SkyscraperCity Forum banner
1 - 20 of 110 Posts

·
Registered
Joined
·
3,069 Posts
Discussion Starter · #3 ·
Eu defendo que haja a demolição do Elevado e que uma via com capacidade ampliada seja feita pela pedra, como está sendo feito o metrô. Estou sem tempo agora, mas depois eu posto aqui o traçado aproximado que eu imagino.
 

·
Registered
Joined
·
1,661 Posts
Eu acho que o viaduto reformado poderia se integrar melhor à paisagem. Não consigo gostar da ideia de um Joá à Niemeyer, escavado na pedra. Para mim, é um prato cheio para a favelização da encosta e um problema a mais para eventuais expansões. Um túnel seria, de fato, a melhor e mais custosa intervenção.
 

·
Fashion
Joined
·
7,654 Posts
Eu defendo que haja a demolição do Elevado e que uma via com capacidade ampliada seja feita pela pedra, como está sendo feito o metrô. Estou sem tempo agora, mas depois eu posto aqui o traçado aproximado que eu imagino.
Por mim, faz um túnel e transforma o elevado em um mirante e ciclovia (fazendo uma recuperação leve nele e monitorando sua estrutura). Acho que sem o tráfego pesado nele até suporte bastante tempo sem um intervenção pesada. :nuts:
 

·
to gulag!
Joined
·
29,131 Posts
demolir o elevado do joá seria um crime a historia e engenharia do rio... e é bom não ser encostado na montanha se não seria favelizado
 

·
neto de falcão pescador
Joined
·
1,863 Posts
Por mim, faz um túnel e transforma o elevado em um mirante e ciclovia (fazendo uma recuperação leve nele e monitorando sua estrutura). Acho que sem o tráfego pesado nele até suporte bastante tempo sem um intervenção pesada. :nuts:
Pra economizar, podiam fazer o túnel em apenas um sentido e deixar o andar superior para circulação de veículos. O andar de baixo poderia ser esse mirante/ciclovia/parque do tipo "high line" porque é muito mais danoso um passeio com sol na cara a 40 graus do que na sombra.
Depois se houver demanda se expande o túnel, mas sinceramente não gostaria que isso acontecesse.

Continuando especulações:
Acho linda a vista para a Pedra da Gávea de São Conrado e é um desperdício aquele campo de golfe totalmente privado junto com uma maldita via expressa. O governo poderia fazer uma parceria com o clube para mergulhar a Auto-Estrada, ligar as duas partes do campo privado e fazer um terraço com um parque público "flutuando" sobre o privado. Com isso poderiam fazer um pequeno circuito público de golfe/mini-golf completamente público. Já pensou como seria incrível se o esporte se popularizasse? (momento Otávio Leite)
De qualquer forma, fico imaginando turistas posando para fotos com seus mocassins impecáveis e tacos de golfe com as incríveis e monumentais paisagens de fundo (Pedra da Gávea ou Rocinha). Seria um tremendo destino turístico. xD
 

·
Registered
Joined
·
3,069 Posts
Discussion Starter · #11 ·
Eu acho que o viaduto reformado poderia se integrar melhor à paisagem. Não consigo gostar da ideia de um Joá à Niemeyer, escavado na pedra. Para mim, é um prato cheio para a favelização da encosta e um problema a mais para eventuais expansões. Um túnel seria, de fato, a melhor e mais custosa intervenção.
Mas a ideia seria um túnel pela pedra, não como é a Av. Niemeyer. Acho que perderam uma boa oportunidade de fazer junto com o túnel do metrô.
 

·
Registered
Joined
·
3,069 Posts
Discussion Starter · #12 ·
Continuando especulações:
Acho linda a vista para a Pedra da Gávea de São Conrado e é um desperdício aquele campo de golfe totalmente privado junto com uma maldita via expressa. O governo poderia fazer uma parceria com o clube para mergulhar a Auto-Estrada, ligar as duas partes do campo privado e fazer um terraço com um parque público "flutuando" sobre o privado. Com isso poderiam fazer um pequeno circuito público de golfe/mini-golf completamente público. Já pensou como seria incrível se o esporte se popularizasse? (momento Otávio Leite)
De qualquer forma, fico imaginando turistas posando para fotos com seus mocassins impecáveis e tacos de golfe com as incríveis e monumentais paisagens de fundo (Pedra da Gávea ou Rocinha). Seria um tremendo destino turístico. xD
Sim, se fizessem o túnel com três faixas em cada sentido, seria preciso que aumentasse a capacidade da Lagoa-Barra inteira, senão o gargalo continuaria.

