SkyscraperCity Forum banner
41 - 60 of 114 Posts

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #41 ·
Itajaí lança parada da Volvo Ocean Race e inicia contagem regressiva
04 de dezembro de 2014

Itajaí lançou a contagem regressiva para a parada da Volvo Ocean Race por aqui, em abril de 2015. O lançamento oficial, na noite de quarta-feira, marcou também o lançamento do site oficial da Itajaí Stopover e da fanpage do evento no Facebook.


A Vila da Regata será aberta ao público de 3 a 19 de abril, período em que os velejadores deverão cumprir a etapa ente Auckland, na Nova Zelândia, e o Brasil. O lançamento da parada teve participação virtual do padrinho da Itajaí Stopover, o velejador catarinense André Fonseca, que integra a equipe espanhola Mapfre.

A quatro meses do evento, a organização tem 70% das cotas de patrocínio comercializadas. Ainda faltam cinco, com custos entre R$ 100 mil e R$ 250 mil. Um banco, um estaleiro e uma construtora teriam sinalizado com a possibilidade de assinarem contrato em janeiro.

Desta vez a busca pelos R$ 3,5 milhões que serão pagos pela iniciativa privada foi mais fácil do que em 2012, quando ainda não se conhecia o evento. As maiores cotas, de apresentação do evento, são da APM Terminals e da Portonave.

Aliás

Chamou atenção a ausência de representantes do Estado no lançamento da Itajaí Stopover. Nem a Secretaria de Desenvolvimento Regional enviou representante (reflexo dos recentes anúncios sobre mudanças nas SDRs, será?).

O Governo do Estado paga boa parte dos direitos para que a cidade receba a regata no ano que vem.

GUARDA-SOL

Tem várias tomadas aéreas lindas no vídeo. Vale a pena conferir!!
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #42 ·
Itajaí terá a maior marina de SC
01 de dezembro de 2014




Enquanto Florianópolis continua penando com a ausência de marinas, Itajaí segue Balneário Camboriú e dá um banho. Seguem as obras da Marina Itajaí, que sediará as regadas Volto Ocean Race e Jacques Vabre. Um projeto maravilhoso com um boulevard público espetacular. Quem vai tirar a caveira de burro da Ilha?

Moacir Pereira
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #43 · (Edited)
Itajaí - Construção de marina deve desafogar fluxo de embarcações
Publicado em 18 de dez de 2012

Nova Marina Itajaí - Santa Catarina
Publicado em 27 de ago de 2014​

Dados retirados dos vídeos:

- Vagas:

- 353 secas
- 493 molhadas
TOTAL: 846 embarcações
- 538 veículos

- 02 forklifts (empilhadeiras)
- 01 travel lift

Travel lift

Imagem ilustrativa

Murrelle Marine

- Boulevard de acesso público
- Área gastronômica
- Posto de abastecimento para a marina e outras embarcações

- Áreas comerciais:
= Loja de conveniência
= Artigos náuticos e lounge

- Carro elétricos que levam até as embarcações

- Área:
= Construída: 22mil m²

= Total: 119mil m²

A área é uma concessão do Porto de Itajaí para a iniciativa privada. Não foi revelado o prazo.

Alguém sabe qual é a maior marina do Brasil em quantidade de vagas?
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #44 ·
Itajaí é oficialmente anunciada como ponto de chegada da Transat Jacques Vabre 2015

Maior prova à vela do Atlântico partirá de Le Havre, na França e terminará em Itajaí depois de percorrer quase 10 mil quilômetros

Data de inclusão:
06/12/2014 11:42

Agora é oficial. Itajaí acaba de ser confirmada como porto de chegada da Regata Transat Jacques Vabre 2015. Esta é a segunda vez que a cidade vai receber os veleiros da principal competição à vela do Atlântico, também conhecida como Regata do Café. O anúncio ocorreu neste sábado (06), durante o Salão Náutico de Paris, e contou com presença do Prefeito Jandir Bellini e do Prefeito de cidade francesa de Le Havre - ponto de partida da competição, Edouard Phelippe. A largada dos veleiros da França será em 25 de outubro e a previsão é que os primeiros barcos aportem em Itajaí em 05 de novembro, após vencerem o percurso de quase 10 mil quilômetros.

