Skyscraper City Forum banner
1 - 20 of 21 Posts

·
Registered
Joined
·
7,018 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Novo Jardim Botânico terá mais dois orquidários em área de clube
Plano de revitalização do parque prevê ainda reforma de aqueduto e jardim de Burle Marx, entre outras novidades


Gilberto Scofield Jr.
Publicado: 22/05/14 - 5h00


Chafariz. Uma das atrações do Jardim Botânico: entre as novidades previstas para o parque, está a criação de um novo centro de visitantes, o funcionamento de um portal bilíngue (português-inglês) e a instalação de 67 câmeras
Foto: Pedro Kirilos / Agência O Globo


RIO — Quando a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, visitar o Jardim Botânico no próximo dia 6 para inaugurar um punhado de novidades do parque — que incluem um novo centro de visitantes próximo ao restaurante La Bicyclette, o funcionamento de um portal bilíngue (português-inglês), a ampliação dos carros elétricos de cinco para dez, a criação de um aplicativo para celulares e o fornecimento de tablets com passeios e informações sobre o parque, a construção de bicicletários e a reforma dos banheiros, além da instalação de 67 câmeras de vigilância em pontos estratégicos —, ela estará fazendo bem mais que anunciar os planos do lugar para a Copa do Mundo.

Nas palavras da presidente do Jardim Botânico, Samyra Crespo, esse é o pontapé inicial de um ambicioso projeto da instituição para se transformar no maior e mais influente parque botânico, centro de pós-graduação em ecologia e botânica tropical e laboratório de genética de plantas do país. A tarefa, no entanto, só será possível com a retomada do terreno que, historicamente, pertence à instituição e com a desapropriação dos imóveis de 520 famílias que, segundo o governo, ocupam irregularmente o local. Trata-se de ocupações que sequestram um terço do tamanho original do jardim (1,325 milhão de metros quadrados).

— Com a ajuda de pesquisas de opinião, de consultorias e do Conselho de Sustentabilidade do Jardim Botânico, estabelecemos um plano de medidas, além da decisão, recém-tomada, de fechar às segundas-feiras para permitir a recuperação dos espaços públicos e de desativarmos, até 2 de junho, o estacionamento da Rua Jardim Botânico. O fato é que passamos de uma visitação de 600 mil pessoas por ano, em 2007, para um milhão, ano passado. Sem ajustes, não cabe tanta gente, e o risco de degradação é grande — diz Samyra.

O foco imediato, com a chegada da Copa, é a excelência no atendimento. Mais 60 profissionais, entre guardas, bilheteiros e monitores, serão capacitados para engordar o time de 110 pessoas que fazem a segurança e o atendimento no parque. Esse contingente recebeu treinamento em inglês instrumental, conhecimento sobre história e atrativos do jardim e uma espécie de manual de etiqueta com dicas de abordagem gentil. Explica-se: por incrível que pareça, o roubo mais comum no Jardim Botânico hoje é praticado por idosas, que levam para casas orquídeas do orquidário do lugar.

— Eu não preciso de um guarda armado ali. Eu preciso de um monitor capaz de conversar com essas senhoras, com tato, sobre a inconveniência e a ilegalidade do ato — conta Samyra.

Corredor com Maciço da Tijuca

As primeiras obras — R$ 3 milhões de investimentos com a ajuda de patrocinadores, principalmente — já começaram no terreno de quatro mil metros quadrados onde funcionava ilegalmente o Clube Caxinguelê. Ali, as máquinas derrubaram casas e quadras, e o local vai abrigar dois novos orquidários, que já devem estar funcionando em dois meses. Haverá ainda a recuperação total do antigo Aqueduto da Levada, construído em 1853. A construção histórica havia sido soterrada pelo clube, que, em cima, ergueu uma arquibancada. Em um ano, quando estiver pronta a reforma, a estrutura, que lembra os Arcos da Lapa em miniatura, vai captar as águas de nascentes naturais da região para irrigar as plantas e abastecer o próprio Jardim Botânico. Por fim, a longo prazo e com a oferta de água, no local será construído um jardim projetado pelo escritório de Burle Marx, harmonizando lagos e plantas e recuperando um terreno hoje degradado pelo lixo e pela falta de cuidado com a natureza.

— O que houve aqui foi a privatização irregular, ao longo do tempo, de um patrimônio público que, por sua importância, não pertence somente aos cariocas. Pertence ao Brasil inteiro. O que estamos fazendo é trazer de volta a área que é do parque, com a responsabilidade social de recolocar essas famílias em locais o mais próximo possível do jardim — diz Samyra.

