Skyscraper City Forum banner
1 - 1 of 1 Posts

·
Expansão São Paulo
Joined
·
636 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Desde 1995, o Governo do Estado de São Paulo, em parceria com União e a iniciativa privada, investiu mais de R$ 562 milhões em melhorias na Hidrovia Tietê-Paraná. Tal monta de recursos garantiu o crescimento do movimento de cargas, em toneladas, em cerca de 80%. Se for considerada a tonelada por quilômetro útil (TKU), esse volume salta para 160% devido ao aumento das distâncias médias percorridas.

'Só em 2004 houve um crescimento de 9,12% no volume de cargas transportadas, o que representa 3,1 milhões de toneladas de produtos a mais na hidrovia', explica o diretor do Departamento Hidroviário da Secretaria de Estado dos Transportes, Oswaldo Rosseto. A expectativa para 2005 é de que esse número seja superado e chegue a 10%.

Atualmente a cana-de-açúcar, a soja e o farelo são os produtos mais transportados pela Hidrovia Tietê-Paraná. Em 2004 foram escoadas cerca de 800 mil toneladas de cana, 690 mil toneladas de soja e 650 mil toneladas de farelo. O Departamento Hidroviário está revisando os métodos estatísticos utilizados para fazer a contagem das cargas, incluindo novas rotas e mercadorias que até então não eram registradas, como areia, cascalho e pedra.

O Governo paulista continua estimulando o processo de aumento da diversidade de cargas na Hidrovia. Em março deste ano, a Secretaria dos Transportes assinou um protocolo de intenções com duas empresas
subsidiárias da Petrobras - a Transpetro e a BR Distribuidora - com o objetivo de realizar estudos de viabilidade para o transporte de álcool e derivados de petróleo. O levantamento já foi iniciado e a previsão é de que os estudos sejam concluídos no primeiro semestre de 2006.

Os principais investimentos na Hidrovia Tietê-Paraná foram direcionados para o programa de eliminações de restrições operacionais. Nos últimos anos o DH realizou diversas obras para ampliar vãos de pontes, proteger pilares e aprofundar canais. Com esses trabalhos os usuários, além de ganharem mais capacidade de transporte, conseguem escoar suas mercadorias com mais segurança.

Neste ano, o DH pretende dar continuidade ao programa e incentivar os transportadores de carga a investirem nas suas embarcações. A previsão é de que até o final de 2006 a hidrovia receba mais R$ 15 milhões em melhorias.
 
1 - 1 of 1 Posts
Top