Para um dos diretores da competição, Gildas Gautier, o sucesso da edição de 2013 credenciou Itajaí para ser novamente o ponto de chegada dos veleiros. “Ficamos impressionados com a organização da cidade e o envolvimento da população com a Jacques Vabre, e por isso vamos retornar à Itajaí”, comenta. O Prefeito Jandir Bellini comemorou a volta da Transat para Itajaí, o que segundo ele é a confirmação da qualificação que cidade adquiriu na realização de grandes eventos náuticos internacionais. “Com isso mostramos o quanto a cidade está preparada para receber eventos desta magnitude, colocando o nome de Itajaí no cenário internacional”, comenta. Ainda segundo Bellini, com esse anúncio, aumenta também a responsabilidade de fazer um evento ainda maior em 2015.

O Prefeito destacou ainda que os retornos da Volvo Ocean Race, que aporta na cidade em abril, e da Jacques Vabre, em novembro do próximo ano, associados à construção da Marina e à chegada de grandes estaleiros, confirmam a vocação de Itajaí como um grande polo náutico brasileiro. “Queremos com isso fortalecer nossa economia, nas áreas do turismo e do mercado náutico”, comenta.

Para mais uma vez agradar e surpreender a organização francesa da competição náutica, os velejadores e suas equipes de apoio, familiares, amigos e demais visitantes que acompanharão o evento, em novembro do próximo ano, o Município de Itajaí trabalha nos preparativos para a chegada da Transat Jacques Vabre 2015, no Centreventos.

Assim como ocorreu em 2013 – quando mais de 230 mil pessoas circularam pela Vila da Regata, novamente, a Transat Jacques Vabre em Itajaí vai estar agregada à Marejada: Aventura pelos Mares do Mundo, que terá, em 2015, um total de 20 dias de atividades. Música, gastronomia e uma feira de negócios, além da chegada das embarcações que disputarão a regata transoceânica devem mais uma vez levar milhares de pessoas ao local do evento, no período de 03 a 22 de novembro.

Novidades

Para a próxima edição, a regata transoceânica Jacques Vabre vai contar com cinco categorias em disputa: além dos monocascos IMOCA e Classe 40 e dos multicascos Classe 50 e MOD 70, que já estavam em 2013, barcos ainda maiores, de classe Ultim, com barcos entre 70 e 100 pés vão competir. A expectativa da organização é que mais de 50 veleiros estejam inscritos na prova do próximo ano.

Para 2015, outra novidade é a inclusão de Itapema no evento como sede da regata Inshore. Após a chegada de todos os veleiros, eles irão zarpar de Itajaí rumo à cidade de Itapema, onde competirão nas praias da cidade.

Para o prefeito Rodrigo Costa, é grande a alegria da cidade de Itapema ao se integrar a este importante evento internacional. Isto demonstra, segundo ele, a integração entre os municípios do litoral norte catarinense, que desta forma atuam, em conjunto, no fortalecimento do turismo para fomentar o crescimento econômico da região. “Itapema vai estar diretamente envolvida com a Jacques Vabre em 2015, e queremos com isso alavancar ainda mais o turismo de nossa cidade e também contribuir com a região da Costa Esmeralda”, finaliza.

Município de Itajaí
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #45 ·
Via Expressa Portuária de Itajaí


Interseção com a BR-101


Maiores intervenções nesta fase serão no bairro Barra do Rio


Viaduto/Ponte sobre a Reinaldo Schmithausen (350m)
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #46 ·
STF nega recurso e mantém decisão que anulou 35 cargos comissionados do Porto de Itajaí
10 de dezembro de 2014

O Supremo Tribunal Federal (STF) negou recurso da prefeitura de Itajaí e manteve uma decisão do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) que anulou a criação de 35 cargos comissionados no Porto de Itajaí e vetou gratificações extras para ocupantes de cargos em comissão.

