
143,094 Posts
Praias serão reabertas, mas Porto da Barra, Paciência e Buracão seguem interditadas em Salvador
Fica proibido o comércio de ambulantes nas praias, inclusive de alimentos e bebidas.

PRAIA EM SALVADOR. FOTO: @MYPHANTOMTOY
A Prefeitura de Salvador anunciou hoje (18) a reabertura de algumas praias em Salvador. Inicialmente, algumas voltarão normalmente, outras com limite e outras seguirão interditadas, como é o caso do Porto da Barra – na Barra, Buracão e Paciência – no Rio Vermelho.
As praias de São Tomé de Paripe, Tubarão, Ribeira, Amaralina e Itapuã serão reabertas entre terça (22) e sexta-feira (25). Nos feriados as praias permanecem fechadas.
Fica proibido o comércio de ambulantes nas praias, inclusive de alimentos e bebidas.

 

·
Registered
Joined
·
65 Posts
Uma praça ÁRIDA em Ondina.

A Praça de Ondina sofre com o descaso há anos. Quando não está ocupada por estruturas do
Camarote Salvador
(no período do verão), está esburacada, cheia de matos e sem condições de uso.

Recentemente foi iniciada uma obra (não sabemos quem está por trás... não há placas indicando a responsabilidade, o nome do engenheiro e o da empresa), sem a anuência dos moradores e comerciantes da região. Essa obra, cimentou ainda mais o estacionamento, retirou os bancos e não projetou canteiros para o plantio de árvores(!) A praça, que deveria ser um local para contemplação do mar, descanso e lazer de famílias e turistas, transformou-se em uma área quente, muito quente, sem nenhum conforto térmico e paisagismo.
Muitos dizem, e começamos a acreditar fortemente nisso, que a indústria do carnaval a quer dessa maneira, já que o cimento ajuda na sustentação das estruturas dos camarotes e árvores e qualquer outro mobiliário fixo, prejudicam (vide obra de "requalificação da orla da Barra").

Do outro lado da praça, outro deserto foi montado, uma extensa área foi dedicada ao cimento, aumentando a temperatura do local e diminuindo a permeabilidade do solo.
Não entendemos, sinceramente, o conceito de "praça" que os projetistas da
Prefeitura de Salvador
possuem. Um local árido, sem bancos, sem árvores, sem equipamentos de lazer, não é convidativo, isso nós temos certeza.
Os fiscais da
FMLF - Fundação Mario Leal Ferreira
poderiam passar por lá, ver o que está sendo feito e cobrar soluções, afinal a praça é do povo... ou não?













Fonte: Amabarra - SOS Barra
Acho que batemos muito nessa tecla aqui e devemos cobrar e pressionar o município a dar esclarecimento sobre isso, fica muito evidente que essas obras são projetadas para facilitar a vida dos empresários do nicho carnavalesco em detrimento de toda a população, a cidade está se tornando desagradável e com uma beleza bastante questionável diante da falta de arborização e paisagismo em todas as obras que tem sido realizadas.

Isso é uma aberração, assim como aquela orla de Armação e Jardim de Alah é outra aberração e até mesmo a orla da Barra que sequer foi harmonizada com jardineiras que é algo bem simples de se fazer.

Já que aqui há tanta discursão em torno de nosso ambiente urbano, poderíamos debater aqui a criação de um documento abordando essa temática da desertificação de nossa paisagem urbana e os impactos no bem estar da população incluindo aí desconforto térmico e até incidência de doenças relacionadas a grande exposição a radiação solar e divulgar esse documento fazendo que chegue até o poder municipal e até mesmo da imprensa para mudarmos esse cenário preocupante aqui da nossa cidade.
 
4301 - 4320 of 4902 Posts
Top