Skyscraper City Forum banner
1 - 20 of 22 Posts

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Fotos noturnas de Porto Alegre (Minhas):

View attachment 2280597

View attachment 2280599

View attachment 2280602

View attachment 2280610

View attachment 2280611
Impressionante como esses bares da Rua dos Andradas andam cheios, com parklets e mesas nas calçadas (sem mais aquelas famigeradas de plástico):
View attachment 2280605

View attachment 2280607
Não sei se é impressão minha, mas a vida noturna de PoA anda MUITO movimentada. Comparado com 2015/16/17 em que a cidade era basicamente o filme The Purge e a noite tudo ficava deserto, com a diminuição da violência, o avanço da vacinação e consequentemente menos restrições a noite de Porto Alegre tem se tornado muito mais viva. E não se concentra mais só nos tradicionais locais como Cidade Baixa ou Padre Chagas, é por boa parte da cidade. Centro, Bom Fim, Menino Deus, Auxiliadora... São locais despontando com uma boa oferta de bares. Por exemplo vivo perto de uma cervejaria no Menino Deus e ela vive lotada todas as noites da semana.

Isso é excelente pra cidade, resgata a autoestima e torna muito mais agradável a relação entre a população e a cidade. Sem mencionar a segurança, tenho visto muito mais gente andando na rua a noite fazendo atividades banais como passear com o cachorro ou algo do tipo.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Tá ficando bonito, só achei meio destoante essas caçambas de lixo da Jimo. Mesmo sendo propaganda podiam ter escolhido um recipiente mais bonitinho né

Aliás não consigo mais ver nada da Jimo sem lembrar do vídeo do Farid puto com o Grêmio para engatar uma propaganda da Jimo e em seguida voltar a xingar o Mancini. Genial.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Final de semana passado fui em uma boate que fica bem na esquina com a Voluntários da Pátria (Cortex Bar, o nome do local) e apesar de toda a degradação que envolve a rua o que eu vi foi que nas ruas adjacentes, como essa que fica o bar, um grande movimento de jovens durante a noite. Confesso que fiquei surpreso, pelo que eu vinha acompanhando achava que a nova vida noturna ficava mais no miolo do bairro, afastado das grandes áreas degradadas, ver vida noturna ao lado da Voluntários dá um certo alento de que se depender da população dá para se revitalizar todo o 4 Distrito de forma uniforme.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Trecho 1 da Orla do Guaíba - De orgulho à vergonha de Porto Alegre (em 5 meses).
Fotos de 02/12/2021 (às 18h45min)!

Simplesmente lamentável o estado da orla:

Nas proximidades do Gasômetro:
View attachment 2446164

No meio do trecho:
View attachment 2446151
Um dos trechos melhores trechos, agora vão instalar o tal Parque dos infláveis. Já imaginaram como vai ficar depois?
View attachment 2446152
Mato, mato e mato!
View attachment 2446154
Este barranco era de grama. E agora mato! Desde junho não vejo ninguém cortando essa grama...
View attachment 2446153
Mais mato, falta de grama e marca de pneus da guarda municipal
View attachment 2446155

Mato!
View attachment 2446156
E mais mato!
View attachment 2446158
Aqui era um canteiro!
View attachment 2446159
Pichação antiga!
View attachment 2446162
Pichação nova!
View attachment 2446160

Com a palavra as autoridades e a concessionária!
Eu passei na orla ontem e realmente tá um desleixo absurdo, a população abraçou com vontade tanto que mesmo em dias de semana como o de ontem a orla estava cheia com pessoas aproveitando. É uma pena que as autoridades largaram de mão.