A ação, movida pelo Ministério Público Estadual, é de 2010. Na época, o TJSC anulou a criação das vagas sob a justificativa de que não se encaixavam nas exigências constitucionais para cargos comissionados. Diante do impasse, a proposta não saiu do papel.

A prefeitura recorreu ao STF este ano e pode apresentar novo recurso após a decisão. Vale lembrar que o porto lançou recentemente plano de demissão voluntária para cortar gastos.

Início Postado por Dagmara Spautz, às 14:02
Categorias: Portos

Guarda-sol

Duas empresas se habilitam para abrir a nova bacia de evolução
12 de dezembro de 2014

A holandesa Van Oord e a brasileira Triunfo foram as duas únicas empresas que apresentaram documentos de habilitação para concorrer à execução das obras da nova bacia de evolução.

A expectativa era que o interesse fosse maior, já que 20 empresas haviam questionado itens do edital.

O próximo passo é a análise dos documentos para a abertura dos envelopes de preços, que ainda não tem data para ocorrer.
A expectativa é que a pouca concorrência acelere o processo licitatório, que pode ser concluído ainda este ano.

Início Postado por Dagmara Spautz, às 9:13
Categorias: Portos

Guarda-sol

Ranking da revista Exame coloca Itajaí entre as cidades mais importantes para a economia do país
17 de dezembro de 2014


Foto: Lucas Correia/Especial/Arquivo​

A revista Exame publicou uma lista com as não-capitais mais importantes para a economia do país. Itajaí está em 15º lugar e é a única cidade do Sul do país no ranking.

A listagem foi produzida por João Pedro Caleiro, editor do canal de Economia da revista, e traz em 1º lugar o município de Campos dos Goytacazes (RJ), que tem PIB de 45,1% bilhões e participação de 1,03% na economia nacional. É seguida por Guarulhos (SP) - dos 15 municípios da lista, nove são do Estado de São Paulo.

De acordo com dados divulgados pelo IBGE na semana passada Itajaí tem PIB de 19,7 bilhões e participação de 0,45% no PIB do país.

Veja a lista completa:

1 – Campo dos Goytacazes (RJ)
2 – Guarulhos (SP)
3 – Campinas (SP)
4 – Osasco (SP)
5 – Santos (SP)
6 – São Bernardo do Campo (SP)
7 – Barueri (SP)
8 – Betim (MG)
9 – São José dos Campos (SP)
10 – Duque de Caxias (RJ)
11 – Jundiaí (SP)
12 – Uberlândia (MG)
13 – Contagem (MG)
14 – Ribeirão Preto (SP)
15 – Itajaí (SC)

Início Postado por Dagmara Spautz, às 7:54
Categorias: Economia

Guarda-sol
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #47 ·
Portonave é o único terminal portuário na lista das melhores empresas para se trabalhar no Brasil


O melhor porto para trabalhar no país, de acordo com a edição 2014 do Great Place To Work (GPTW), é de Santa Catarina. O Terminal Portuário de Navegantes atingiu nota suficiente para ser ranqueado no seleto grupo das melhores empresas para se trabalhar. Em Santa Catarina, somente 25 empresas constam na lista.

(...)

A Portonave trouxe para a região de Navegantes uma nova mentalidade de fazer negócios, já bastante conhecida em outros países e nas grandes cidades brasileiras, mas ainda pouco aplicada em empresas de municípios menores: o triple bottom line, que baliza as ações das empresas com foco nas áreas social, ambiental e econômica.
Somos navegantinos. Investimos aqui, acreditamos nas pessoas daqui e temos convicção de que o sucesso da Portonave só é completo com o desenvolvimento socioeconômico de Navegantes. Para isso, além da geração de emprego e renda, também desenvolvemos projetos sociais que buscam melhorar a qualidade de vida de toda a comunidade”, sustenta Osmari de Castilho Ribas, diretor-superintendente administrativo.

