SkyscraperCity banner

5621 - 5640 of 5644 Posts

·
Registered
Joined
·
10,906 Posts
Nogueira propõe renovação de frota com AC e Wi-Fi.

Acredito que seja na frota Padron (60 carros, sendo 20 substituição aos atuais) para as 06 linhas estruturais (identificação azul): Circulares 1 e 2, Norte-Sul 1 e 2 e Leste-Oeste 1 e 2.

Rescisão acho difícil, possivelmente haja revisão até porque as empresas querem também, não consta AC e Wi-Fi em contrato. Retorno de cobradores esqueçam.
 

·
Registered
Joined
·
53 Posts
Nogueira propõe renovação de frota com AC e Wi-Fi.

Acredito que seja na frota Padron (60 carros, sendo 20 substituição aos atuais) para as 06 linhas estruturais (identificação azul): Circulares 1 e 2, Norte-Sul 1 e 2 e Leste-Oeste 1 e 2.

Rescisão acho difícil, possivelmente haja revisão até porque as empresas querem também, não consta AC e Wi-Fi em contrato. Retorno de cobradores esqueçam.
Mesmo desacreditando que Nogueira vai realmente fazer isso (nesses 4 anos pq só agora ele vem com essa ideia?) ainda é muito pouco q só este número de ônibus sejam trocados. E a volta dos cobradores seria retrocesso total...só Chiarelli mesmo pra ter uma ideia de "melhoria" como essa.
 

·
Registered
Joined
·
10,906 Posts
É, isso tudo é suposição minha. 60 carros é a frota que consta em contrato para o serviço estrutural (padron e/ou articulados) o que é muito pouco considerando que a frota total já passou a idade média dos 8 anos.

Para o sistema voltar a ser atrativo e corrigir a idade média da frota pra < de 5 anos, o mínimo esperável são 150 carros zero e com AC - e olhe lá.

Vamos esperar, aliás, cobrar.
 

·
Registered
Joined
·
53 Posts
Nogueira propõe renovação de frota com AC e Wi-Fi.

Acredito que seja na frota Padron (60 carros, sendo 20 substituição aos atuais) para as 06 linhas estruturais (identificação azul): Circulares 1 e 2, Norte-Sul 1 e 2 e Leste-Oeste 1 e 2.

Rescisão acho difícil, possivelmente haja revisão até porque as empresas querem também, não consta AC e Wi-Fi em contrato. Retorno de cobradores esqueçam.
@Andre_RP realmente os planos do Nogueira, caso seja eleito, é utilizar esses novos ônibus nas linhas que irão utilizar os corredores... vi hoje na entrevista que ele deu no jornal da EPTV, inclusive disse que irá revisar o contrato atual.

Duarte Nogueira diz que vai revisar contrato do transporte público caso seja reeleito em Ribeirão Preto
 

·
Caught in a mosh!
Joined
·
10,838 Posts
[...](nesses 4 anos pq só agora ele vem com essa ideia?) ainda é muito pouco q só este número de ônibus sejam trocados. [...]
Por conta dos prazos estabelecidos em contrato para a revisão do mesmo.

E centrar as trocas no Estrutural é um maior custo-benefício, visto que é aí que o transporte será centrado e as outras linhas, futuramente, devem sofrer seccionamentos para tronco-alimentar os corredores, portanto é aí que cada ônibus trocado afetará mais pessoas.

Pode parecer pouco, mas numa cidade onde ônibus com ar condicionado foi tabu nas empresas por longos 17 anos já é um avanço.

@Andre_RP realmente os planos do Nogueira, caso seja eleito, é utilizar esses novos ônibus nas linhas que irão utilizar os corredores... vi hoje na entrevista que ele deu no jornal da EPTV, inclusive disse que irá revisar o contrato atual.

