SkyscraperCity banner

1 - 20 of 91 Posts

·
Marcelo Lisa
Joined
·
5,174 Posts
Discussion Starter · #1 · (Edited)
Uma imagem vale mais do que muitas palavras para se descrever um lugar e o seu povo. Na imagem congelada há muito mais do que concreto e asfalto assim como muito mais do que cores e formas pois nela há uma visão única de quem a viu e que escolheu como foco aquilo que era significativo para si.
No início, eu não pretendia fazer vários threads para revelar diferentes bairros da cidade porque pensava que os foristas paulistas já fizeram inúmeros mostrando detalhes de cada bairro e o meu seria redundante.Mas ao fazer este ( Primeira Parte) , percebi que seria muito pesado e cansativo para quem o visse, eu colocar todas as fotos que pretendia já que por mais que eu selecione-as entre as 1750 que tirei em cinco dias, eu teria de colocar , pelo menos, umas trezentas aqui , para englobar todos meus passeios. Então resolvei fazer este primeiro thread ( Parte 1 ) mostrando-lhes minhas fotos da avenida Paulista, da Pinacoteca, da Estação da Luz e do Mercado. Na segunda parte colocarei as fotos do bairro Liberdade aonde fui em dois dias diferentes. Na terceira parte colocarei as fotos do Memorial da América Latina e do Museu do Ipiranga. Na quarta parte , eu colocarei as fotos do Jardim Botânico e do Zoo. E na quinta parte , eu colocarei as fotos do Museu Lasar Segall. do Museu dos Bombeiros e da Casa Modernista.

Meu objetivo ao fazer estes threads será o de simplesmente colocar pedacinhos da minha viagem congelados em imagens de forma que eu possa compartilhar um pouco daquilo que eu vi e vivi com aqueles que não puderam percorrer aquelas ruas comigo.Talvez alguns destes passeios que fiz, sirvam de inspiração para que outros possam ir nos mesmos lugares e reparar nos seus detalhes. Tentei não colocar legendas para que as pessoas possam sentir e interpretar por si mesmas as imagens mas se alguém quiser me fazer perguntas ou comentários sobre os lugares visitados, estou pronto a respondê-las e a falar sobre as minhas impressões.


Fotos tiradas por Marcelo Lisa de Belo Horizonte usando uma câmera Canon SX 110 IS e hospedadas no seu Flickr ).


Eis as fotos:

1-A avenida Paulista e o Masp


2-


3A-


3B-


4-


5-


6-


7-


8-


9-


10-


11-


12-


13-


14-


15-


16a-


16B-


17-


18-


19-


20-


21-


22-


23-


24-


25-


26-


27-


28-


29- Jardins do Parque da Luz


30-


31-


32-


33-


34-


35-


36-


37-


38-


39-


40-


41-


42-


43-


44-


45-


46-


47-


48-


49-


50-



51-


52- O Mercado


53-


54-


55-


56-


57-


58-


59-


60-


61-


62-


63-


64-O famoso pastel de bacalhau ou de camarão que faz a fama do mercado.


65-O famoso local aonde se compra o melhor sanduíche de mortadela da cidade.


66A- Dois dos sanduíches famosos ( deu reflexo porque estavam dentro de um plástico):


66B-


67A-

67B-


68-


69-


70- E , depois de tantos passeios, é bom passar na Livraria Cultura , na Paulista e , ficar admirando os livros dispostos como se estivessem em um catedral do saber:


71, 73 e 74- Fotos tiradas na cantina italiana " C que sabe" , no Bexiga:
71-Detalhe da fachada


72- Achei muito legal a decoração no teto. Bem informal ao estilo napolitano.


73-Os músicos passam de mesa em mesa tocando músicas típicas italianas.




