SkyscraperCity banner

107901 - 107920 of 108226 Posts

·
to gulag!
Joined
·
20,691 Posts
Cara, para de acompanhar de sites secundarios.

Acompanha daqui:


de nada
Na real eu acompanho pelo app do iphone [stocks] é bem tempo real ele.
Espero que continue assim quero comprar umas ações que estão caindo de novo :ROFLMAO:
 

·
Registered
Joined
·
1,189 Posts
A renda básica na verdade é por causa da questão do desemprego nas décadas seguintes, a produção de riqueza no caso continuaria por robôs e inteligência artificial, simplismente não vai existir demanda e necessidade de 9~11 bilhões de pessoas estarem em um posto de trabalho produzindo algo, isso já acontece hoje mesmo com poucas pessoas com acesso a educação no mundo, imagina então se os 7 bilhões de habitantes do mundo fossem qualificados, não tem espaço pro pessoal.
 

·
to gulag!
Joined
·
20,691 Posts
A renda básica na verdade é por causa da questão do desemprego nas décadas seguintes, a produção de riqueza no caso continuaria por robôs e inteligência artificial, simplismente não vai existir demanda e necessidade de 9~11 bilhões de pessoas estarem em um posto de trabalho produzindo algo, isso já acontece hoje mesmo com poucas pessoas com acesso a educação no mundo, imagina então se os 7 bilhões de habitantes do mundo fossem qualificados, não tem espaço pro pessoal.
Isso é a teoria de que a automação vai acabar com todos os empregos... o que de certa forma tem sentido uma sociedade mais automatizada não necessita tanto de trabalhadores braçais.
Ai fica aquela questão de "mas nego não vai querer trabalhar" ... e já querem? "mas ai não vai ter mais pedreiro!" ai entra na questão de que pedreiro seria um dos trabalhos cortados (já existe até projetos avançados de casas... impresas... e modulares...) esses tipos de serviços hoje 'de baixo' vão se tornando dispensaveis ou muito especializados assim como é na europa.
É... algo... complicado. Tem tambem a questão de 'justiça', é justo taxar todos para garantir uma renda basica universal para todos? Os mais produtivos vão pagar pelos que não produzem... isso vai fazer eles pararem de produzir tambem? Então, tem muitas questõs eticas e morais ai a se debater.
Tambem tem a questão de termos trocentos assistencialismos diferentes, as vezes é melhor uma renda basica do que trocentos negocios de cursos bolsa familia vale isso vale aquilo... fora as distorções que isso causa alguem recebendo 30mil de bolsa para estudar pablo vittar enqunaot o miseravel só recebe 300 reais ao mes...
Esse debate de renda universal é um treco tão grande e com tantas questões que daria um thread proprio.
 

·
Registered
Joined
·
20,739 Posts
A renda básica na verdade é por causa da questão do desemprego nas décadas seguintes, a produção de riqueza no caso continuaria por robôs e inteligência artificial, simplismente não vai existir demanda e necessidade de 9~11 bilhões de pessoas estarem em um posto de trabalho produzindo algo, isso já acontece hoje mesmo com poucas pessoas com acesso a educação no mundo, imagina então se os 7 bilhões de habitantes do mundo fossem qualificados, não tem espaço pro pessoal.
Essa história eu ouvi quando estudava na Unicamp, dos mesmos professores que deram aula pra Dilma e Mantega 😅

Primeiro, o mundo não passa de 9 bilhões de pessoas. Nessa mesma linha, o Brasil não chega em 250 milhões de habitantes. Demoramos 10 anos pra passar de 205 a 210 milhões de habitantes, ninguém quer ter filho. Em 2100 o Brasil terá menos habitantes que hoje.

Por mais que a tecnologia avance, vai ter emprego pra todo mundo. A fábrica será automatizada mas precisa do mecânico pra consertar as máquinas. A Linha 4 do Metrô SP não tem maquinista nem bilheteiro, mas tem um CCO enorme e vigilantes aos montes. A aula é por EaD mas alguém precisa gravar o vídeo.

Essa mesma ideia de mais empregos do que gente existe desde o Smith, passou pela Revolução Industrial, foi o que motivou Marx a criar o socialismo, mas nunca aconteceu. E nunca acontecerá.
 