Duarte Nogueira diz que vai revisar contrato do transporte público caso seja reeleito em Ribeirão Preto
Sim. O contrato atual não prevê esses tipos de melhorias, mas com a revisão isso pode ser inserido. É um caminho possível, que pode reformar a concessão atual para torná-la mais benéfica sem apelar para a incerteza jurídica da quebra de contrato. Veremos.
 

·
Registered
Joined
·
10,906 Posts
Avenida Independência recebe interdição em dois trechos
Bloqueios são realizados para a execução das obras do programa Ribeirão Mobilidade
Fotos: Divulgação


A avenida Independência recebeu a partir desta terça-feira, dia 1º de dezembro, interdições em dois trechos para a execução das obras do programa Ribeirão Mobilidade.

Uma das interdições ocorre para obras do corredor Norte/Sul, na avenida Independência entre a rotatória com a avenida Professor João Fiúsa e a avenida Anhanguera, sentido região Central.



Já o segundo bloqueio será para a construção do túnel na avenida Independência, entre a avenida Nove de Julho e a rua Bernardino de Campos. No entanto, o fechamento é realizado a partir da rua João Penteado, sentido região Central, ficando permitido apenas o acesso local para comerciantes e moradores desta região.



Rotas alternativas:
1) Para a interdição no cruzamento entre as avenidas Independência e Anhanguera, a Transerp orienta os condutores utilizarem a avenida Anhanguera como desvio, que está totalmente semaforizada e que funcionará como uma rotatória virtual.

2) Na interdição da avenida Independência com a rua João Penteado, a recomendação é que os condutores virem à direita na rua João Penteado, à esquerda na avenida Presidente Vargas até acessar a rua Olavo Bilac, depois virar à esquerda na rua Rui Barbosa.



A recomendação é de que os condutores utilizem as ruas paralelas, como Marechal Deodoro e Garibaldi, sentido região Central, e assim evitando trafegar neste trecho da avenida Independência.
Além disso, a Transerp orienta que os condutores reduzam a velocidade e pratiquem a direção defensiva a fim de que não se envolvam em acidentes, ficando os Agentes Civis de Trânsito nos principais cruzamentos a disposição para orientação do trânsito.

 

·
R.I.P Transerp
Ainda com esperanças
Joined
·
1,268 Posts
Se for pra colocar ônibus com ar condicionado, que sejam mesmo nas futuras estruturais ou mesmo nas Circulares já existentes.

Sobre a abertura da rotatória da Fiúsa com Independência, eu ainda não vejo como a solução definitiva... mas em tempos de retenção de gastos, a ideia da rotatória vazada pode ser útil no médio prazo.
 

·
R.I.P Transerp
Ainda com esperanças
Joined
·
1,268 Posts
A revitalização da Café trará um salto gigantesco para a região da Vila Tibério!

Bares e restaurantes precisam usar isso a seu favor e assim consolidar a avenida como um novo corredor gastronômico da cidade. Uma nova ciclovia que irá atrair muitos novos frequentadores, trabalhadores e estudantes; alem de parte do corredor Leste/Oeste 2 já estar pronto, aguardando as demais licitações para enfim poder cortar toda a cidade.

Porem precisam cuidar dos detalhes como os vários semáforos para pedestres ainda desligados, pedestres caminhando na ciclovia e os constantes flanelinhas que infernizam a vida dos motoristas que frequentam a avenida.
 

·
Registered
Joined
·
10,906 Posts
Ponte Pompeu de Camargo é entregue

883621


Com a entrega, a Transerp promoveu alterações no trânsito desta região. Os condutores que vêm da avenida Dr. Francisco Junqueira sentido rotatória Amin Calil e pretendem acessar a região do Terminal Rodoviário deverão seguir o seguinte trajeto:

a) virar à direita na rua Sergipe;
b) à esquerda na rua Monsenhor Siqueira, que teve neste trecho sua mão de direção invertida;
c) à esquerda na rua Pompeu de Camargo, passando sobre a nova ponte em direção à avenida Fabio Barreto;
d) em seguida virar à direita na avenida Jerônimo Gonçalves em direção ao Terminal Rodoviário

883622


Nos próximos dias, após readequação semafórica, a rua Castro Alves e a rua Alagoas passarão a ter sentido único de direção do bairro Vila Tibério para os Campos Elíseos, contribuindo para diminuir o trânsito na rotatória Amin Calil através da rua Rodrigues Alves.
 