— As obras servirão para ligar de novo o parque com o Maciço da Tijuca num corredor natural — explica João Rezende, assessor de Assuntos Estratégicos do Jardim Botânico.

Lentidão na transferência de famílias

A presidente do instituição critica a lentidão com que a prefeitura vem tratando a questão da transferência das 520 famílias cadastradas e que se encontram em situação irregular. Ela informou que, depois que a delimitação do terreno do Jardim Botânico foi legalmente definida ano passado, criou-se um escritório para recadastramento das famílias. Só 123 se inscreveram. Ainda assim, há 117 ações de reintegração de posse transitadas em julgado, ou seja, que permitem a desocupação do local já. Segundo Samyra, é necessário acelerar a concessão de alvarás e a instrução da base de apoio do prefeito Eduardo Paes na Câmara dos Vereadores, para a mudança de gabarito necessária para a construção das moradias.

— Com a cessão da área da Secretaria de Patrimônio da União ao Jardim Botânico, em março passado, nós agora precisamos de mudanças de gabarito e zoneamento que permitam a construção de pequenos prédios e projetos do Minha Casa, Minha Vida. No terreno do Toalheiro Brasil (no bairro do Jardim Botânico), que o próprio Paes escolheu como possível lugar para receber 120 famílias, é necessária uma mudança de gabarito. O fato é que temos projetos e recursos, mas não as autorizações da prefeitura para fazer o processo acelerar. Essa parceria precisa andar melhor — diz Samyra.

Mas os projetos não param aí e incluem reformas para melhorar acessibilidade, a construção de quiosques de livros para leitura ao ar livre, a criação de roteiros históricos ligando o jardim ao crescimento da cidade, a requalificação de áreas degradadas por ocupações e a instalação de estufas para novas espécies.

Briga judicial se arrasta há três décadas

Objeto de uma batalha judicial que dura três décadas, a doação de terras do Jardim Botânico a antigos funcionários virou um fardo para o parque. Os imóveis das chamadas comunidades do Horto foram passados de pais para filhos e até alugados e vendidos. No últimos anos, o assunto ganhou conotação política, pois a presidente da Associação de Moradores do Horto, Emília Souza, é filiada ao PT e é irmã do deputado petista Edson Santos.

Várias ações de reintegração de posse foram movidas pelo Ministério Público Federal (MPF) e pelo extinto Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal (IBDF), mas acabaram não executadas. Acionado, o Tribunal de Contas da União (TCU) também estabeleceu medidas e prazos. A questão só começou a ser resolvida em maio do ano passado, quando a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, anunciou a delimitação do parque.

Dentro dos limites do parque, há 520 imóveis que terão de ser desocupados. Outros 101, da comunidade Vila Castorina, permanecerão. Estão sendo estudadas soluções para incluir as famílias em programas do governo federal como o Minha Casa, Minha Vida e o Compra Assistida.

Novidades previstas

Mobilidade: A consultoria KPMG foi contratada para elaborar um estudo de mobilidade que melhore a acessibilidade e amplie o uso de biciletas, inclusive com um novo bicicletário.

Jardim virtual: Aplicativos em celulares e tablets ajudarão os visitantes a se localizarem no parque e a conhecê-lo melhor

Roteiros históricos: Passeios temáticos serão criados e explicarão, por exemplo, que no Império ter uma palmeira imperial na porta de casa era símbolo da aristocracia.

Sustentabilidade: Estudos vão inventariar as emissões de CO2 do parque e dizer como neutralizá-las. O uso de energia eólica como parte de um programa de eficiência energética está previsto.

Qualidade: Reforma do centro de visitantes para adaptá-lo a plataformas virtuais e treinamento permanente de funcionários.

Reflorestamento: Requalificação das áreas invadidas por moradias informais, recompondo matas ciliares dos rios Macaco e Iglesias e o Grotão, coração da mata que liga o Jardim Botânico ao Maciço da Tijuca.

Biomas: Criação de curadoria das coleções vivas do jardim, para ter mais representatividade das espécies dos biomas brasileiros no arboreto, que será ampliado até 2016.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/rio/novo-ja...arios-em-area-de-clube-12562640#ixzz32RRpTxiz
© 1996 - 2014. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,189 Posts
Pretendo conhecer o Jardim agora em junho.

Que a revitalização caminhe com sucesso.
 

·
Rio de Janeiro
Joined
·
31,353 Posts
Ótima notícia para os cariocas e turistas! :eek:kay:
 

·
Feliz Natal
Joined
·
15,678 Posts
O JB é dos meus lugares favoritos no Rio...
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,189 Posts
Aproveite e vá conhecer também o Parque Lage, que fica ali pertinho, e é também extremamente especial.
Do que se trata exatamente, Osmar?