Bonus pics ( algumas fotos que eu não iria colocar neste thread ,mas que resolvi acrescentá-las uma semana depois de criado o mesmo, mostrando outros ângulos da avenida Paulista):

74-


75-


76-


77-


78-


79A-


79B-


80-


81-


82-


83-


84-


85-


86-


87-


OBS: Se gostaram da Parte 1, vejam nos links abaixo, as Partes 2 e 3 e 4 e 5 :
Parte 2 http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?p=71167295#post71167295

Parte 3- http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?p=71203265#post71203265

Parte 4: http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=1307143

Parte 5: http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=1307321
 

·
Moderator
Joined
·
33,710 Posts
Ótimo thread, Marcelo, São Paulo é um mundo, o acervo da Pinacotéca do Estado é riquíssimo e o Mercado Municipal é um festival gastronômico policromático, maravilhoso. :cheers:
 

·
Registered
Joined
·
1,389 Posts
Nossa, vc fotografa muito bem. As fotos ficaram ecxelentes!

Vc mostrou uma visão bem turistica da cidade de SP. Esse é um dos threads mais interessantes que já vi de SP por aqui. :)
 

·
Registered
Joined
·
35,918 Posts
Maravilhosas tuas fotos

adorei as fotos dos sanduíches, me deram água na boca

muito completo teu theread Marcelo, excelentes fotos, muito bom gosto o teu

mal posso esperar pelos outros
 

·
Rene Hass
Joined
·
4,331 Posts
Achei todas as fotos muito bonitas, Marcelo. Só os sanduíches que eu achei meio pesados. São Paulo é definitivamente a Meca brasileira. Uma cidade onde em cada dia há uma coisa diferente a ver e fazer. Essa Estação da Luz é um dos prédios mais belos de São Paulo. Que bela viagem. Que belo registro fotográfico. :applause:
 

·
Banned
Joined
·
4,284 Posts
Muito interessante sua forma de ver, sentir e captar a cidade nessas imagens, volte mais vezes, sempre há coisas novas e interessanes que valem muito a pena serem vistas. Você chegou a ir no Pico do Jaraguá? Se não foi, te aconselho a não peder na próxima vez que vier a São Paulo é incrível ver o gigantismo a cidade lá do alto, numa região repleta e verde e mata atlanica :)
 

·
Marcelo Lisa
Joined
·
5,174 Posts
Discussion Starter · #14 · (Edited)
Obrigado por todos os comentários. E aguardem as outras partes porque serão cinco no total.