·
Registered
Joined
·
10,906 Posts
Programa Ribeirão Mobilidade investe R$ 500 milhões em obras viárias
São mais de 30 intervenções planejadas para garantir mais acessibilidade, segurança no trânsito e qualidade de vida à população de Ribeirão Preto
Foto: Alexandre de Azevedo


A Prefeitura conta com cerca de 90% das obras do Programa Ribeirão Mobilidade licitadas e em processo de licitação. São mais de 30 intervenções viárias planejadas para garantir mais acessibilidade, segurança no trânsito e qualidade de vida à população de Ribeirão Preto.

O investimento total se aproxima de R$ 500 milhões, sendo R$ 310 milhões em recursos do Governo Federal e, o restante, do Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa) e outras agências de crédito.

Ao todo, serão implantados 11 corredores de ônibus em Ribeirão Preto, num total de 56 quilômetros percorrendo as principais avenidas do município, além de pontes, túneis e viadutos que irão proporcionar maior conforto a 4.154.118 usuários do transporte público.

Foto: Alexandre de Azevedo


CONCLUÍDO:

1. Obra: Implantação de corredor de ônibus e ciclovia na avenida do Café;

Data de início: novembro de 2019;
Beneficiados: 116.709 usuários do transporte coletivo urbano, além dos estudantes da USP e dos moradores da região de Ribeirão Preto, que vêm à cidade para se consultar no Hospital das Clínicas;
Valor estimado: R$ 18.185.496,77;
Valor licitado: R$ 14.865.789,59;
Economia: 18,25%
Empresa contratada: DGB Engenharia;

2. Obra: Duplicação da Avenida Antônia Mugnatto Marincek;
Data de início: retomada em dezembro de 2017;
Beneficiados: moradores do Ribeirão Verde;
Valor licitado: R$ 24.286.455,39;
Empresa contratada: Tecla Construções Ltda

3. Obra: Construção de 03 pontes entre as ruas José Bonifácio e Paraíba; Visconde de Inhaúma e Tamandaré, e entre as ruas Barão do Amazonas e Benjamin Constant;
Data de entrega: dezembro de 2018;
Beneficiados: moradores do Centro e dos Campos Elíseos;
Valor estimado: R$ 2.709.757,80;
Valor licitado: R$ 2.208.000,00;
Economia: 18,51%;
Empresa contratada: V Quattro Engenharia.

4. Obra: Duplicação e Prolongamento da Av. Prof.ª Dina Rizzi entre a rua José Antônio Pantoglio e rua Dr. Waldo Silveira;
Data de entrega: janeiro de 2020;
Beneficiados: moradores do Jardim Portinari e do Parque Flamboyant;
Valor estimado: R$ 2.268.143,22;
Valor licitado: R$ 1.583.939,10;
Economia: 30%;
Empresa: DGB Engenharia.



5. Obra: Recuperação de trecho da estrada do Piripau;
Data de entrega: março de 2020
Beneficiados: os moradores dos condomínios Mil Pássaros, Patrimonial Campestre, Piripau 1, Ouro Verde e Piripau 2, além de fazendas e sítios do entorno;
Valor estimado: R$ 515.051,56;
Valor licitado: R$ 514.057,71;
Economia: 0,19%;
Empresa: Bertolini Engenharia Ltda.

6. Obra: Adequação viária na rotatória das avenidas Nove de Julho, Portugal e Antônio Diederichsen, além da adequação viária no cruzamento das avenidas Presidente Vargas, Antônio Diederichsen e Itatiaia;
Data de entrega: maio de 2020;
Beneficiados: 460 mil usuários do transporte coletivo urbano e cerca de 5,5 mil veículos;
Valor estimado: R$ 6.776.745,28;
Valor licitado: R$ 5.828.355,27;
Economia: 13,99%;
Empresa contratada: DGB Engenharia.