Vou ficar 47 dias no Rio, dicas são bem-vindas!

Quero ir à vista Chinesa, Cristo, Pão de Açúcar (de novo), MAR, CCBB, Pedra do Sal, barzinhos da Lapa, praias, Quinta da Boa Vista e não sei o que mais ;)
 

·
Registered
Joined
·
30,267 Posts
Do que se trata exatamente, Osmar?

Vou ficar 47 dias no Rio, dicas são bem-vindas!

Quero ir à vista Chinesa, Cristo, Pão de Açúcar (de novo), MAR, CCBB, Pedra do Sal, barzinhos da Lapa, praias, Quinta da Boa Vista e não sei o que mais ;)

O Parque Lage é um dos mais deslumbrantes parques do Rio. No passado foi a residência de Dr. Henrique Lage e sua esposa, a cantora lírica Gabriela Benzanzoni Lage.

Veja algumas fotos minhas do Parque Lage, e tenha uma pálida ideia de beleza do lugar.


1 - A antiga residência do casal










2 - A área da piscina









3 - A antiga lavanderia



4 - Um dos lagos











5 - A vista














 

·
Registered
Joined
·
30,267 Posts
Luan,

Outras informações importantes sobre o Parque Lage:

1 - O ingresso no parque, como no casarão é gratuito

2 - Quer fazer um programa NOTA MIL no Rio? Vá tomar um café da manhã à beira da piscina da mansão. Não é caro.

3 - Perca-se no parque. A área é enorme (vi na wikipédia que tem 52 hectares. Tem muita coisa bacana para se ver lá dentro.​
 

·
Registered
Joined
·
30,267 Posts
Vou ficar 47 dias no Rio, dicas são bem-vindas!

Quero ir à vista Chinesa, Cristo, Pão de Açúcar (de novo), MAR, CCBB, Pedra do Sal, barzinhos da Lapa, praias, Quinta da Boa Vista e não sei o que mais ;)
Assinalei em vermelho as atrações que são verdadeiramente imperdíveis.

ATRAÇÕES DO RIO​


CENTRO DA CIDADE

REGIÃO DA PRAÇA MAUÁ
a) Edifícios A NOITE, primeiro arranha-céu da cidade, e RIO BRANCO 1, o mais importante pós-moderno.
b) Mosteiro de São Bento (segundo mais lindo e rico templo religioso do Rio. Ingresso grátis)
c) Morro da Conceição
- Fortaleza de Nossa Senhora da Conceição (trata-se do mais bem conservado exemplar da arquitetura militar colonial carioca);
- Palácio Episcopal (foi a primeira residência de um cardeal no Brasil. Fica ao lado da Fortaleza da Conceição).
d) - Observatório do Valongo (em breve)
e) Igreja de Santa Rita;
f) Píer Mauá e as obras de construção do futuro Museu do Amanhã, de Santiago Calatrava;
g) MAR - Museu de Arte do Rio.
h) Antiga sede do Banco Central (um dos mais belos prédios remanescentes da época de ouro da Av. Rio Branco. Fica na Av. Rio Branco esquina com Marechal Floriano).
i) Hotel Barão de Tefé (prédio muito bonito, situado na frente da esplanada onde um dia funcionou o Cais do Valongo);
j) Cais da Imperatriz (construído sobre o Cais do Valongo, lugar onde durante décadas desembarcaram centenas de milhares de escravos.)
k) Cemitério dos Pretos Novos (atração imperdível para quem quiser conhecer um pouco da escravidão no Brasil).

REGIÃO DA CANDELÁRIA

a) Igreja da Candelária (maior templo religioso do Rio)
b) Centro Cultural do Banco do Brasil (o maior centro cultural do Rio)
c) Casa França-Brasil (projeto do renomado arquiteto francês Grandjean de Montigny - ingresso grátis)
d) Centro Cultural dos Correios
e) Centro Cultural da Justiça Eleitoral
f) Igreja Santa Cruz dos Militares
g) Antiga sedo do Banco Boavista (projeto de Oscar Niemeyer)
h) Antiga sede da Sul América Seguros (um dos mais lindos prédios de estilo francês do Rio). Entrada principal fica na rua da Quitanda.
i) Sede da FGV - centro (outro lindo prédio em estilo francês. Fica na rua da Candelária).
j) Palácio do Comércio (importante prédio projetado por Henri Paul Sajous. Importante: visitar a portaria monumental. Fica na Rua da Candelária)
k) Antiga sede da Companhia Docas de Santos, atual sede regional do IPHAN