Engajamento

(...)

Entre os projetos da Portonave que romperam as paredes do prédio administrativo da companhia, no Bairro São Domingos, em Navegantes, está o de reciclagem de lixo. Como a cidade não tem coleta seletiva, a Portonave instalou diversas centrais de recebimento de resíduos recicláveis e perigosos em Navegantes. O Terminal mantém convênios com empresas de reciclagem e destinação final adequada dos resíduos perigosos. Desde o início do projeto, em 2011, mais de 47 mil quilos de resíduos foram destinados à reciclagem.

(...)

As certificações também são citadas com orgulho. A Portonave foi o primeiro Terminal Portuário brasileiro que recebeu o ISPS Code, código internacional de segurança em instalações portuárias e embarcações. A empresa conta ainda com a ISO 9001 e 14001.

Triunfo
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #48 ·
Primeira etapa das obras da Bacia de Evolução custará R$ 103 milhões
30 de dezembro de 2014


Foto: Marcos Porto​

A obra da primeira etapa da nova bacia de evolução do Complexo Portuário do Itajaí vai custar R$ 103,9 milhões. Foi este o valor apresentado pela empresa Triunfo, que venceu a licitação conduzida pela Secretaria de Estado da Infraestrutura. Além da Triunfo, que é brasileira, a holandesa Van Oord também apresentou proposta.

O valor ficou abaixo do esperado pelo Estado, que previa um custo de até R$ 130 milhões na primeira etapa. O trabalho inclui a retirada das guias do Molhe Sul, de parte dos espigões transversais do Molhe Norte e dragagens para o alargamento do canal de acesso.

A expectativa agora é pela publicação do resultado da licitação, necessária para dar início ao prazo legal de recurso. Como há recursos do BNDES envolvidos, além do Diário Oficial do Estado também é necessária publicação no Diário Oficial da União.

Se tudo correr conforme o planejado, o contrato será assinado no início de janeiro.

A empresa terá, então, 60 dias para apresentar o projeto executivo e licenciar a instalação, que dependerá de estudos complementares (os primeiros já foram feitos preliminarmente antes da licitação).

Obedecidos todos os prazos, a obra que promete manter a competititvidade dos terminais de Itajaí e Navegantes inicia em abril – quatro meses mais tarde do que o previsto.

Gigantes à vista

A bacia de evolução é a área de manobras para os navios que entram no Complexo Portuário. As embarcações giram no Itajaí-Açu antes de atracarem nos cais.

A nova bacia será construída no Saco da Fazenda em duas etapas. A primeira, recém licitada, permitirá a entrada de navios com até 336 metros de comprimento (hoje o limite máximo é de 305 metros).

O Complexo dependerá então da segunda etapa da obra para passar a receber navios de 366 metros – alguns dos maiores do mundo.

Hoje o maior cargueiro de contêineres a cruzar os oceanos é um gigante de 400 metros, da dinamarquesa Maersk Line.

Guarda-sol

Lembrando que a Triunfo é acionista da Portonave (33,3% de participação), tendo interesse direto na celeridade da obra.
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #49 · (Edited)

A Marina Itajaí, área para embarcações que está em processo de construção na cidade de Itajaí, acaba de ganhar sua identidade visual. Desenvolvida pela agência joinvilense TWC Comunicação, a logo remete ao mar por meio da mistura de dois tons de azul e da presença de duas ondas estilizadas.

Marina Itajaí é, na verdade, o nome dado ao projeto do Complexo Náutico Ambiental de Itajaí, que está sendo construído pelo consórcio KL Viseu, formado pelas empresas Karlos Gabriel Lemos ME e Construtora Viseu. Além das áreas para embarcações, o local vai contar com áreas de lazer e centro comercial, constituindo-se como mais uma opção de lazer para moradores e turistas que visitam a cidade.