Uma pergunta, não é a Uber que tá cuidando desse trecho? Ou é a prefeitura? Eu me perdi com quem tá a manutenção
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Eu acho um grande pecado o Museu do Iberê estar completamente desconectado da orla, acaba que ele fica isolado com difícil acesso. Num mundo ideal em frente ao prédio teria um baita espaço de convivência completamente conectado com a prainha do Iberê e o trânsito fosse deslocado para outro local. Seria possível? Não sei, não tenho conhecimento técnico para isso, mas que seria o ideal seria.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Outros projetos.....

https://mir-s3-cdn-cf.behance.net/project_modules/max_1200/a4434368900673.5b6d1c50b0678.jpg
https://i.pinimg.com/1200x/5a/ba/48/5aba489fc9f13501fd5a4eb7a16e88d3.jpg
https://i.pinimg.com/736x/1b/d4/64/1bd4645a744c0edad44848fb89cea0f0.jpg
https://mir-s3-cdn-cf.behance.net/project_modules/2800_opt_1/68264068900673.5b6d20b257e67.jpg



View attachment 2480249
Clube de assinantes para pararem de postar projetos incríveis que elevariam o nível de Porto Alegre a patamares altíssimos mas que nunca irão acontecer nos dando um choque de realidade e nos fazendo contentar com a mesma mediocridade de sempre: 1 membro
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Mudanças recente no centro de Porto Alegre:

Semana passada passei de tardezinha em algumas regioões do centro. De positivo, vi que vários prédios receberam pintura nova , outros tiveram uma limpeza dos cartazes e pichações. De um modo geral, saí com a impressão que as pequenas intervenções programadas pela prefeitura estão apresentando resultados visíveis.

De mais negativo, a imensa proliferação de ambulantes. Não tem como recuperar o centro sem resolver este problema.

View attachment 2492175

View attachment 2492176

View attachment 2492177

View attachment 2492178

View attachment 2492179

View attachment 2492181

View attachment 2492182
Percebi que limparam os pilares e paredes do centro que estavam sujos de cartazes e pichações:
View attachment 2492184

View attachment 2492190

View attachment 2492191
Na minha opinião, medidas a curto/médio prazo que ajudariam bastante no aspecto seria a regulação dessas placas de publicidade horrorosas que descaracterizam prédios lindos. Algo parecido com o que foi feito em Caxias do Sul. Já a longo prazo tem que dar um jeito na cirsculação e estacionamento de carros no Centro, isso acaba com qualquer agradabilidade de se andar pela região Central. Obviamente que devido ao precário e tenebroso sistema de transporte público de Porto Alegre impor isso agora seria uma péssima ideia, mas espero que com a recuperação e fortalecimento de uma rede de transporte mais robusta nós possamos ver o Centro livre de carros.

Agora uma coisa que é completamente sem noção é um ser que colocou ARAME FARPADO num prédio histório lindo gente pelo amor de deus
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Bom, muitas notícias pra comentar haha

Essa história de controle de acesso a novos loteamentos me deixa com um pé atrás... Talvez eu esteja sendo pessimista demais, mas foi assim que as mílicias começaram no RJ. Foram oferecendo segurança que o Estado não provia e vimos o que deu. Não quero que ocorra uma milicianização de Porto Alegre.

Já a Noite dos Museus deve ter sido o maior case de sucesso de Porto Alegre nos últimos anos, é impressionante o quanto mobilizou e ainda mobiliza a sociedade. PoA é uma cidade extremamente ávida por atividades culturais, fico feliz que esteja se tornando algo bem estruturado e que possa a vir a ser uma tradição da cidade atraindo turistas das mais diversas partes.

Eu ainda tenho a sensação de que a criminalidade está caindo, relatos do meu círculo pessoal de assaltos ainda são escasso, em comparação com 2015/16/17 em que todo dia alguém vinha com alguma história de violência. Porém nesse mês de dezembro já tivemos duas excuções e tiroteios em plena luz do dia em avenidas movimentadas das capitais, se as autoridades não agirem logo é capaz de vermos mais uma grande guerra do tráfico. Torço para que tomem as devidas providências.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
A instransigência de Melo e Gomes para com o transporte público de Porto Alegre pode ser uma dos maiores problemas de seu governo, pois é algo que impacta diretamente na vida das pessoas. Sua recusa em fazer mudanças ESTRUTURAIS acaba fadando PoA a mais um ano com uma qualidade de vida aquém do que poderia ter.