REGIÃO DA PRAÇA XV

- Paço Imperial (antiga residência real e imperial - Ingresso grátis)
- Antigo Convento do Carmo, residência de Dna Maria I, rainha de Portugal;
- Chafariz Monumental de Mestre Valentim;
- Estátua de Gen Osório (Obra do escultor mexicano radicado no Brasil, Rodolfo Berbardelli
- Cais Pharoux
- Arco do Teles;
- Igreja do Carmo;
- Antiga Catedral Metropolitana do Rio (Catedral onde se realizou a coroação de um rei, de dois imperadores, e da missa de réquiem de uma rainha);
- Igreja Nossa Senhora da Lapa dos Mercadores (não esquecer de admirar a bala que destruiu a torre da igreja)
- Palácio da Ilha Fiscal, pérola da arquitetura neo-gótica do Rio, local onde se realizou o último baile do Império.
- Centro Cultural da Marinha, onde pode-se visitar o interior de um submarino - Ingresso grátis
- Torre restante do antigo Mercado Municipal (Albamar).
- Estação das Barcas (antiga - atual terminal Charitas)
- Igreja de São José

REGIÃO DO CASTELO

- Palácio Tiradentes (Câmara dos Deputados do RJ)
- Ministério da Fazenda, exemplar de arquitetura totalitarista.
- Ministério do Trabalho, exemplar de arquitetura totalitarista.
- Igreja de Santa Luzia (no passado, as escadas desta igreja ficavam rentes ao mar).
- Academia Brasileira de Letras (cópia do Petit Trianon de Versalhes. Foi pavilhão da França da Exposição Universão de 1922).
- Museu Histórico Nacional - ATRAÇÃO NOTA 10)
- Ladeira da Misericórdia (um dos principais acessos ao antigo Morro do Castelo, desmontado na década de 20 do século passado)
- Igreja de Nossa Senhora de Bonsucesso
- Santa Casa de Misericórdia
- Palácio Capanema (prédio modernista mais importante do Brasil)
- Museu de Arte Moderna (vale a pena conhecer o acervo - ATRAÇÃO NOTA 10))
-ABI (projeto modernista dos irmãos Roberto)
-Clube Ginástico Português
-Sede do Jockey Club (projeto modernista do Lúcio Costa)
- MIS Museu da Imagem e do Som.
- Antiga estação de hidro-aviões (importante prédio modernista de Atílio Corrêa Lima. Hoje no local funciona o Instituto Histórico da Aeronáutica).

REGIÃO DA CINELÂNDIA

- Museu Nacional de Belas Artes (vale a pena conhecer o acervo ATRAÇÃO NOTA 10)
- Theatro Municipal (vale a pena conhecer o interior. Visitas guiadas custam R$ 10,00 - ATRAÇÃO NOTA 10)
- Biblioteca Nacional (vale a pena visitar o interior)
- Palácio Pedro Ernesto (Câmara dos Vereadores do RJ)
- Chafariz monumental
- Passeio Público (primeiro jardim público do Brasil, construído na época em que país ainda era colônia de Portugal)
- Centro Cultural da Justiça Federal. Imperdível conhecer o salão de sessões do antigo Supremo Tribunal Federal).
- Cine Odeon

REGIÃO DO PASSEIO PÚBLICO

- Escola de Música da UFRJ
- Automóvel Clube do Brasil
- Passeio Público (primeiro jardim público do Brasil)
- Antiga sede da Mesbla e seu relógio (projeto de Henri Paul Sajous).
- Antigo Hotel Serrador (atual sede das empresas de Eike Batista)

REGIÃO DA LAPA
- Rua do Lavradio
- Arcos da Lapa
- Circo Voador
- Fundição Progresso
- Escadaria do Selaron
- Sala Cecília Meireles
- Igreja N S da Lapa

REGIÃO DO LARGO DA CARIOCA

- Edifícios do BNDES / Petrobrás / Torres Ventura
- Catedral Metropolitana do Rio de Janeiro (atração nota 10)
- Museu de Arte Sacra (situa-se no subsolo da Catedral)
- Convento de Santo Antônio e Igreja São Francisco da Ordem Terceira (atenção toda especial para a espetacular Igreja de São Francisco, a mais rica e linda igreja do Rio, e quiçá de todo o Brasil. Ingresso custa R$ 2,00 ATRAÇÃO NOTA 10))
- Confeitaria Colombo – a mais linda e requintada do Rio.
- Confeitaria Cave
- Rua da Carioca
- Cine Íris
- Relógio do Largo da Carioca