Com a Marina, Itajaí será a única cidade do país a possuir um complexo integrado com Porto de Carga, Porto de Passageiros e Porto de Lazer.

Fonte

A Marina

Um complexo turístico moderno e estruturado, com boulevard de acesso público, área gastronômica, posto de abastecimento para a Marina e outras embarcações e um lindo caminho de contemplação.

O complexo possui áreas comerciais com diversos serviços. A área privativa da Marina comporta 353 vagas secas, 2 “forklifts” e 1 “travelift” com capacidade para até 75 toneladas, com serviço de limpeza e manutenção das embarcações.

A Marina possui um estacionamento com 538 vagas com “valet” e uma sede administrativa moderna e equipada, com lojas de conveniência, lojas de artigos náuticos e lounge.

Para acesso aos flutuantes, a Marina utiliza carro elétrico, contribuindo para a preservação do meio ambiente, em uma estrutura completa. O deck flutuante possui controle de acesso, 3 metros de largura e capacidade para vagas molhadas de até 493 unidades, somando uma capacidade total de 846 vagas, tornando-se a maior marina de Santa Catarina e uma das maiores do Brasil, em um local de fácil acesso, na melhor localização de Itajaí, próximo aos pontos turísticos mais bonitos da costa catarinense.










Infraestrutura

A Marina é mais que um complexo náutico, sua infraestrutura é completa, composta por:

• Boulevard com acesso público
• Área gastronômica
• Caminho de contemplação
• Área comercial
• Visualização aberta de toda a Marina
• Capacidade total de 846 vagas, sendo 353 secas e 493 molhadas
• Baía protegida com profundidade de 4 metros
• Estacionamento com 538 vagas
• 120 mil m² de área de espelho d´água
• Sede administrativa
• Prédio de serviços

Com toda esta infraestrutura a Marina contribuirá de forma significativa no desenvolvimento da cidade de Itajaí, pois irá gerar cerca de 1.600 vagas de empregos (direto e indireto), fortalecendo assim o reconhecimento da cidade como um grande Pólo Náutico do país. O turismo também será incentivado e os moradores serão beneficiados através das novas opções de lazer, entretenimento e eventos que a Marina irá proporcionar.


Vagas

A área privativa da Marina comporta 353 vagas secas para embarcações de até 45 pés.

Na água serão mais 493 vagas molhadas para embarcações de até 100 pés, totalizando 846 vagas.


Serviços

A maior Marina do estado de Santa Catarina possui toda a estrutura necessária para atender demandas e oferecer os melhores serviços náuticos para embarcações de pequeno, médio e grande porte:

• Posto de abastecimento náutico
• Loja de conveniência
• Lojas de artigos náuticos
• Lojas especializadas em venda de embarcações
• Guarita de segurança com funcionamento 24 horas
• Serviços de limpeza e manutenção das embarcações
• 2 forklifts
• 1 travelift com capacidade para 75 toneladas
• Restaurantes, bistrô e cafés
• Escritórios especializados em apoio náutico
• Bancos
• Concierge
• Resgate e salvatagem
• Estacionamento com valet
• Hobby Box disponível para locação aos proprietários das embarcações
• Prédio de serviços com área de descanso, refeitório e sala de treinamentos para funcionários da Marina e marinheiros
• Controle eletrônico de acesso aos flutuantes por senha ou cartão magnético
• Uso de carrinhos elétricos para acesso aos flutuantes


Responsabilidade Ambiental

Na Marina Itajaí a responsabilidade ambiental é um compromisso. Todo o complexo possui um grande planejamento ambiental que vai desde a sua concepção até a utilização inteligente de recursos naturais.