Klauss, você me perguntou sobre as minhas impressões sobre São Paulo.Bem, eu me surpreendi com a eficiência das linhas de metrô que praticamente nos levam para qualquer ponto da cidade o que facilita muito a vida de turistas que vão sem carro. Só não recomendo que um turista vá nelas em horário de pico se estiver com pouca paciência de esperar passarem dois ou três trens até poder entrar em um.
Quanto à segurança , eu me senti seguro durante o dia e isto foi em praticamente em todos os lugares mas ressalto que tive uma pequena decepção em relação aos arredores do Memorial do Imigrante. Como o local está fechado para obras, talvez isto tenha contribuído para a aglomeração de um número muito grande de mendigos e de meninos de rua no fundo da rua sem saída entre a estação de metrô e ele. Eu sabia que o memorial estava fechado mas foi o primeiro local aonde resolvi ir porque um cara que mora na Mooca me disse que telefonou para lá e tinham dito que era possível ainda ir fotografar os jardins e a Maria Fumaça mais o bonde. Quando eu lá cheguei, a cena me lembrou muito algumas fotos que vi da região da "Cracolândia" nos threads do Tchello. Eu vi uns 25 mendigos aparentemente drogados e todos de frente pro memorial , deitados ou assentados e alguns circulando, inclusive dentro do bonde. Dei meia volta e voltei pra trás sem fotografar nada e dando graças a Deus por não ter sido assaltado porque se o fosse, minha viagem terminaria ali no primeiro dia já que minha grande motivação era fotografar e eu só tinha uma câmera e estava sem muitos recursos para comprar outra, caso fosse roubado. Eu sei que isto é um problema social do Brasil e não é exclusivo de SP mas acho que os governos deveriam ,pelo menos, manter mais segurança diante de lugares turísticos que são divulgados em guias como os lugares principais de uma cidade. Pode ser que tive um grande azar e que isto não seja a real rotina dali. Na verdade, quando o memorial reabrir em agosto, talvez eu me anime em voltar após esta data em SP e certamente ali será um lugar aonde retornarei. Desculpe-me o desabafo mas eu fico indignado com situações como esta seja em SP, em BH, no RJ ou onde for.
Fora o acima exposto, eu me surpreendi muito com a beleza do Jardim Botânico , achei o Ipiranga belíssimo e muito seguro, adorei os museus como Masp, Lasar Segall e Pinacoteca. Eu me diverti muito em uma cantina italiana assim como adorei o Liberdade aonde fui duas vezes, a região da Paulista etc. A cidade tem locais muito bonitos que à primeira vista podem passar desapercebidos por turistas apressados em negócios pela cidade. Para quem gosta de cultura, São Paulo é uma meca, como citou o Rene Hass. Para mim que sou apaixonado por exposições, museus, monumentos, etc , São Paulo é viciante e eu já fui embora com vontade de voltar porque fiquei com uma sensação de que não vi tudo o que devia.
Gostei da hospitalidade da população porque mesmo andando sempre correndo por ruas e metrôs, sempre que me viam em alguma dificuldade em estações de metrô ou em qualquer lugar, vinham me ajudar mesmo sem eu pedir ajuda e muitos foram muito simpáticos papeando comigo por onde eu ia ao perceberem que eu era de fora. Meu sotaque me denunciava apesar de não ser tão carregado. Rsss...
Completando minhas impressões, eu só achei muito louco o clima daí que faz em minutos o céu pular do azul pro cinza e depois voltar pro azul de novo.
Quanto ao custo de vida, tive a impressão de que a cidade é cara principalmente em relação às entradas de lugares turísticos. Uma entrada de 16 reais num Zoo inviabiliza muito que parte da população se aproprie dele. Por outro lado, lugares como o Masp ( e não sei se há um dia no Zoo) , têm um dia de ingresso gratuito.
Enfim, posso dizer que a cidade é adorável e que ela me lembrou muito uma Nova York falando português com grandes espetáculos como o " Mamma Mia" ( que aliás fui vê-lo) , com boas peças de teatro, com bons cinemas, com uma vida política que avança sobre as ruas ( vi uns quatro a cinco protestos e inclusive fotografei um ao lado do Masp ), com boas alternativas culturais ( conheço uma pessoa que diz que tendo dinheiro e tempo, que ninguém fica sem ter o que fazer , com qualidade, em qualquer dia do ano em SP ).
 

·
Marcelo Lisa
Joined
·
5,174 Posts
Discussion Starter · #15 ·
Muito interessante sua forma de ver, sentir e captar a cidade nessas imagens, volte mais vezes, sempre há coisas novas e interessanes que valem muito a pena serem vistas. Você chegou a ir no Pico do Jaraguá? Se não foi, te aconselho a não peder na próxima vez que vier a São Paulo é incrível ver o gigantismo a cidade lá do alto, numa região repleta e verde e mata atlanica :)
Obrigado Slice Shot. Vou anotar a sua dica e se tudo der certo, passarei uma semana em outubro aí....
 

·
Banned
Joined
·
4,284 Posts
Escolha um dia "limpo" e de céu azul, de preferencia num domingo que a poluição fica bem menor e é mais fácil de enchergar o horizonte mais longinquo.

Ps: Descer o Pico de Bike é uma delícia também, são vários kilómetros de asfalto lisinho e belas vistas sem dar uma pedalada se quer :D (os freios tem que estar tinindo), mas lá não há aluguel de bike, e só dá pra subir por trilha (tem várias mas nunca fiz :() ou de carro, moto ou bike (precisa ter bom preparo físico), tem um parque na base do pico, lá tem índios, macaquinhos, e até nascentes e água, local pra churrasco, lagos e muito verde...
 