REGIÃO DA PRAÇA TIRADENTES E ARREDORES

- Catedral Presbiteriana
- Igreja de São Francisco de Paula (uma das mais lindas igrejas do Rio. Atração nota 10)
- Real Gabinete de Leitura Portuguesa (ingresso grátis. Atração nota 10)
- Praça Tiradentes e monumento de Pedro I (primeiro monumento público do Brasil)
- Igreja da Lampadosa (igreja onde Tiradentes rezou antes de ser supliciado).
- Gafieira Estudantina
- Catedral Presbiteriana (bonito prédio em arquitetura neo-gótica.
- Igreja do Santíssimo Sacramento da Antiga Sé.
- Hotel Rio


REGIÃO DA CENTRAL DO BRASIL

- Campo de Santana
- Arquivo Nacional (visitação somente por fora)
- Antigo Senado Imperial (visitação somente por fora)
- Ministério da Guerra, exemplar de arquitetura totalitarista (visitação somente por fora
- Palácio do Itamaraty (vale a pena visitar o interior)
- SAARA
- Casa Turuna
- Colégio Pedro II (o imperador em pessoa por diversas vezes aplicou provas nos alunos deste colégio).
- Centro Cultural da Light
- Faculdade Nacional de Direito
- Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro (um dos mais monumentais prédios do Rio em arquitetura eclética).


GLÓRIA
- Outeiro da Glória (a igreja é linda e riquíssima e do seu adro tem-se vistas lindas do Centro, Aterro do Flamengo e Marina da Glória.
- Arredores do Outeiro (é uma região especial do Rio. Uma área que parou no tempo. Merece uma visitação)
- Edifício Manchete (projeto de Oscar Niemeyer);
- Monumento à Abertura dos Portos (monumento muito bonito, situado exatamente em frente ao antigo Hotel Glória).
- Edifício Milton (prédio tombado, situado na rua do Russel 710. A fachada é em estilo renascentista francês).
- Casa Villino Silveira (uma das principais atrações da Glória. Trata-se de casa projetada pelo arquiteto Antônio Virzi, o Gaudi da Itália).
- Edifício Lage (exemplar muito lindo de arquitetura eclética. Fica na rua do Russel 300)
- Templo da Humanidade (fica na rua Benjamim Constante. Sua fachada reproduz o Panthéon de Paris em escala 1:3).


CATETE
- Museu da República e seus jardins

ATERRO DO FLAMENGO
- Museu de Arte Moderna (jóia do modernismo brasileiro e mais importante obra do arquiteto Affonso Eduardo Reidy. O acêrvo é riquíssimo e abriga a valiosa coleção de arte de Gilberto Chateaubriand).
- Monumento aos Mortos da 2ª Guerra
- Ilha de Vileganon (somente por fora a partir do continente)
- Museu Carmem Miranda
- Arquitetura eclética dos prédios da Praia do Flamengo (Edifício Seabra, Edifício dos Guinle, Castelinho da rua Dois de Dezembro, Centro Cultural dos Serpa)

BOTAFOGO
- Centro de Arquitetura e Urbanismo (vale a pena somente para quem gosta de arquitetura e urbanismo)
- Fundação Casa de Rui Barbosa (vale a pena visitar a casa e seu rico acervo. Visitação guiada leva aproximadamente 1 hora);
- Mirante do Pasmado – vistas lindas da Enseada de Botafogo se descortinam deste mirante.
- Favela Santa Marta (do alto da favela admira-se lindas vistas da Lagoa e Enseada de Botafogo.)
- Botafogo Praia Shopping (do terraço situado no oitavo andar se descortina uma das mais lindas vistas da Enseada de Botafogo)..
- Igreja Imaculada Conceição, de estilo neo-gótico e com lindo interior
- Grandes residências na rua São Clemente.
a) Casa de Rui Barbosa (aberta à visitação pública);
b) Casa de Francisco Eduardo de Paula Machado, em estilo renascentista francês;
c) Casa do antigo embaixador inglês no Rio, atual Palácio da Cidade;
d) Casa do antigo embaixador americano no Rio, atual Escola Corcovado;
e) Casa do cônsul de Portugal no Rio de Janeiro.
- Casa Daros (enorme centro de arte especializado na produção artística latino americana).