• Construção de Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), que atenderá as instalações em terra e coleta de águas negras das embarcações
• Programa de reciclagem de resíduos
• Utilização de veículos elétricos para transporte interno
• Otimização de energia com utilização de sensor de presença
• Utilização de energia solar
• Captação e reaproveitamento das águas pluviais

Graças a qualificação do planejamento ambiental e a modernidade da sua estrutura, a Marina Itajaí busca alcançar a certificação internacional Blue Flag.
A certificação Blue Flag é emitida através de um sistema de avaliação criterioso, reconhecido internacionalmente e visa a melhoria do ambiente marinho, costeiro, fluvial e lacustre, garantindo a qualidade da água e meio costeiro. É elaborada em conformidade com a Fundação para a Educação Ambiental (Foundation for Environmental Education), sediada na Dinamarca.



Foto sem data postada no site do empreendimento, mostra a terraplanagem ao lado do Centrevetos Itajaí (onde ocorre a Marejada, Regata Jacques Vabre e Volvo Ocean Race:



Marina Itajaí

E imagem de satélite de agosto último mostra a evolução, inclusive com a construção do molhe:


E, aqui, o projeto completo:

 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #50 ·
Estaleiro de Santa Catarina entrega rebocador portuário financiado pelo FMM

Publicado: Sexta, 30 de Janeiro de 2015, 20h14
Última atualização em Sexta, 30 de Janeiro de 2015, 20h55


Foi entregue na última quarta-feira (28/01), mais uma embarcação financiada com recursos do Fundo da Marinha Mercante (FMM), gerenciado pelo Ministério dos Transportes. Trata-se do rebocador de apoio portuário, denominado SST Parintins, da empresa SAAM SMIT Towage Brasil.

A embarcação, construída pelo estaleiro Keppel Singmarine Brasil, de Navegantes (SC) pode ser utilizada em diversos serviços portuários, principalmente no auxilio da atracação e desatracação de grandes embarcações. Foi financiada por meio do Banco do Brasil, no âmbito do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Esta é a última embarcação entregue desse projeto, que contempla um total de seis rebocadores de 24,4 metros de comprimento, 4,5 metros de calado, 10,25 metros de boca moldada (largura), todas financiadas com recursos do FMM. São rebocadores azimutais, cuja principal característica está no fato de não precisarem de leme para governar, porque há substituição do hélice fixo por um propulsor que pode mudar o sentido de sua corrente de descarga.

O Fundo da Marinha Mercante é a principal fonte de financiamento de longo prazo destinada a promover o desenvolvimento da marinha mercante e da indústria de construção naval brasileira. Ele financia a construção de embarcações e estaleiros no país, por intermédio de agentes financeiros. Em 2014, o FMM desembolsou R$ 4,5 bilhões para financiamentos. Foram R$ 2,85 bilhões para novas contratações, 91 obras concluídas, das quais 89 embarcações além de dois projetos de estaleiros, com o valor total de R$ 3,4 bilhões.

Ministério dos Transportes
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #51 ·
A partir de 25 de outubro de destino Itajaí


Domingo, 25 de outubro, 2015 , como manda a tradição , o destino do café rali Transat Jacques Vabre . Depois de mais de uma semana de celebrações ao redor da piscina Vatine Paul Le Havre, as quatro classes apresentar a 12ª edição terá início a partir Le Havre, porta 1 café para chegar Itajaí , no Brasil , o país produzindo o primeiro café. No programa: um caminho único e direto a 5.400 milhas .

Le Havre - Itajaí , uma espreguiçadeira - duas cidades

Por 22 anos , a cidade de Le Havre recebe concorrentes e o início da Transat Jacques Vabre , " Para a cidade de Le Havre , a Transat Jacques Vabre é um enorme festival de água e um grande evento a cada dois anos . Este ano , a cidade de Le Havre fará todos os esforços para acomodar os 350 000 000 visitantes esperados em torno da bacia Paul Vatine 17-25 outubro de 2015 » , disse Edouard Philippe , vice-prefeito de Le Havre .

Pelo segundo ano , a linha de chegada da Transat Jacques Vabre será desligado Itajaí , Brasil. " Itajaí sua definitiva sobre o palco de grandes eventos esportivos internacionais , recebendo novamente a Transat Jacques Vabre , um dos maiores eventos de vela do mundo. Sentimo-nos honrados e felizes, nós agradecemos a organização do evento para a sua confiança em nosso trabalho e esperamos que todos vocês em nossa cidade. "Diz Jandir Bellini, prefeito de Itajaí .