7. Obra: Ampliação de 1,3 km da avenida Coronel Fernando Ferreira Leite e de implantação do projeto de canalização do Córrego Califórnia;
Data de entrega: junho de 2020;
Beneficiados: moradores do Parque Ribeirão Preto, Jardim Califórnia, Jardim Flórida, Vila Ana Maria, Alto da Boa Vista, Jardim Irajá e Jardim Botânico;
Valor estimado: R$ 22.012.764,87;
Valor licitado: R$ 13.230.249,72;
Economia: 40%;
Empresa contratada: Construtora Said.

8. Obra: Construção de ponte sobre o córrego Ribeirão Preto entre a Av. Fabio Barreto com a Rua Pompeu de Camargo;
Data de início: janeiro de 2020;
Beneficiados: moradores dos Campos Elíseos, Centro e Vila Tibério;
Valor estimado: R$ 3.698.104,31;
Valor licitado: R$ 2.988.044,64;
Economia: 19,20%;
Empresa contratada: Hejos Construções Civis;
Prazo de execução: oito meses.

Foto: Alexandre de Azevedo


EM EXECUÇÃO

9. Obra: Viaduto na avenida Maria de Jesus Condeixa sobre o córrego Retiro Saudoso;

Data de início: setembro de 2019;
Beneficiados: moradores do Parque Bandeirantes, Castelo Branco I e II, Jardim Macedo, Jardim Iguatemi, Vila Seixas, Jardim São Luís e Jardim América;
Valor estimado: R$ 20.180.431,35;
Valor licitado: R$ 15.285.365,82;
Economia: 24,25%;
Empresa contratada: Hejos Construções Civis;
Prazo de execução: 18 meses.

10. Obra: Viaduto na avenida Brasil, sobre a avenida Mogiana;
Data de início: novembro de 2019;
Beneficiados: Ribeirão Verde, Jd. Aeroporto, Avelino Palma, Adelino Simioni, Heitor Rigon, Distrito Empresarial, Quintino Facci I e II, Tanquinho, Vila Elisa e Vila Brasil;
Valor estimado: R$ 24.848.629,88;
Valor licitado: R$ 19.870.000,00;
Economia: 20%;
Empresa contratada: Contersolo;
Prazo de execução: 14 meses.

11. Obra: Viaduto na avenida Brasil sobre a Thomaz Alberto Whately: instalação do canteiro de obras;
Data de início: abril de 2020;
Beneficiados: entre 15 a 18 mil passageiros do transporte público;
Valor estimado: R$ 17.303.723,67;
Valor licitado: R$ 13.284.955,62;
Economia: 23%
Empresa contratada: Contersolo;
Prazo de execução: 14 meses.

12. Obra: Corredor de ônibus das avenidas D. Pedro I e Saudade;
Data de início: janeiro de 2020;
Beneficiados: cerca de 2,5 milhões de usuários do transporte coletivo;
Valor estimado: R$ 45.836.650,35;
Valor licitado: R$ 39.740.679,60;
Economia: 13,29%;
Empresa contratada: Coesa Engenharia;
Prazo de execução: 12 meses.

13. Obra: Duplicação da avenida Adelmo Perdizza e implantação de ciclovia no trajeto;
Data de início: agosto de 2020;
Beneficiados: Nova Aliança, Jardim João Rossi, Vila Ana Maria, Jardim Califórnia, Alto da Boa Vista, Jardim Nova Aliança Sul, Jardim Progresso, Jardim Marchesi, Vila Guiomar, Jardim Sumaré, Jd. República;
Valor estimado: R$ 10.914.747,79;
Valor licitado: R$ 6.461.758,97;
Economia: 40,79%
Empresa contratada: DGB Engenharia;
Prazo de execução: 10 meses.