LARANJEIRAS e COSME VELHO
- Palácio Guanabara
- Palácio das Laranjeiras (o mais portentoso, o mais lindo e o mais luxuoso de todos os palácios do Rio);
- Parque Guinle e os prédios modernistas de Lúcio Costa e dos irmãos Roberto;
- Casas casadas de Laranjeiras;
- Casa do Conde Modesto Leal.
- Rua Pires de Almeida (talvez a rua mais especial de todo o bairro);
- Largo do Boticário;
- Residência de Roberto Marinho;
- Residência de Paulo Fontaninha Geyer, sub sede do Museu Imperial
- Mirante Dna Marta.

COPACABANA E LEME
- Caminho dos pescadores (atração 5 estrelas do Leme)
- Forte do Leme (a vista do alto da Pedra do Leme é lindíssima)
- Forte de Copacabana (as vistas do interior do forte são extremamente lindas)
- Cassino Atlântico (um dos mais exclusivos e mais sofisticados shoppings do Rio, especializado em antiguidade e joalheria. Vale a pena conhecer).
- Arquitetura art déco nas imediações da Praça do Lido (as imediações do Lido tem uma das maiores concentrações de art déco do Brasil).

ARPOADOR
- Pedra do Arpoador
- Praia do Diabo
- Parque Garota de Ipanema

IPANEMA
- Mirante da paz, no elevador Rubem Braga (junto à entrada Teixeira de Mello do metrô);
- Oficinas da joalheria H. Stern (entrada pela rua Garcia D´Ávila, quase esquina com rua Visconde de Pirajá. Ingresso grátis)
- Museu H. Stern (entrada pela rua Garcia D´Ávila, quase esquina com rua Visconde de Pirajá. Ingresso grátis)

LEBLON
- Mirante do Parque Penhasco Dois Irmãos;
- Shoppping Leblon (este shopping possui duas grandes atrações imperdíveis, a saber a Livraria da Travessa no segundo piso, e telhado, situado no ponto mais elevado do shopping, que proporciona vistas lindíssimas para Lagoa, Corcovado, Ipanema, Jardim de Alah, etc, etc.)

LAGOA RODRIGO DE FREITAS
- Observação extremamente importante: para se conhecer a Lagoa há que se percorrer a pé todos os seus 8 quilômetros de extensão. Trata-se de um dos programas mais legais e mais bonitos do Rio. [/COLOR][/U]
- Parque da Catacumba (único parque de esculturas do Rio)
- Parque Tom Jobim
- Parque dos Patins
- Fundação Eva Klabin Rappaport (arte europeia de primeira qualidade. Visitas somente com horário marcado).

JARDIM BOTÂNICO
- Jardim botânico propriamente dito, com Casa do Pilão, Palma Mater, Lago do Frei Leandro, Roseiral, Fachada da Escola de Belas Artes, ruínas da fábrica de pólvora, etc)
- Parque Lage (imperdível. Além do casarão, não deixar de visitar a antiga lavanderia dos escravos, e o lago da pedra furada)
- Jockey Club

URCA
- Pista Cláudio Coutinho (imperdível. Programa nota DEZ).
- Quadrado da Urca
- Avenida Portugal e edifício Golden Bay (onde mora o Roberto Carlos)
- Subida pela trilha ao Morro da Urca
- Praia Vermelha
- Pão de Açúcar
- Fortaleza de São João.

SANTA TERESA
- Chácara do Céu, antiga residência de Raymundo Ottoni de Castro Maia. Um dos melhores e mais interessantes museus do Rio)
- Parque das Ruínas (algumas das melhores vistas do Rio são obtidas do mirante deste Parque).
- Largo dos Guimarães
- Largo dos Neves
- Rua Triunfo
- Museu Casa de Benjamin Constant.
- Convento das Carmelitas
- Bondinho de Santa Teresa

FLORESTA DA TIJUCA
- Cascatinha;
- Capela Mayrink;
- Grutas;
- Pico da Tijuca;
- Bico do Papagaio;
- Estrada do Redentor, especialmente na região das Paineiras (atração imperdível);
- Açude da Solidão (lindíssimo. Atração imperdível);
- Pedra da Gávea (visitação ao cume da pedra);
- Pedra Bonita (do seu cume descortina-se vistas magníficas da Barra da Tijuca, Itanhangá e Recreio dos Bandeirantes) e, também, à rampa de asa delta. Atração nota 10)
- Museu do Açude (residência de verão de Raymundo Ottoni de Castro Maya. Museu super interessante).
- Cova da Onça;
- Mirante da Cascatinha;
- Meu Recanto.
- Vista Chinesa (atração imperdível)
- Mesa do Imperador (atração imperdível)
- Estátua do Cristo Redentor
- Mirante Dona Marta (fica no caminho para o Cristo)

GÁVEA
- Planetário (é bem bacana, mesmo para quem não gosta de astronomia);
- Fundação Moreira Salles instalada na antiga mansão do Dr. Walter Moreira Saller, dono do UNIBANCO.