·
Marcelo Lisa
Joined
·
5,174 Posts
Discussion Starter · #17 ·
Escolha um dia "limpo" e e céu azul, de preferencia num domingo que a poluição fica bem menor e é mais fácil de enchergar o horizonte mais longinquo.

Ps: Descer o Pico de Bike é uma delícia também, são vários kilómetros de asfalto lisinho e belas vistas sem dar uma pedalada se quer :D (os freios tem que estar tinindo), mas lá não há aluguel de bike, e só dá pra subir por trilha (tem várias nunca fiz :() ou de carro, moto, oi bike (precisa ter bom preparo físico), tem um parque na base do pico, lá tem índios, macaquinhos, e até nascentes e água, local pra churrasco, lagos e muito verde...
:) :cheers:
 

·
Sampa!
Joined
·
5,809 Posts
Obrigado por todos os comentários. E aguardem as outras partes porque serão cinco no total.

Klauss, você me perguntou sobre as minhas impressões sobre São Paulo.Bem, eu me surpreendi com a eficiência das linhas de metrô que praticamente nos levam para qualquer ponto da cidade o que facilita muito a vida de turistas que vão sem carro. Só não recomendo que um turista vá nelas em horário de pico se estiver com pouca paciência de esperar passarem dois ou três trens até poder entrar em um.
O Metrô é um motivo de orgulho para São Paulo, embora ainda não tenha tamanho ideal para uma cidade com as dimensões de São Paulo.

Quanto à segurança , eu me senti seguro durante o dia e isto foi em praticamente em todos os lugares mas ressalto que tive uma pequena decepção em relação aos arredores do Memorial do Imigrante. Como o local está fechado para obras, talvez isto tenha contribuído para a aglomeração de um número muito grande de mendigos e de meninos de rua no fundo da rua sem saída entre a estação de metrô e ele. Eu sabia que o memorial estava fechado mas foi o primeiro local aonde resolvi ir porque um cara que mora na Mooca me disse que telefonou para lá e tinham dito que era possível ainda ir fotografar os jardins e a Maria Fumaça mais o bonde. Quando eu lá cheguei, a cena me lembrou muito algumas fotos que vi da região da "Cracolândia" nos threads do Tchello. Eu vi uns 25 mendigos aparentemente drogados e todos de frente pro memorial , deitados ou assentados e alguns circulando, inclusive dentro do bonde. Dei meia volta e voltei pra trás sem fotografar nada e dando graças a Deus por não ter sido assaltado porque se o fosse, minha viagem terminaria ali no primeiro dia já que minha grande motivação era fotografar e eu só tinha uma câmera e estava sem muitos recursos para comprar outra, caso fosse roubado. Eu sei que isto é um problema social do Brasil e não é exclusivo de SP mas acho que os governos deveriam ,pelo menos, manter mais segurança diante de lugares turísticos que são divulgados em guias como os lugares principais de uma cidade. Pode ser que tive um grande azar e que isto não seja a real rotina dali. Na verdade, quando o memorial reabrir em agosto, talvez eu me anime em voltar após esta data em SP e certamente ali será um lugar aonde retornarei. Desculpe-me o desabafo mas eu fico indignado com situações como esta seja em SP, em BH, no RJ ou onde for.
Eu disse que não valeria a pena ir lá :D

Que bom que você não foi assaltado, pois as fotos estão ótimas e você fotografa muito bem. Da última vez que fui lá o trajeto entre o Memorial e a estação estava um pouco largado mas não a esse ponto. E não se desculpe pelo desabafo. Foi uma prestação de serviço aos turistas desavisados. Triste situação. :(