As ideis defendidas por Zachia e propostas por Marchezan são propostas extremamente sensatas que são aplicadas em muitas das principais cidades do mundo e, pasmem, não se fazem presente em Havana e Caracas como podem pensar os políticos da prefeitura. Nessa sanha de defender a "liberdade e o empreendedor" eles acabam é prejudicando os mesmos, imagina um cidadão que queira sair pra comprar algo pra comer ou um presente, ele queria pegar um ônibus, mas os mesmos estão em condições horríveis, o uber já cancelou 3x, quer ir de carro mas o trânsito está uma loucura e no fim ele acaba desistindo. Um transporte público bom, barato e de qualidade dá muito mais LIBERDADE DE IR E VIR.

Enfim, espero que o Melo mude de ideia e pare de tentar enxugar gelo.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
A real é que pouco a pouco os sotaque vão perdendo a força. Se até Portugal as crianças estão falando que nem "brasileiros" por conta dos nossos youtubers imagina aqui no mesmo país.

É bem triste perder toda essa diversidade linguística, mas acredito que é isso que nos espera.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Ai ai se houvessse todos esses esforços concentrados do Hyperloop para que construíssem algo como um trem de passageiros o RS já seria mil vezes melhor.

Nada contra o Hyperloop ou a inovação, mas poxa um estado como o RS só ter o Trensurb como ligação ferroviária é simplesmente vergonhoso
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Eu tenho percebido o mesmo em relação a fiação, tem aumentado bastante. Mas essa do Centro me doeu, num dos locais mais charmosos e "instagramaveis" da capital colocar fiação é pedir pra ser medíocre.

Não tem como cobrar isso? Da CEEE ou da nova empresa que administra a CEEE?

Não só a fiação como tenho notado um grande aumento de POSTES, uns postes de luz para carregar a fiação horrorosos e em lugares sempre incovenientes.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Nova Prata tem dado aula de como construir, fui para lá no Natal e a cidade está cheio de novos prédios residenciais de extremo bom gosto que são interligados com a cidade sempre com uma fachada ativa. Este também não foge do padrão, complemente bem a cidade. Porém esse rosto era para ser quem? Não consegui perceber. E a Zara ali né? Hahaha Podiam ter colocado a Paludo, que provavelmente vai ser a loja que vai ocupar o espaço comercial.

Saiu a primeira pesquisa pra governador do RS. O índice do Edegar Pretto é igual ao piso histórico do PT (o Rossetto fez isso em 2018) e o candidato do Leite vai subir muito, mas OLHO NESSA ELEIÇÃO, gurizada. O próximo governo vai ser o divisor de águas na história do estado e uma vitória do PT a essa altura seria uma tragédia incalculável.

Bom, a primeira coisa a se pensar é que não estamos mais em 2018. Junto com a pesquisa para Governador saiu a para Presidente no estado e Lula está em primeira com uma boa vantagem. Querendo ou não, Pretto vai colar ao Lula e sabemos o potencial de transferência de votos que o mesmo tem, coisa que o Haddad não tinha em 2018. Eu honestamente acredito que o candidato do PT vai, pelo menos, ao segundo turno. Mesmo com um candidato tão sem carisma e desconhecido como o Pretto.

Se o Ranolfo quiser se eleger ele tem que começar a se mexer logo, Leite tem que usar sua influência para tal. O eleitorado de direita no RS vai se dividir bastante neste primeiro turno entre Onyx, Heinze, Ranolfo e o candidato do MDB, qualquer um deles poderá chegar ao segundo turno.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Veja como serão os novos decks externos do Mercado Público de Porto Alegre
Projeto será bancado por oito permissionários

Os ombrelones receberão manutenção, contando com novas lonas e estruturas de metal restauradas


Iniciada nesta segunda-feira (3), a demolição dos antigos decks de madeira localizados na parte externa do Mercado Público de Porto Alegre dará lugar a um espaço renovado. Os novos decks serão de concreto terão rampas de acessibilidade, floreiras e cordas no lugar do cercado até então existente no local.
A retirada das atuais estruturas (sete, no total, já bastante deterioradas) foi assumida pela prefeitura, assim como a limpeza da área e a promessa de reativar o chafariz do Largo Glênio Peres - outra novela que se arrasta há anos.