SÃO CONRADO
- Praia do Pepino (onde pousam os homens voadores em suas asas deltas).
- Fashion Mall (o shopping dos bacanas cariocas. Só vale a pena para quem gosta de griffes como Daslu, Alexandre Herchcovitch e Enoteca Fasano. É um dos shoppings mais lindos do Rio).

BARRA DA TIJUCA
- Jardim Oceânico (a Ipanema da Barra);
- Península (um bairro dentro de outro bairro. Vale a pena conhecer).
- Bosque da Barra (principal área verde da Barra
- Barra Shopping (é o maior do Rio)
- Casa Shopping (shopping especializado em móveis e decoração da cidade)
- Recreio dos Bandeirantes
- Prainha
- Praia da Abricó (para quem gosta de tomar banho de mar pelado)
- Rio Desing Barra, o shopping dos bacanas que moram na Barra.
- Village Mall (o mais lindo shopping de toda a cidade do Rio. Se um único shopping tiver que ser visitado, será este)
- Cidade das Artes - portentoso complexo cultural projetado pelo renomado arquiteto francês Christian de Portzamparc.


ILHA DE PAQUETÁ
Lugar muito gostoso de se visitar, MENOS aos Sábados e Domingos



ZONA NORTE DO RIO​

BAIRRO DE SÃO CRISTÓVÃO
- Museu Nacional, antiga residência dos imperadores do Brasil, hoje Museu com muitos ossos, dinossauros, múmias, etc.
- Zoológico
- Museu de São Cristóvão, com a feira dos Nordestinos mais famosa da cidade
- Casa da Marquesa de Santos, atual Museu do Primeiro Reinado



MARACANÃ

RAMOS
- Nunca fui nem tenho vontade de conhecer. Mas ficou muito turístico desde que a Regina Case andou fazendo reportagens por lá.


NITEROI​

- Museu de Arte Contemporânea
- Fortes do Rio Branco, Imbuí e São Luiz
- Região das Praias Oceânicas (Itaipu, Itacoatira, Piratininga e Campoinhas)


PETRÓPOLIS​

- Palácio de verão (palácio imperial)
- Catedral
- Av. Koeller
- Casa da Princesa Izabel
- Palácio de Cristal
- Casa de Santos Dumont.
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,189 Posts
^^

Caramba!! Osmar, já pensasse em ser guia quando aposentado? Tira um dinheirinho extra? :D

Muito obrigado pelas dicas! Vamos mantendo contato, podemos marcar algum desses programas juntos.

Vou ficar numa república com outros 6 estrangeiros, todos voluntários FIFA. Se eu já fiquei de boca aberta aqui com as fotos, imagina eles!
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,189 Posts
O Parque Lage é um dos mais deslumbrantes parques do Rio. No passado foi a residência de Dr. Henrique Lage e sua esposa, a cantora lírica Gabriela Benzanzoni Lage.

Veja algumas fotos minhas do Parque Lage, e tenha uma pálida ideia de beleza do lugar.


1 - A antiga residência do casal





Que vista é essa??? :drool::drool::drool:
:applause::applause::applause:

Obrigado mais uma vez pelas dicas, Osmar! Vou imprimir essa lista com carinho.
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,189 Posts
Eu botaria nesse lista do Osmar a Praia do Joá e a praia de Grumari. As mais lindas e mais calmas praias do Rio.
Ygor,

obrigado a você também.

Como faço para chegar nelas?

Vou "trabalhar" no CFZ, do Tio Zico, no Recreio. É relativamente perto de Grumari pelo GE. Tem ônibus para lá?

E Joá? Desço no comecinho da Barra e vou a pé? É tranqüilo?
 

·
Rawr
Joined
·
17,830 Posts
Ygor,

obrigado a você também.

Como faço para chegar nelas?

Vou "trabalhar" no CFZ, do Tio Zico, no Recreio. É relativamente perto de Grumari pelo GE. Tem ônibus para lá?

E Joá? Desço no comecinho da Barra e vou a pé? É tranqüilo?
Infelizmente não existe nenhum onibus pra Grumari, acho que o unico jeito é arrumando uma carona ou então pegando um taxi.