Transat Jacques Vabre
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #53 ·
Obras da Marina de Itajaí estão muito avançadas!

Li notícia que Itajaí prepara novo píer turístico para cruzeiros. Não ficou claro se manterão o atual.

O novo ficaria ao lado da Marejada e, conseqüentemente, ao lado da Marina. Pensa numa jóia para o Estado! :banana:

Marina deve gerar mais de 1,6 mil empregos em Itajaí

17 de janeiro de 2015 - 13:18 - Infraestrutura - Itajaí

Toda a obra deve ficar pronta no final de 2016

A marina de Itajaí deve gerar mais de 1,6 mil empregos. A primeira parte do empreendimento, que é totalmente feito pelo setor privado, está programada para ser entregue em outubro deste ano. A obra toda deve ficar pronta no final de 2016.

(Vídeo/reportagem no link)

RICTV Record







 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #54 ·
Itajaí desenvolve projeto para a construção de um novo píer turístico para cruzeiros

03/02/2015 - 20:46 - DESTINO SC

A cidade de Itajaí tem se destacado no turismo de cruzeiros. O município é um dos poucos a ter píer turístico fora do porto de cargas. O espaço ainda chama a atenção pelo fácil acesso ao centro comercial da cidade. Atualmente, Itajaí desenvolve um projeto para a construção de um novo píer turístico para incrementar o turismo de cruzeiros.

RICTV Record

Vídeo no link (só consegui abrir pelo Google Chrome).

 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #55 ·
Obra de R$ 300 milhões vai abrir espaço para navios gigantes no Complexo Portuário
17 de março de 2015


Foto: Marcos Porto​

O governador Raimundo Colombo (PSD) assinou a ordem de serviço para as obras da nova bacia de evolução, que atenderá aos terminais portuários de Itajaí e Navegantes. Na prática, a primeira etapa da abertura de uma nova área de manobras que trará ao Complexo Portuário capacidade para receber navios maiores e mais carregados, com até 366 metros de comprimento.

Hoje, o limite é de 305 metros. A obra é considerada vital para a economia no Estado. Por falta de espaço para os gigantes que já estão operando na costa brasileira, no ano passado o Complexo perdeu duas linhas asiáticas, uma em Itajaí e outra em Navegantes. Só na APM Terminals, arrendatária do Porto de Itajaí, são 10 mil contêineres a menos todo mês.

Dada a importância da estrutura, os estudos iniciais, feitos em 2012, foram pagos integralmente pela APM Terminals e pela Portonave, que opera na margem de Navegantes. As pesquisas ficaram sob a responsabilidade de técnicos holandeses e incluiu simulações que demonstraram o modo mais seguro de manobrar os gigantes: os navios vão girar 180º na bacia de evolução, que ficará na região do Saco da Fazenda, e seguirão de ré até os atracadouros.

Veja como vai funcionar:


Duas etapas

Nesta primeira fase da obra, custeada pelo Estado, será alargado o canal e retiradas as guias submersas - estruturas que ficam no fundo do Itajaí-açu e que direcionam os navios em direção aos terminais. O investimento é de R$ 103,9 milhões, fruto de um financiamento do Estado junto ao BNDES.

Alexandre Marujo, diretor de obras da Triunfo Construtora, empresa que venceu a licitação, diz que o maior desafio será executar a empreitada sem paralisar as atividades dos terminais, que continuarão operando. As pedras dos molhes, por exemplo, serão removidas aos poucos com equipamentos instalados sobre embarcações.

Antes disso, porém, será preciso apresentar o projeto executivo para solicitar as licenças ambientais - o que deve levar mais 90 dias. Toda a etapa inicial vai demorar 18 meses para ser concluída e quando estiver pronta, no fim do ano que vem, já será possível a entrada de navios com até 336 metros de comprimento.