Já o projeto de revitalização e a execução da obra serão bancados pelos permissionários responsáveis pelos decks. De acordo com a Secretaria Municipal de Planejamento e Assuntos Estratégicos, a reformulação custará R$ 140 mil aos mercadeiros, que dividirão a conta. São oito estabelecimentos envolvidos: padaria do Mercado, restaurante Castelo, restaurante Havana, Panamericano Café, restaurante Metrô, padaria Copacabana, restaurante Pires e lotérica Sulista.

— Essa é uma parceria fundamental para a revitalização do Mercado e o embelezamento do nosso Centro Histórico. Demonstra o engajamento dos permissionários com o nosso projeto — celebra Cezar Schirmer, secretário de Planejamento e coordenador do programa Centro+.
Assinado pelos arquitetos Leonardo Barden e Priscilla Reis e executado pela empresa Soares Rilho Construções e Engenharia, o projeto escolhido pelos comerciantes pretende dar novas feições à área, apostando em um conceito que dialoga com o que há de mais moderno em ocupação de espaços urbanos. Além de mais bonitos e mais resistentes às intempéries climáticas, os novos decks serão mais fáceis de limpar e de acessar.
No lugar da madeira, entrará em cena o concreto. Haverá rampas de acesso, e o piso receberá a aplicação de resina antiderrapante, para torná-lo mais seguro. Os atuais ombrelones passarão por manutenção: ganharão novas lonas e terão as estruturas de metal restauradas.
O novo visual prevê cercamento com o uso de floreiras e cordas. Antes, havia ali cercas de madeira. Os trabalhos incluirão, ainda, a instalação de nova infraestrutura de tubulação, de nova fiação elétrica, de calhas e de 28 novas luminárias.
A expectativa da prefeitura é de que a demolição termine entre esta segunda e terça-feira e que, entre quarta e quinta-feira, as obras já possam ter início, sendo concluídas, se tudo certo, ainda em janeiro. Uma boa notícia para a Capital nesse começo de 2022.




Antigo:
Permissionários vão pagar R$ 1,5 milhão para obra do PPCI no Mercado  Público de Porto Alegre | Rio Grande do Sul | G1
mercado-publico-porto-alegre-1 – ENEC 2020 | Salvador
Para ser sincero nem acho os decks de madeira feios, eles até que são visualmente interessantes. Porém com essa nova proposta vai ficar 10x melhor, dialoga muito melhor com o entorno e dá um ar muito mais "chique", por assim dizer, ao Mercado. Quem sabe consiga até reter uma parte da noite da Capital, porque convenhamos, o Mercado e o Chalé da Praça XV têm tudo, mas tudo, para serem points gastronômicos e boêmios.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Acho que essa lei é uma das, se não a, peça de legislação mais importante posta em prática em Porto Alegre nos últimos anos (competindo com a questão do Cais Mauá). Apenas torço para que venham projetos bonitos, e não pombais gigantes como os que estão fazendo no centro de São Paulo. Quando será que começaremos a ver novos empreendimentos seguindo essas diretrizes?
Se os prédios do Centro seguirem o modelo do que está sendo construído nos novos projetos na Cidade Baixa, Bom Fim e até mesmo 4 Distrito, acho que seria o ideal.

Mas como porto-alegrense não vou me manter otimista pois temos tendência a quebrar a cara.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
View attachment 2623062

Prefeitura cobre calçamento original na região da Igreja das Dores sem consultar órgão do patrimônio histórico; Iphan manda parar a obra
Executivo afirma que consertou vias para melhorar circulação em torno da nova sede da gestão municipal

Funcionários contratados pela SMSUrb cobriram ruas com asfalto entre sábado (8) e terça-feira (11)