E no Joá é complicado, é uma praia totalmente fechada. Você também vai ter que ir de carro ou taxi. Acho melhor não ir a pé não rs. É só ir pra estrada do Joá e ir subindo até a Rua Pascoal Segreto onde tem o condominio que dá acesso a praia. Dai eles vão deixar voce entrar como visitante e voce chega na praia. Se for de taxi, vai precisar levar um celular pra chamar um taxi pra voltar pois dificilmente passa um taxi. Tem que levar tambem agua e comida, pois lá não tem comercio, ambulantes nem nada.
Mas no fim vale a pena, é lindissima e super tranquila. E da até pra encontrar uns famosos lá. rs
 

·
Registered
Joined
·
30,267 Posts
^^
Muito obrigado pelas dicas! Vamos mantendo contato, podemos marcar algum desses programas juntos.

Vou ficar numa república com outros 6 estrangeiros, todos voluntários FIFA. Se eu já fiquei de boca aberta aqui com as fotos, imagina eles!

Será um imenso prazer marcarmos um encontro e mostrar o Rio para você.



Eu botaria nesse lista do Osmar a Praia do Joá e a praia de Grumari. As mais lindas e mais calmas praias do Rio.
Excelente idéia! Vou acrescentar à minha lista!
 

·
Registered
Joined
·
30,267 Posts
Ygor,

obrigado a você também.

Como faço para chegar nelas?

Vou "trabalhar" no CFZ, do Tio Zico, no Recreio. É relativamente perto de Grumari pelo GE. Tem ônibus para lá?

E Joá? Desço no comecinho da Barra e vou a pé? É tranqüilo?
1) Infelizmente não existe nenhum onibus pra Grumari, acho que o unico jeito é arrumando uma carona ou então pegando um taxi.

2) E no Joá é complicado, é uma praia totalmente fechada. Você também vai ter que ir de carro ou taxi. Acho melhor não ir a pé não rs. É só ir pra estrada do Joá e ir subindo até a Rua Pascoal Segreto onde tem o condominio que dá acesso a praia. Dai eles vão deixar voce entrar como visitante e voce chega na praia. Se for de taxi, vai precisar levar um celular pra chamar um taxi pra voltar pois dificilmente passa um taxi. Tem que levar tambem agua e comida, pois lá não tem comercio, ambulantes nem nada.
Mas no fim vale a pena, é lindissima e super tranquila. E da até pra encontrar uns famosos lá. rs
Luan,

1) Há um ônibus que sai do Largo do Machado de hora em hora, que vai para Grumari, Abricó e Prainha. É um ônibus para surfistas, adaptado para receber pranchas.

2) Existe um ônibus que vai de São Conrado para Barra da Tijuca via Estrada do Joá. Eu nâo tenho carro e, quando fui ao Joá fotografá-lo utilizei esse ônibus.

Aliás, se ficou curioso em admirar minhas fotos do Joá, sugiro-lhe entrar no meu thread Joá - a “Beverly Hills” do Rio de Janeiro, endereço http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?p=54718123#post54718123
 

·
Elegance and filth
Joined
·
16,858 Posts
Lindas fotos, Osmar. Se não me engano foi no Parque Lage que Glauber Rocha gravou boa parte do genial Terra em Transe.
 

·
Registered
Joined
·
30,267 Posts
Lindas fotos, Osmar. Se não me engano foi no Parque Lage que Glauber Rocha gravou boa parte do genial Terra em Transe.
Não sei dizer.

O filme MACUNAÍNA, do Joaquim Pedro de Andrade, com certeza teve algumas poucas cenas gravadas na mansão, mais precisamente na piscina, onde ocorreu a famosa "feijoada antropofágica".
 

·
Registered
Joined
·
1,553 Posts
LARANJEIRAS e COSME VELHO
- Palácio Guanabara
- Palácio das Laranjeiras (o mais portentoso, o mais lindo e o mais luxuoso de todos os palácios do Rio);
- Parque Guinle e os prédios modernistas de Lúcio Costa e dos irmãos Roberto;
- Casas casadas de Laranjeiras;
- Casa do Conde Modesto Leal.
- Rua Pires de Almeida (talvez a rua mais especial de todo o bairro);
- Largo do Boticário;
- Residência de Roberto Marinho;
- Residência de Paulo Fontaninha Geyer, sub sede do Museu Imperial
- Mirante Dna Marta.



Acrescentaria a semi-desconhecida Bica da Rainha, que não é imperdível, mas é algo a se olhar (no Cosme Velho). Bica utilizada pela Rainha de Portugal. Como você listou a Casa do Leal, acho que valeria a pena listar, a título de referência, o Instituto dos Surdos, num belo estilo "beaux-arts". Possivelmente uma das maiores construções do estilo no Rio.
 
1 - 20 of 21 Posts
Top