Foto: Alexandre de Azevedo


14. Obra: Implantação de túnel para interligar avenidas Independência e Presidente Vargas;
Data de início:
Beneficiados: entre 7 e 9 mil usuários do transporte coletivo urbano;
Valor estimado: R$ 25.706.975,99;
Valor licitado: R$ 19.882.700,02;
Economia: 22,65%
Empresa contratada: Contersolo;
Prazo de execução: 18 meses.

15. Obra: Corredor de ônibus Norte-Sul - trechos 2 e 3 (avenidas Mogiana, Paschoal Innechi, Meira Jr. e Independência);
Data de início: agosto de 2020;
Beneficiados: entre 15 mil e 18 mil usuários do transporte público;
Valor estimado: R$ 50.752.652,86;
Valor licitado: R$ 36.376.686,65;
Economia: 28,32%;
Empresa contratada: DGB Engenharia;
Prazo de execução: 18 meses.

16. Obra: Corredor de ônibus Norte-Sul - trechos 1 (avenidas Recife, Thomaz A Wathely e Brasil);
Data de início: janeiro de 2021;
Beneficiados: entre 15 mil e 18 mil usuários do transporte público;
Valor estimado: R$ 29.452.918,16;
Valor licitado: R$ 23.997.875,14;
Economia: 19%;
Empresa contratada: JZ Engenharia;
Prazo de execução: 12 meses.

17. Obra: Corredor de ônibus Presidente Vargas;
Data de início: fevereiro de 2021;
Beneficiados: entre 15 mil e 18 mil usuários do transporte público;
Valor estimado: R$ 18.990.396,30;
Valor licitado: R$ 13.629.726,73;
Economia: 29%;
Empresa contratada: JZ Engenharia;
Prazo de execução: 12 meses.

18. Obra: Passarela Jerônimo Gonçalves
Data de início: fevereiro de 2021;
Beneficiados: entre 5 mil e 8 mil usuários do transporte público;
Valor estimado: R$ 562.790,21;
Valor licitado: R$ 386.280,52;
Economia: 31%;
Empresa contratada: Grifo Engenharia;
Prazo de execução: 04 meses.

Foto: Fernando Gonzaga


A SER LICITADO

19. Obra: Av Nove de Julho

Data de início:
Beneficiados: entre 10 mil e 15 mil usuários do transporte público;
Valor estimado: R$ 21.129.473,04;
Valor licitado:
Economia:
Empresa contratada:
Prazo de execução: 12 meses.

20. Obra: Corredor de ônibus Norte-Sul – trechos 4 (Av Independência, Ligia Latuf Salomão e Bras Olai Acosta)
Data de início:
Beneficiados: entre 10 mil e 15 mil usuários do transporte público;
Valor estimado: R$ 18.500.346,92;
Valor licitado: R$
Economia:
Empresa contratada:
Prazo de execução: 12 meses.

21. Obra: Corredor de ônibus Central (R: Florêncio de Abreu, Lafaiete, Barão do Amazonas, Visconde de Inhauma)
Data de início:
Beneficiados: entre 10 mil e 15 mil usuários do transporte público;
Valor estimado: R$ 16.440.204,40;
Valor licitado: R$
Economia:
Empresa contratada:
Prazo de execução: 12 meses

22. Obra: Corredor de ônibus Leste/Oeste (Av Pres Kennedy, Costabile Romano e Nove de Julho)
Data de início:
Beneficiados: entre 10 mil e 15 mil usuários do transporte público;
Valor estimado: R$ 24.229.910,50;
Valor licitado: R$
Economia:
Empresa contratada:
Prazo de execução: 12 meses.