Fora o acima exposto, eu me surpreendi muito com a beleza do Jardim Botânico , achei o Ipiranga belíssimo e muito seguro, adorei os museus como Masp, Lasar Segall e Pinacoteca. Eu me diverti muito em uma cantina italiana assim como adorei o Liberdade aonde fui duas vezes, a região da Paulista etc. A cidade tem locais muito bonitos que à primeira vista podem passar desapercebidos por turistas apressados em negócios pela cidade. Para quem gosta de cultura, São Paulo é uma meca, como citou o Rene Hass. Para mim que sou apaixonado por exposições, museus, monumentos, etc , São Paulo é viciante e eu já fui embora com vontade de voltar porque fiquei com uma sensação de que não vi tudo o que devia.
Gostei da hospitalidade da população porque mesmo andando sempre correndo por ruas e metrôs, sempre que me viam em alguma dificuldade em estações de metrô ou em qualquer lugar, vinham me ajudar mesmo sem eu pedir ajuda e muitos foram muito simpáticos papeando comigo por onde eu ia ao perceberem que eu era de fora. Meu sotaque me denunciava apesar de não ser tão carregado. Rsss...
Sampa é tudo de bom mesmo :cheers:

Completando minhas impressões, eu só achei muito louco o clima daí que faz em minutos o céu pular do azul pro cinza e depois voltar pro azul de novo.
Quanto ao custo de vida, tive a impressão de que a cidade é cara principalmente em relação às entradas de lugares turísticos. Uma entrada de 16 reais num Zoo inviabiliza muito que parte da população se aproprie dele. Por outro lado, lugares como o Masp ( e não sei se há um dia no Zoo) , têm um dia de ingresso gratuito.
É interessante mesmo essa questão do céu cinza/marrom :lol:

Sobre a questão dos preços, já não acho isso. As atrações são baratas aqui. O MASP é uma das atrações mais caras (R$ 14), mas estudantes pagam meia e às terças é gratuito. A maioria dos museus em São Paulo não cobram muito caro. Normalmente são valores abaixo de 10 reais. Claro que também estou levando em conta o custo dos deslocamentos pela cidade, e ainda assim acho barato. Mesmo pessoas pobres gastam mais que isso com outros tipos de lazer.

Enfim, posso dizer que a cidade é adorável e que ela me lembrou muito uma Nova York falando português com grandes espetáculos como o " Mamma Mia" ( que aliás fui vê-lo) , com boas peças de teatro, com bons cinemas, com uma vida política que avança sobre as ruas ( vi uns quatro a cinco protestos e inclusive fotografei um ao lado do Masp ), com boas alternativas culturais ( conheço uma pessoa que diz que tendo dinheiro e tempo, que ninguém fica sem ter o que fazer , com qualidade, em qualquer dia do ano em SP ).
:cheers:

Seja sempre bem vindo!
 

·
Banned
Joined
·
354 Posts
Quanto à segurança , eu me senti seguro durante o dia e isto foi em praticamente em todos os lugares mas ressalto que tive uma pequena decepção em relação aos arredores do Memorial do Imigrante. Como o local está fechado para obras, talvez isto tenha contribuído para a aglomeração de um número muito grande de mendigos e de meninos de rua no fundo da rua sem saída entre a estação de metrô e ele. Eu sabia que o memorial estava fechado mas foi o primeiro local aonde resolvi ir porque um cara que mora na Mooca me disse que telefonou para lá e tinham dito que era possível ainda ir fotografar os jardins e a Maria Fumaça mais o bonde. Quando eu lá cheguei, a cena me lembrou muito algumas fotos que vi da região da "Cracolândia" nos threads do Tchello. Eu vi uns 25 mendigos aparentemente drogados e todos de frente pro memorial , deitados ou assentados e alguns circulando, inclusive dentro do bonde. Dei meia volta e voltei pra trás sem fotografar nada e dando graças a Deus por não ter sido assaltado porque se o fosse, minha viagem terminaria ali no primeiro dia já que minha grande motivação era fotografar e eu só tinha uma câmera e estava sem muitos recursos para comprar outra, caso fosse roubado. Eu sei que isto é um problema social do Brasil e não é exclusivo de SP mas acho que os governos deveriam ,pelo menos, manter mais segurança diante de lugares turísticos que são divulgados em guias como os lugares principais de uma cidade. Pode ser que tive um grande azar e que isto não seja a real rotina dali. Na verdade, quando o memorial reabrir em agosto, talvez eu me anime em voltar após esta data em SP e certamente ali será um lugar aonde retornarei. Desculpe-me o desabafo mas eu fico indignado com situações como esta seja em SP, em BH, no RJ ou onde for.
Ali há de fato uma grande concentração de mendigos e você os encontrará sempre que for lá. Isso porque no mesmo edifício onde funciona o Memorial, na parte fechada ao público visitante, funciona um albergue, e em um edifício anexo um restaurante popular. Então eles estão sempre lá, mesmo que não seja nas horas em que as refeições são distribuídas ou muito antes da hora de dormir. Fui lá já faz uns cinco anos e o que você relatou se parece exatamente com o que eu vi. Por um lado, é uma pena, por que é um local turístico e essa situação pode afugentar visitantes. Por outro lado, fico feliz que o albergue ainda esteja funcionando e prestando serviços para essa parcela tão necessitada da população. De toda forma, pode ficar sossegado. Eles estão ali mesmo pelos serviços, não irão roubar nem agredir ninguém. Os de má índole não se atreveriam a correr este tipo de risco nas imediações de um lugar onde sempre são encontrados.
 