O asfaltamento da Avenida Padre Tomé e da Rua Sete de Setembro, vias originalmente construídas em paralelepípedo no centro de Porto Alegre e no entorno da Igreja Nossa Senhora das Dores, que é tombada em nível nacional, expôs mais um caso em que a prefeitura não consultou órgãos responsáveis pelo patrimônio histórico antes das intervenções. No ano passado, o Executivo decidiu fazer a pintura do Paço Municipal, do Mercado Público e do Viaduto Otávio Rocha sem comunicar a Equipe do Patrimônio Histórico e Cultural (Epahc) da Secretaria Municipal da Cultura. Agora, foi a vez do Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).
Na segunda-feira (10), o Iphan tomou conhecimento da obra. Na terça-feira (11), foi ao local fazer uma vistoria fotográfica. O órgão afirma que não foi contatado previamente pela prefeitura, como determina uma portaria nacional, e que ordenará a paralisação dos trabalhos. Em nota, órgão explica que "notificou a prefeitura sobre a obra de asfaltamento da avenida Padre Tomé, no Centro Histórico de Porto Alegre/RS".
https://www.rbsdirect.com.br/filestore/9/9/3/9/8/6/1_7374af50e6ccfc7/1689399_e1cc5b95b854697.jpg?w=600

Mapa do Iphan mostra a área protegida pelo patrimônio histórico na região da Igreja das Dores


"Lembramos que a referida avenida se localiza no Setor C1, entorno da Igreja das Dores, bem tombado em nível federal. Sendo assim, de acordo com o Art. 18 do Decreto-Lei nº 25/37, bem como em atendimento ao disposto nas Portarias IPHAN nº 420/2010 (SEI 3242029) e nº 187/2010, informamos que a obra deverá ser paralisada até que haja, por parte deste IPHAN/RS, análise e manifestação acerca da proposta de intervenção", continua a nota.
A portaria 187 de 11 de junho de 2010 prevê "multa de cinquenta por cento sobre o valor da obra irregularmente construída e demolição da obra", no caso de construções que impeçam ou reduzam a visibilidade da "coisa tombada", sem prévia autorização do Iphan.
View attachment 2623055
O objetivo da pavimentação das vias do Centro Histórico é dar mais segurança a veículos e pedestres, de acordo com a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (SMSUrb). Mas, desde sábado (8), a intervenção gera reclamações de alguns moradores da região e alertas de especialistas.
Urbanistas afirmam que se trata de uma alteração incorreta no calçamento próximo à Igreja das Dores. As obras devem ser concluídas com a pintura da sinalização nesta quarta-feira (12).


Moradores também questionam a pavimentação da rua. É mencionada a proximidade com a Igreja das Dores, patrimônio histórico nacional que poderia inviabilizar a troca de elementos tradicionais do entorno, já que o asfalto causaria perda estética em relação às pedras originais do calçamento.

Houve um pedido de informação sobre a obra à prefeitura, protocolado pelo vereador Leonel Radde (PT) na segunda-feira, alegando que a via não é considerada de grande fluxo nem de primeira importância para o tráfego de automóveis pesados. O Executivo argumenta que a própria Avenida Padre Tomé já tinha asfalto no trecho mais próximo à Avenida Mauá.

Segundo a portaria 483 do Iphan, de 6 de dezembro de 2016, "não será permitida a remoção das pavimentações tradicionais nos espaços públicos vinculados aos bens tombados, exceto em casos de conservação e restauro, quando poderão ter peças substituídas por outras com as mesmas características das existentes (material, forma, cor, tamanho etc.)".
O asfaltamento questionado pelos moradores ocorre, segundo nota da SMSUrb, para melhorar a circulação na região que receberá a nova sede da gestão municipal. A prefeitura se mudará do Paço Municipal para o antigo prédio da Habitasul, na esquina da Avenida Siqueira Campos com a Rua General João Manoel, e entende que o fluxo de automóveis aumentará consideravelmente nas quadras vizinhas. A pasta argumenta, ainda, que já havia pedaços de asfalto esburacado na Avenida Padre Tomé, trecho que foi corrigido com o trabalho desta semana.
Marco Favero / Agencia RBS

Igreja das Dores é tombada pelo patrimônio histórico nacional


"As ruas tombadas, nas quais não é possível fazer intervenções asfálticas, são a Andradas e Sepúlveda. Portanto, a Padre Tomé pode passar por manutenções como as que estão sendo feitas e são necessárias visto que, além das más condições e dos buracos, haverá a mudança dos servidores para nova sede administrativa do município, que será no antigo prédio da Habitasul, localizado na Rua Gen. João Manoel", explica trecho da nota da SMSUrb.