A minha ideia seria um túnel largo pra substituir o Joá e um mergulhão desde o campo até onde existia a concessionária da Fiat. Não sei se isso seria possível. Há como?
 

·
Registered
Joined
·
8,072 Posts
Bom, como já venho há anos defendendo aqui no fórum, sou a favor de uma solução de túnel contínuo Leblon-Itanhangá. Ele seria de três faixas de modo a ser a continuidade das pistas da orla de Leblon.
O traçado seria igual ao da GB-02. A diferença é que ele seria subterrâneo o tempo todo. No Leblon, iniciaria em um mergulhão que possibilitasse inclinação suave para não interferir com o Canal da Visconde de Albuquerque ou com as fundações do Hotel Leblon.



Em São Conrado, haveria comunicação com a superfície através de alças de acesso e saída, porém o corpo principal não estaria na superfície. Somente no Itanhangá, haveria retorno à superfície.

Depois, a capacidade viária passaria a permitir que se mexesse no acesso atual. Um túnel seria feito para ligar São Conrado à Armando Lombardi diretamente, chegando à avenida por baixo do Canal da Joatinga.

O Elevado das Bandeiras, enfim, seria demolido. Em seu lugar, seria construída uma ciclovia cortando a rocha no local. Próximo às bocas dos túneis, poderiam ser construídos grandes decks com restaurantes e mirantes.
 

·
Registered
Joined
·
3,069 Posts
Discussion Starter · #14 ·
^^ Esse seria o ideal, na minha opinião.

Também, acho que a Pça Santos Dumont pudesse ser o ponto de partida com um mergulhão da Gávea até a Tijuca. O problema seria o valor dessas obras. Quanto vocês acham que ficaria uma obra dessa, pra 6 faixas de rolamento, fora alças de acesso? Eu chutaria algo na casa de 20 bilhões de reais a valores correntes, no mínimo.
 

·
Registered
Joined
·
411 Posts
Ao meu ver, a solução ideal seria a construção imediata daquele túnel proposto pelo MacDowell (se não me engano, foi ele quem propôs - vi o projeto algumas vezes por aqui).

Então, o elevado do Joá poderia completamente interditado, sendo restaurado ou reconstruído, com o acréscimo de mais uma pista no andar de cima, como quer a prefeitura. Mas, ao invés de carros, poderiam reservar essa pista extra para uma ciclovia, calçadão e, por que não, alguns quiosques!

Ao final das obras, a ligação Barra-Zona Sul teria sua capacidade duplicada, uma ciclovia e mais uma belíssima área de lazer (e mantendo preservada a visão estonteante de quem passa de carro pela região).

O custo seria altíssimo, sem sombra de dúvidas, mas os benefícios seriam para anos. Talvez seja algo para se pensar no pós-2016.
 

·
Registered
Joined
·
411 Posts
Em São Conrado, haveria comunicação com a superfície através de alças de acesso e saída, porém o corpo principal não estaria na superfície. Somente no Itanhangá, haveria retorno à superfície.

Depois, a capacidade viária passaria a permitir que se mexesse no acesso atual. Um túnel seria feito para ligar São Conrado à Armando Lombardi diretamente, chegando à avenida por baixo do Canal da Joatinga.

O Elevado das Bandeiras, enfim, seria demolido. Em seu lugar, seria construída uma ciclovia cortando a rocha no local. Próximo às bocas dos túneis, poderiam ser construídos grandes decks com restaurantes e mirantes.
Demolir o Elevado definitivamente não acredito que seja a melhor opção.. Além de um marco da engenharia, é uma obra belíssima e é um passeio ótimo de carro ou ônibus.

Quanto ao túnel saindo da orla do Leblon, acho que seria uma catástrofe para a qualidade de vida do bairro! Aquele reduto do Baixo Leblon iria desvalorizar muito, com o aumento severo do tráfego.

Tenho a mesma opinião para a Praça Santos Dumont, com a construção da Linha Verde. Ligação Gávea-Tijuca, ao meu ver, só pelo metrô.
 