·
Registered
Joined
·
20,598 Posts

Já venho sendo repetivo há um bom tempo, a quebra de braço vai continuar entre 2 fatores:

- 1. O quanto a falta de dinheiro ou desabastecimento vai fustigar as pessoas.

x

- 2. O quanto a imprensa ainda vai conseguir botar medo nas pessoas.



Tem forista que fala de guerra e tal, mas pergunta na Itália quantas pessoas que estão em casa viram com os próprios olhos alguém morrendo ou sufocando por COVID19? 10 mil mortos ou internados graves num universo de 60 milhões de pessoas.

É diferente de um bombardeiro na sua cidade, não é? Faça a mesma pergunta na Síria.

- Sem a imprensa a noção de seriedade é zero, salvo até o momento que centenas de milhares comecem a morrer AO MESMO TEMPO (pois os 500 mil mortos do H1N1 em 2009 também nem foram percebidos).


Por isso acho melhor retardar o momento de cantar vitória contra a histeria para depois de analisar o impacto que a imprensa ainda vai conseguir causar quando o número de mortos diários passar da centena por dia.
 

·
Registered
Joined
·
1,189 Posts
Essa questão da automação e troca de atividades fazendo surgir nova demanda de trabalhos e consequentemente novos empregos invalidando a questão do desemprego definitivo eu estou ciente e li todas as vezes em que essa discussão apareceu aqui, mas o que eu estou dizendo é que mesmo assim não há necessidade de todas as pessoas estarem empregadas e percebam que mesmo surgindo novas demandas de trabalho pela substituição de atividades mesmo essa nova demanda vai ser sempre menor do que a quantidade de pessoas na atividade anterior e quando a atividade que surgiu for substituída por uma nova a demanda é menor ainda porque quanto mais avançada e tecnológica ficar a atividade a necessidade de alguém amparar o funcionamento dela só diminui

Exemplo: 10.000 pessoas cortando cana com a mão em um estado, depois surgi as colheitadeiras e 20 colheitadeiras fazem o trabalho das 10.000, surge então a atividade de fabricação e manutenção mecânica de colheitadeiras, ainda que as 10.000 pessoas se especializem, precisa de 10.000 pra produzir e cuidar de 20 delas? E depois surgi uma engenharia genética desenvolvida por uma única pessoa que faz o pé de cana produzir cana líquida direto que escorre por um tubo (exemplo irreal e tosco mas só pra expor meu ponto) isso serial então o ápice da plenitude do trabalho de cortar cana de açúcar não necessitando então de nem 0,1% da força de trabalho original mesmo que surjam n profissões diferentes no processo.

O avanço das técnicas de uma profissão afunila exponencialmente a força de trabalho envolvida nela e as medidas que as profissões encontrarem o santo grau máximo de serem executadas não se precisará de ninguém.

Daqui a 300~500 anos acho que nem vai existir capitalismo, salário e trabalho, as pessoas só vão aproveitar a vida de graça embaladas pela tecnologia e criações sem precedentes da humanidade.
 

·
Meio Desligado
Joined
·
555 Posts
As pessoas ainda estão avaliando com o cenário anterior ao pico que só deve acontecer no meio de abril. Estão ignorando o pânico que se criará repentinamente, principalmente em São Paulo. Durante o pico a população adotará um lockdown compulsório e os políticos que ainda não entenderam isso serão ostracizados definitivamente.

Os efeitos pra economia serão a parada quase total da produção, junto com uma queda no consumo mundial. Empresas pequenas quebrarão imediatamente, empresas maiores terão prejuízos dramáticos. A insolvência vai se espalhar por todos os estratos sociais. Uma nova massa de miseráveis se juntará às favelas e ruas.

Se não houver um plano centralizado para normalizar a produção e conter a inadimplência, a economia desabará nos fazendo voltar a níveis de pobreza de algumas décadas.

O mercado não pode realizar esse plano de ação no estado de pânico e caos.
 

·
Registered
Joined
·
4,657 Posts
O Brasil colocou dinheiro desses 5 tri que o G20 vai usar? Somos parte do G20, não?
 

·
to gulag!
Joined
·
20,691 Posts
Daqui a 300~500 anos acho que nem vai existir capitalismo, salário e trabalho, as pessoas só vão aproveitar a vida de graça embaladas pela tecnologia e criações sem precedentes da humanidade.
Essa parte eu acho bem impossivel, sempre iremos procurar novas fronteiras, sempre iremos criar novos produtos, sempre terão aqueles que querem mais que os outros, sempre terão disputas de poder.
 