Novas adaptações na região
Além desses trechos, foi feita a renovação dos chamados "panos de asfalto" nas ruas Sete de Setembro e General Canabarro. O procedimento é parecido com a colocação de asfalto novo, porém as vias já tinham trechos do material entre os paralelepípedos, que foram completamente cobertos na segunda-feira.
O próximo local a receber cobertura asfáltica, segundo a SMSUrb, é a Rua General João Manoel, onde fica a nova sede da prefeitura da Capital. A Travessa Araújo Ribeiro, paralela à João Manoel em direção ao Gasômetro, terá sentido alterado para que automóveis possam transitar entre a Avenida Mauá e a Rua Siqueira Campos em ambas as direções, facilitando o acesso ao prédio da gestão municipal.

Análise de especialistas
O sociólogo, professor da Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal do RS (UFRGS) e especialista em planejamento urbano Eber Marzulo ressalta que cobrir paralelepípedos com asfalto tem efeito cultural. Segundo ele, a troca de elementos tradicionais em regiões de patrimônio histórico acarreta em dificuldades para a manutenção de uma identidade comunitária de pertencimento local.
— A prefeitura tem de estar nesses espaços históricos, acho isso positivo, mas não se pode alterar os elementos históricos desse local. Que façam a manutenção observando características e materiais da época, e que controlem o fluxo de circulação de automóveis em redor do novo prédio. Assim como o Paço Municipal funcionava sem ter grandes vias em volta para estacionar, o novo local também pode ser assim, pois está sendo colocado em meio a diversos pontos históricos — analisa Marzulo.
Os aspectos físicos da diferença entre o piso original e o asfaltado são destacados pelo presidente estadual do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-RS), Rafael Pavan, que reforça a importância do respeito às normas estabelecidas pelo Iphan. A cobertura asfalta diminui a capacidade de absorção da água pelo solo, além de aumentar a temperatura na região:
— A portaria do Iphan vem de uma análise técnica que olha para um conceito de paisagem.


Meu deus que pesadelo...

Confesso que não tô entendendo bem essa ideia da Prefeitura de que revitalização é meter asfalto em tudo descaracterizando ruas históricas belíssimas do Centro. Sério, me chamem de ecochato, anti-progresso e tal mas pelo amor de deus o Centro merecia um projeto de revitalização que ALAVANCASSE seu perfil histórico, não que apagasse ele completamente. Sem falar que encher de asfalto considerando os 40 graus de Porto Alegre no verão é de esfregar a cara dos responsáveis no mesmo asfalto pelando.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
Então quer dizer que é permitido fazer um projeto de revitalização com ÁRVORES? Alguém avisa Porto Alegre que acho que eles não tão sabendo

Em tempo, EXCELENTE projeto de Torres. Facilmente caminhando para se tornar um dos melhores e mais completos balneários do país.
 

·
Registered
Joined
·
81 Posts
O Leite perdeu muita popularidade depois da pandemia e das medidas sanitárias que ele impôs.

E sim, o gaúcho é um povo crítico e difícil de agradar por natureza. Reclamamos até de Gramado.
Saiu uma pesquisa não faz muito de que Leite é um dos políticos mais bem aprovados no RS. Com a pandemia ele só perdeu apoio do eleitorado de extrema-direita em compensação ganhou aprovação do eleitor tradicional de centro-esquerda gaúcho (Que não se enganem, é BEM mais expressivo) que se antes viravam o nariz pra ele passaram a ser mais flexíveis devido a sua condução responsável na pandemia.

No final acho que ele quem saiu ganhando.
 
1 - 20 of 22 Posts
Top