As embarcações ainda maiores dependerão da segunda fase da obra, que deve ser paga pelo governo federal e vai custar cerca de R$ 280 milhões.

- Temos um compromisso do governo federal e estamos seguros de que será cumprido, porque essa obra é importante para o país - afirmou o governador.
Formado pelo porto público, os terminais APM Terminals em Itajaí e a Portonave em Navegantes, além de outros quatro terminais privados, o Complexo Portuário do Itajaí tem a segunda maior movimentação de contêineres do país, atrás apenas do Porto de Santos. A movimentação portuária faz circular entre as duas cidades R$ 69 milhões por mês.

Mudança a tempo

Há pressão dos armadores por mais espaço para seus navios gigantes, e a conta não é difícil de entender: os grandalhões têm maior capacidade de carga. E se carregam mais contêineres a cada viagem, o custo do transporte é menor.
A estimativa é que os navios com até 366 metros estejam na costa brasileira em até dois anos - e vai ficar com essas escalas quem tiver condições de recebê-las.

- Voltaremos a ser competitivos a tempo de atender a esse mercado - diz o diretor-superintendente da Portonave, Osmari de Castilho Ribas.

A expectativa é de crescimento. Antônio Ayres dos Santos Junior, superintendente do Porto de Itajaí, diz que o Complexo vai crescer no ritmo em que crescer o Brasil.

Ricardo Arten, superintendente da APM Terminals, é mais otimista:

- Poderemos crescer 30% com a nova bacia de evolução - estima.​

Guarda-sol
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #56 ·
Lindas imagens da Volvo Ocean Race, regata que começou dia 3 e vai até 19 de abril, em Itajaí.

Leg 5, day 20. Spectator boats welcome Team SCA to Itajaí. Photo by Rick Tomlinson / Volvo Ocean Race


Leg 5, day 20. Team SCA arrive to Itajaí in fifth place. Photo by Buda Mendes / Volvo Ocean Race


Leg 5, day 20. Team SCA arrive to Itajaí in fifth place. Photo by Buda Mendes / Volvo Ocean Race


Leg 5, day 18. Team Brunel arriving into Itajaí in 4th position. Photo by Ainhoa Sanchez / Volvo Ocean Race


Leg 5, day 18. Team Brunel and Team Alvimedica on the approach into Itajai! Team Alvimedica finished just before Team Brunel, snatching the last podium finish. Photo by Ainhoa Sanchez / Volvo Ocean Race


Leg 5, day 18. Andre 'Bochecha' Fonseca, waving to the home crowd. Photo by Francisco Vignale / MAPFRE


Volvo Ocean Race
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #58 ·
Fotos minhas na data de ontem.

Muito legal a Vila da Regata! :banana::banana:

Tirei poucas fotos.

Hoje vou novamente.







A maquete da Marina também estava lá exposta!





 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #59 ·
Portonave conclui primeira etapa das obras

01-04-2015 17:04

A área da primeira fase da expansão da Portonave - Terminais Portuários de Navegantes foi alfandegada pela Receita Federal e acrescenta ao terminal 24.442 metros quadrados de pátio, um quarto do total a ser ampliado. Até o final da expansão, prevista para ser concluída no segundo semestre de 2015, a Portonave deve dobrar a capacidade estática do pátio de 15 mil para 30 mil TEUs.

Portos & Navios
 

·
Compro e vendo likes
Joined
·
7,687 Posts
Discussion Starter · #60 ·
Marina Itajaí em teste
07 de abril de 2015


Foto: Marcos Porto​

Não deu tempo de deixar a Marina Itajaí pronta para a Volvo Ocean Race, mas a estrutura já recebeu os primeiros barcos.
As embarcações de apoio da regata estão usando a marina – inclusive o veleiro Itajaí Sailing Team, a equipe de vela oficial da cidade.

Guarda-sol
 
41 - 60 of 114 Posts
Top