·
Registered
Joined
·
5,359 Posts
Witzel: Se o governo federal não der ajuda financeira até segunda, será muito difícil seguir com medidas protetivas
Estádio do Maracanã será transformado em hospital de campanha; outros três serão construídos na Barra da Tijuca, em São Gonçalo e em Nova Iguaçu


RIO - O governador do Rio, Wilson Witzel, disse, nesta quinta-feira, que não conseguirá manter as medidas protetivas no estado para conter o coronavírus caso o governo federal não dê recursos e citou "caos financeiro" ao se referir a esse quadro. De acordo com ele, em entrevista dada ao "Bom Dia Rio", o prazo final que imagina para esse socorro é a próxima segunda-feira. Segundo Witzel, após essa data limite, "a responsabilidade passa a ser deles (governo federal)" :p. Bolsonaro tem dado seguidas declarações questionando a quarentena determinada por governadores contra a propagação da doença em razão dos impactos negativos na economia.

- Nós estamos fazendo a nossa parte. Mas volto a dizer: se o governo federal até segunda-feira não apresentar algo que dê esperança para que as pessoas possam saber que não vão morrer de fome e não vão ter um cataclisma nas suas vidas, vai ser muito difícil continuar com essas medidas protetivas - afirmou o governador.

Ele frisou que a situação de alguns estados, incluindo o Rio, já era ruim antes da crise. Witzel disse que o cenário fluminense é "tão delicado quanto a de empresários que estão passando por essa crise":

- Quem tem que irrigar a economia é o governo federal, que tem condições para isso. Se (a União) não se mexer, vamos entrar em caos financeiro. Não podemos manter a economia parada se o governo federal não se mexer.

Witzel afirmou ainda que precisa de uma sinalização do ministro da Economia, Paulo Guedes, da injeção de R$ 500 bilhões na economia:

- Não podemos pedir para autônomos e pequenos empresários ficarem paralisados se não houver uma sinalização imediata do ministro Paulo Guedes de que ele vai colocar pelo menos R$ 500 bilhões na economia, que é a cifra que nós mais ou menos imaginamos que deve ser colocada na economia - alertou.

A Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia reagiu ao anúncio e reiterou a necessidade da manutenção das medidas de contenção por ora adotadas. Segundo a entidade, o afrouxamento de qualquer uma dessas medidas levará ao aumento da incidência dos casos do coronavírus e à elevação do número de mortes.

 

·
Registered
Joined
·
18,929 Posts
Governador de estado falido quis fazer gracinha e pirotecnia para conseguir vantagem política?

GF não tinha que liberar 1 centavo para essa corja.

Começou:

Diante da crise do coronavírus, Usaflex anuncia a demissão de 500 funcionários

Dois Irmãos – Na sexta-feira, 20, a Usaflex anunciou oficialmente o corte de 15% da mão de obra da empresa, o que significa a demissão de 500 colaboradores. Apenas na unidade de Dois Irmãos, conforme já havia sido divulgado, foram 180 desligamentos. A Usaflex, que tem sede em Igrejinha, focou a maior parte das demissões no setor de produção. Isso representa corte de 25% da produção diária da empresa, que agora passará a ser de 18 mil pares de calçados/dia.
 

·
Registered
Joined
·
20,267 Posts
Pronto, conforme o jornal Hoje pra resolver a questão econômica basta que o Bolsonaro libere o dinheiro, simples assim. É tudo uma questão de mera vontade e Bolsonaro não faz por que deve ser gente ruim. E segundo o mesmo jornal isso é unânime entre absolutamente todos os economistas.
De onde virá o dinheiro que Bolsonaro deve distribuir? Deus proverá.... ou o socialismo...
 

·
Registered
Joined
·
20,267 Posts
(...)
Daqui a 300~500 anos acho que nem vai existir capitalismo, salário e trabalho, as pessoas só vão aproveitar a vida de graça embaladas pela tecnologia e criações sem precedentes da humanidade.
Dica, jogue fora o seu macacão de Star Trek e volte a realidade...
 