23. Obra: Corredor de ônibus Leste/Oeste (Av Castelo Branco, Treze de Maio, Cap Salomão e Rua Goias)
Data de início:
Beneficiados: entre 10 mil e 15 mil usuários do transporte público;
Valor estimado: R$ 19.778.209,79;
Valor licitado: R$
Economia:
Empresa contratada:
Prazo de execução: 12 meses

Foto: Alexandre de Azevedo


OBRAS EM ELABORAÇÃO DE PROJETOS

24. Obra: Construção de Ponte sobre o Córrego Ribeirão Preto, ligando a Rua Antônio Milena a Via Norte.

25. Obra: Construção de Ponte sobre o Córrego Ribeirão Preto, ligando a Rua D Pedro II, Via Norte e Rua São Francisco.

26. Obra: Construção de Ponte sobre o Córrego Ribeirão Preto, ligando a Av Rio Pardo a Via Norte.

27. Obra: Construção de Ponte sobre o Córrego Retiro Saudoso, ligando a Av Pres Kennedy a Av Alzira Couto Machado.

28. Obra: Construção de 02 Pontes sobre o Córrego Retiro Saudoso, adequação viária nas intersecções da Av Maurílio Biagi com a Av Leão XIII e R Domingos Canesin, R Olderige Margarido.

29. Obra: Construção de Pontilhão sobre a linha férrea da Fepasa na Rua Campinas.
 

·
R.I.P Transerp
Ainda com esperanças
Joined
·
1,268 Posts
⏫ ⏫ ⏫
Fica até difícil comentar todas as obras. A muitos anos que não tínhamos tantas em execução ao mesmo tempo!

Os corredores trarão uma nova cara para as principais avenidas e espero que a licitação de todos ainda saia neste ano. Outras obras "menores" como a ponte ligando a rua Dom Pedro II com a São Francisco também precisam sair do papel e assim garantir uma completa modernização no sistema viário de Ribeirão Preto.
 

·
Registered
Joined
·
10,906 Posts
Lembrando o que está previsto para janeiro (acredito que a obra comece pela Brasil para concluir junto aos viadutos):

16. Obra: Corredor de ônibus Norte-Sul - trechos 1 (avenidas Recife, Thomaz A Wathely e Brasil);
Data de início: janeiro de 2021;
Beneficiados: entre 15 mil e 18 mil usuários do transporte público;
Valor estimado: R$ 29.452.918,16;
Valor licitado: R$ 23.997.875,14;
Economia: 19%;
Empresa contratada: JZ Engenharia;
Prazo de execução: 12 meses.
 

·
Registered
Joined
·
53 Posts
Hoje no terminal Rib shopping, fiquei por volta de uns 50 min, e TODOS os circulares 1 e 2 , eram ônibus convencionais.
Alguém sabe dizer se a TRANSERP já voltou do recesso? Existem fiscais?
 

·
R.I.P Transerp
Ainda com esperanças
Joined
·
1,268 Posts
Hoje no terminal Rib shopping, fiquei por volta de uns 50 min, e TODOS os circulares 1 e 2 , eram ônibus convencionais.
Alguém sabe dizer se a TRANSERP já voltou do recesso? Existem fiscais?
Recesso? As circulares estão rodando com Convencionais desde abril de 2020! A justificativa: o Coronga.
Estão tocando o dane-se desde então e ainda rodando com frota reduzida. Infelizmente a fiscalização nada faz contra isso.
 

·
Registered
Joined
·
53 Posts
Recesso? As circulares estão rodando com Convencionais desde abril de 2020! A justificativa: o Coronga.
Estão tocando o dane-se desde então e ainda rodando com frota reduzida. Infelizmente a fiscalização nada faz contra isso.
Inacreditáel @Netto 81 ! Desde quando retornei pra RP (em Março) não tinha andado de bus.
Que desculpinha mais esfarrapada essa! Pelo contrário, ônibus maiores deveriam ser utilizados pra evitar aglomerações, e o pior disso tudo é que a prefeitura concorda com tudo...daqui a pouco colocam micro onibus pras linhas convencionais.
 
5621 - 5640 of 5644 Posts
Top