·
Marcelo Lisa
Joined
·
5,174 Posts
Discussion Starter · #20 ·
Ali há de fato uma grande concentração de mendigos e você os encontrará sempre que for lá. Isso porque no mesmo edifício onde funciona o Memorial, na parte fechada ao público visitante, funciona um albergue, e em um edifício anexo um restaurante popular. Então eles estão sempre lá, mesmo que não seja nas horas em que as refeições são distribuídas ou muito antes da hora de dormir. Fui lá já faz uns cinco anos e o que você relatou se parece exatamente com o que eu vi. Por um lado, é uma pena, por que é um local turístico e essa situação pode afugentar visitantes. Por outro lado, fico feliz que o albergue ainda esteja funcionando e prestando serviços para essa parcela tão necessitada da população. De toda forma, pode ficar sossegado. Eles estão ali mesmo pelos serviços, não irão roubar nem agredir ninguém. Os de má índole não se atreveriam a correr este tipo de risco nas imediações de um lugar onde sempre são encontrados.
Obrigado pelos esclarecimentos. Então está tudo explicado porque cheguei lá entre 13 hs e 14 hs. E deviam ter acabado de almoçar e estavam deitados nas calçadas em grande número numa espécie de " siesta" e também se socializando uns com os outros. Por isso vi uns 30 todos muito próximos uns dos outros . E havia ainda outros mais isolados , na mesma rua, mas mais adiante. Talvez em alguns horários , fique menos concentrado. Na verdade, não tenho preconceito contra mendigos porque sei que muitos não estão ali por opção e sei que o alcoolismo e drogras é que leva muitos a serem expulsos de casa e se abrigarem nas ruas. O que me assustou foi a falta de segurança porque eu estava numa rua sem saída, com o local aonde eu iria fechado e eu com dinheiro e câmera e longe do local aonde eu estava hospedado. Acho que se há um albergue no mesmo local aonde há um lugar de forte apelo turístico ( fora os tantos que vêm do Brasil todo para conseguirem ali papéis para obtenção de dupla cidadania) , então deviam haver policiais nos arredores o tempo todo para manterem a ordem e a segurança seja dos visitantes seja da população que reside ali e até mesmo para garantirem a paz entre os próprios mendigos pacíficos que podem sofrer assédios de alguns mais exaltados. Há muitos mendigos que não fazem mal à ninguém ( e próximo da minha casa há alguns também e passo caminhando perto deles seja de madrugada seja por volta de 9 da noite) mas onde há grandes aglomerações, nunca temos como distinguir quem é quem e se um deles estiver drogado ou bêbado, a ousadia pode ser maior até porque muitos deles estão nas ruas por problemas mentais e até em surto psicótico.
 
1 - 20 of 91 Posts
Top