·
Registered
Joined
·
3,069 Posts
Discussion Starter · #17 ·
Muito interessante ver essa ligação direta de São Conrado com o Itanhangá (linha preta). Seria bom se, com ela, fossem implantados a Via Parque por completo e o readequamento da Estr. de Jacarepaguá. Seria uma segunda alternativa pra se chegar ou sair da Barra que aliviaria bem o trânsito da Av. das Américas.

Dá pra brincar com muitas ideias. Há ainda uma ideia mais ousada que seria uma bifurcação do mergulhão antes de chegar no Leblon que fizesse uma ligação direta com a Tijuca. Assim, seria uma estrada Lagoa-Barra-Tijuca, tudo expresso. Mas essa obra seria muito bilionária e não sei qual seria a viabilidade dela.
 

·
Registered
Joined
·
8,072 Posts
^^ Esse seria o ideal, na minha opinião.

Também, acho que a Pça Santos Dumont pudesse ser o ponto de partida com um mergulhão da Gávea até a Tijuca. O problema seria o valor dessas obras. Quanto vocês acham que ficaria uma obra dessa, pra 6 faixas de rolamento, fora alças de acesso? Eu chutaria algo na casa de 20 bilhões de reais a valores correntes, no mínimo.

Eu estou me lixando para o custo. Às vezes, as coisas precisam ser feitas independente do custo.
Uma das ligações poderia ser ganhar um pedágio, porém teria de ser cobrança totalmente eletrônica, porque não há espaço nem capacidade viária para praça de pedágio. Seria necessária legislação tornando possível a cobrança unicamente por meios eletrônicos.
 

·
Registered
Joined
·
8,072 Posts
Demolir o Elevado definitivamente não acredito que seja a melhor opção.. Além de um marco da engenharia, é uma obra belíssima e é um passeio ótimo de carro ou ônibus.
Que marco da engenharia, o quê! Todo o marco da engenharia se torna obsoleto e tem de ser substituído. Obras são preservadas pelo valor arquitetônico, não de engenharia. Se a engenharia de de uma obra de arquitetônica é admirável, ótimo, enriquece mais ainda. Só que um elevado não possui qualquer valor, ainda mais um que a própria empresa de engenharia afirma ter sido mal executada!!!

Quanto ao túnel saindo da orla do Leblon, acho que seria uma catástrofe para a qualidade de vida do bairro! Aquele reduto do Baixo Leblon iria desvalorizar muito, com o aumento severo do tráfego.
O tráfego seria quase o mesmo que atualmente, só que sem a retenção da Niemeyer. O objetivo é tirar a Niemeyer da equação e deixá-la para o tráfego local. O que o Baixo tem a ver com isso?

Tenho a mesma opinião para a Praça Santos Dumont, com a construção da Linha Verde. Ligação Gávea-Tijuca, ao meu ver, só pelo metrô.
A Praça Santos Dumont não sofreria, só se a boca fosse na superfície. Ao fazer a boca do túnel como mergulhão, os impactos negativos ficariam com a Rodrigo Otávio e com a Bartolomeu Mitre.
 

·
Registered
Joined
·
3,069 Posts
Discussion Starter · #20 ·


Imagino um trajeto entre Barra e Tijuca mais ou menos assim, o que daria um túnel de cerca de 14,5km.

Teria acessos em São Conrado, na chegada ao Leblon/Gávea (sentido Barra-Gávea), Pça. Santos Dumont (sentido Gávea-Tijuca) e acessos diluídos pela Tijuca. Pela Tijuca, imagino um acesso de uma faixa em cada sentido no encontro da Heitor Beltrão com a Conde de Bonfim, onde hoje existe uma UPA 24h. Esse acesso se juntaria com as duas faixas (uma por sentido) que poderia começar nas imediações do Shopping Tijuca, na Av. Maracanã, sendo uma possiblilidade a Pça. Luís La Saigne.

O trecho Barra-Gávea teria 3 faixas em cada sentido (perdendo uma faixa em cada sentido nos acessos da Gávea). O trecho Gávea-Tijuca teria 2 faixas em cada sentido, começando com uma por sentido na Av. Maracanã e aumentando pra duas por sentido a partir da Conde de Bonfim. Assim, os acessos seriam discretos e não sobrecarregaria nenhuma dessas vias. O acesso da Pça. Santos Dumont também seria discreto com apenas uma faixa por sentido.

Viabilidade disso? Não sei.
 
1 - 20 of 110 Posts
This is an older thread, you may not receive a response, and could be reviving an old thread. Please consider creating a new thread.
Top