·
Registered
Joined
·
4,657 Posts
É um bandido esse cara
Witzel: Se o governo federal não der ajuda financeira até segunda, será muito difícil seguir com medidas protetivas
Estádio do Maracanã será transformado em hospital de campanha; outros três serão construídos na Barra da Tijuca, em São Gonçalo e em Nova Iguaçu


RIO - O governador do Rio, Wilson Witzel, disse, nesta quinta-feira, que não conseguirá manter as medidas protetivas no estado para conter o coronavírus caso o governo federal não dê recursos e citou "caos financeiro" ao se referir a esse quadro. De acordo com ele, em entrevista dada ao "Bom Dia Rio", o prazo final que imagina para esse socorro é a próxima segunda-feira. Segundo Witzel, após essa data limite, "a responsabilidade passa a ser deles (governo federal)" :p. Bolsonaro tem dado seguidas declarações questionando a quarentena determinada por governadores contra a propagação da doença em razão dos impactos negativos na economia.

- Nós estamos fazendo a nossa parte. Mas volto a dizer: se o governo federal até segunda-feira não apresentar algo que dê esperança para que as pessoas possam saber que não vão morrer de fome e não vão ter um cataclisma nas suas vidas, vai ser muito difícil continuar com essas medidas protetivas - afirmou o governador.

Ele frisou que a situação de alguns estados, incluindo o Rio, já era ruim antes da crise. Witzel disse que o cenário fluminense é "tão delicado quanto a de empresários que estão passando por essa crise":

- Quem tem que irrigar a economia é o governo federal, que tem condições para isso. Se (a União) não se mexer, vamos entrar em caos financeiro. Não podemos manter a economia parada se o governo federal não se mexer.

Witzel afirmou ainda que precisa de uma sinalização do ministro da Economia, Paulo Guedes, da injeção de R$ 500 bilhões na economia:

- Não podemos pedir para autônomos e pequenos empresários ficarem paralisados se não houver uma sinalização imediata do ministro Paulo Guedes de que ele vai colocar pelo menos R$ 500 bilhões na economia, que é a cifra que nós mais ou menos imaginamos que deve ser colocada na economia - alertou.

A Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia reagiu ao anúncio e reiterou a necessidade da manutenção das medidas de contenção por ora adotadas. Segundo a entidade, o afrouxamento de qualquer uma dessas medidas levará ao aumento da incidência dos casos do coronavírus e à elevação do número de mortes.

.

Esse cara é totalmente mal intencionado.
 

·
Registered
Joined
·
20,267 Posts
Essa parte eu acho bem impossivel, sempre iremos procurar novas fronteiras, sempre iremos criar novos produtos, sempre terão aqueles que querem mais que os outros, sempre terão disputas de poder.
A questão é que a riqueza não surge dos objetos em si e sim da troca de produtos. Uma pepita de ouro não é riqueza, é só uma pedra. A riqueza surge quando alguém quer ter a pedra e troca ela por duas vacas. É a troca, o comércio que gera riqueza. Robôs não querem nada e não negociam nada.
 

·
Registered
Joined
·
719 Posts
pois é, pois é... a realidade vai batendo à porta.

no caso de pensão o cidadão ou para com isolamento e vai dar um jeito de trabalhar pra pagar, ou logo um juiz (que tem o salarião e todos os benefícios garantidos) bota ele na "quarentena" pra devedor de pensão.

Pra quem já estava preso por dever pensão, a justiça de varios estados determinou que agora cumpram prisão domiciliar.

se ficar isolado e não pagar, vai preso, em casa mesmo...
mas dai quando acabar isso, continua preso até pagar a pensão. é uma cilada hahaha

não tem saída, nego não tem como ficar em isolamento agora, tem que arrumar os trocos pra pagar a pensão.
 

·
Registered
Joined
·
1,189 Posts
A questão é que a riqueza não surge dos objetos em si e sim da troca de produtos. Uma pepita de ouro não é riqueza, é só uma pedra. A riqueza surge quando alguém quer ter a pedra e troca ela por duas vacas. É a troca, o comércio que gera riqueza. Robôs não querem nada e não negociam nada.
A questão é, dependendo do grau de evolução da humanidade porque precisaria do conceito de riqueza? Riqueza pra que? As pessoas não trabalham só por causa da riqueza, trabalham porque a civilização precisa já que as coisas não se fazem sozinhas, angariar riqueza pro indivíduo é o incentivo pra isso.

Mantenho meu achismo acerca do meu mundo distópico, duvido muito que daqui a séculos as pessoas vão se levantar cedo pra sacar salário da conta no fim do mês.
 
107901 - 107920 of 108226 Posts
Top