SkyscraperCity banner

41 - 53 of 53 Posts

·
Luis M P A N Pereira
Joined
·
9,161 Posts
Que desplante dizer que Castelo de Bode é de baixo nível.
Já estiveste melhor, ó Erva!
:eek:hno:
 

·
Luis M P A N Pereira
Joined
·
9,161 Posts
tu é que és de baixo nível :rant: deixa o ERVa em pás
Eh pá calma, prontos pá, fica lá com ele, pá. FUI.

-------------------

Btw, já há uns 20 anos, passei um fim de semana longo "acampado" (sem tenda, só com saco cama), numa dessas ilhas.
Nós e as formigas que não deixavam a malta dormir!
Nas aflições era nadar até à próxima ilhota que era o cagatório do arquipélago.
Aquilo era pior que campo minado.
Mas valeu percorrer muito daquela maravilha em moto de água.
 

·
Moderator
Joined
·
71,549 Posts
Eh pá calma, prontos pá, fica lá com ele, pá. FUI.

-------------------

Btw, já há uns 20 anos, passei um fim de semana longo "acampado" (sem tenda, só com saco cama), numa dessas ilhas.
Nós e as formigas que não deixavam a malta dormir!
Nas aflições era nadar até à próxima ilhota que era o cagatório do arquipélago.
Aquilo era pior que campo minado.

Mas valeu percorrer muito daquela maravilha em moto de água.
:lol:
 

·
Moderator
Joined
·
161,585 Posts
Discussion Starter #50
FONTES

Fontes. A praia fluvial. Uma espécie de nova coqueluche da albufeira de Castelo de Bode.

https://www.omeuescritorioelafora.pt/fontes/?fbclid=IwAR0vKMJbvPI21I8RAFxPFj-J7K1AFQijtsXCZGMhoq8Fp70GlkngKZj5rJc



Região norte do concelho de Abrantes. Aldeia das Fontes. Região fronteira entre o Ribatejo e a Beira Interior. Terra de floresta e de águas do Zêzere. Poucos quilómetros a norte da aldeia do Carvalhal encontramos a placa a indicar Fontes. No Verão o Sol queima e sente-se a brisa das festas que animam todo e qualquer cantinho desta região.

Ao chegar à aldeia torna-se obrigatório uma primeira paragem no miradouro junto à igreja. Não vão ter uma simples paisagem à vossa frente. Vão ter o postal, onde a beleza se mistura com a tranquilidade. Um dos meus lugares favoritos na minha região. Sim, esta é a minha região. Já levei amigos, já dancei, já jantei, já li livros, assim ao final da tarde, no lindíssimo miradouro das Fontes. Depois do miradouro e da contemplação, a estrada vai levar-nos à albufeira e à sua mais recente praia.

A estrada, que nos leva à praia, é estreia e entre pequenas casas que, quase sempre, fazem esconder o azul das águas da albufeira. Pouco faz prever o delicioso final. Poucos minutos de depois, a estrada estreita transforma-se num funil invertido e o azul toda conta da paisagem. Uma bem cuidada estrutura de praia, com bar, comida e sunsets (sim, aqueles com djs e bebidas exóticas), uma praia com um enquadramento como poucas e uma ilha. Sim, uma ilha. Uma ilha com vista para praia, e uma ilha que abrilhanta todo o cénário. Por acaso é em Abrantes, por acaso é na região Centro de Portugal. Este “por acaso” enche o meu peito de orgulho.

E no final, todas as palavras se transformam em mergulhos e águas com toque de cristal. Já vos disse que o Sol queima por aqui?
 
41 - 53 of 53 Posts
Top