Skyscraper City Forum banner
1 - 20 of 41 Posts

·
Banned
Joined
·
27 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Levantamento do Ministério do Turismo de 2016 (o último feito). Um detalhe importante, a pesquisa é em referência apenas ao turismo internacional, ou seja, se refere apenas aos destinos mais procurados pelos gringos, não leva em conta o turismo nacional. E além de internacional, só considera o turismo por lazer, ou seja, ignora o turismo por negócios, eventos ou convenções. Mas enfim, já sabendo dessas demarcações (turismo internacional e lazer), segue a lista:

1º Rio de Janeiro - RJ
2º Florianópolis - SC
3º Foz do Iguaçu - PR
4º São Paulo - SP
5º Armação dos Búzios - RJ
6º Bombinhas - SC
7º Salvador - BA
8º Balneário Camboriú - SC
9º Angra dos Reis - RJ
10º Parati - RJ

Uma observação interessante é que apenas as três primeiras apresentam números relevantes, o resto não é lá muita coisa. Agora, quando se fala em turismo (internacional) por negócios, eventos, convenções, festivais, congressos... Aí a lista fica:

1º São Paulo - SP
2º Rio de Janeiro - RJ

(as outras cidades apresentam números irrelevantes frente a essas duas)

Enfim, é isso; Fonte: http://www.dadosefatos.turismo.gov.br/2016-02-04-11-54-03/demanda-turística-internacional.html
 

·
Registered
Joined
·
506 Posts
Argentino também é turista internacional, e não engloba 80%, mas 32%, segundo dados de 2015..

Em seguida vem os turistas dos EUA com 9%, Chile com 5%, Paraguai com 4,7% e Uruguai com 4,2%. Somente depois desses que começam a aparecer os primeiros europeus...

Ou seja, turista europeu tem mt menos relevância no turismo brasileiro do que se pensa, e por mais q ache q "vem mt português pra Natal", por exemplo, cabe pensar se eles vêm aos milhões, como é o caso dos argentinos.

Infelizmente a imagem do nordeste brasileiro está muito atrelada, na Europa, a um destino de sol e praia principalmente, com outros tipos de turismo atrelados ao motivo principal (cultura, gastronomia, etc)... Salvador é a única exceção no nordeste por ser um destino turístico que efetivamente se desvencilhou da imagem principal de sol e praia no exterior, já que tem uma imagem histórica e cultural muito forte. "Maior cidade africana fora da África", imenso acervo barroco, antiga capital do país, cantada e escrita por escritores mundialmente famosos, como Jorge Amado. Recife tem uma imagem cultural muito forte tb, mas mais delimitado no Brasil.

Querendo ou não, há diversos destinos que oferecem a mesma coisa e com proximidade muito maior para os europeus... Grande parte dos destinos de sol e praia pra europeu se encontra dentro da própria Europa e arredores do mar Mediterrâneo... Caso queiram "paraísos tropicais", há mais de uma dezena de países do Caribe está mais perto, além do México. Caso queiram um paraíso tropical mais exótico em relação à cultura deles, tem os países do leste asiático.

A Espanha recebe seus mais de 60 milhões de turistas ao ano graças à grande proximidade com os principais destinos emissores, facilidade de deslocamento entre eles, pouca burocracia de entrada com a UE, que vão em peso para suas praias, tanto do Mediterrâneo quanto às ilhas no Atlântico.
O México recebe mais de 30 milhões de gringos por ano (grande parte jovens americanos à procura de férias baratas), é um país com mais de 100 milhões de pessoas e tem uma indústria turística apenas um pouco maior que a nossa, em faturamento ao ano.
 

·
Rawr
Joined
·
18,315 Posts
Não imaginava que SC seria tão presente na lista. Deve ser pela proximidade com argentina, paraguai, uruguai, né?

Outra surpresa foi Paraty. Nem carioca fala muito de ir pra lá. Eu até vi alguns franceses quando fui mas não achei que ficaria no top 10 do Brasil. Mas é merecido, porque a cidade é um espetáculo.

Eu acho que nas proximas listas Gramado deve entrar. Eu acho a cidade maravilhosa, praticamente a unica do Brasil que tem atrações decentes de Natal e tem recebido cada vez mais investimentos na área. Torço pra essa cidade bombar.
 

·
Registered
Joined
·
118,634 Posts
Infelizmente a imagem do nordeste brasileiro está muito atrelada, na Europa, a um destino de sol e praia principalmente, com outros tipos de turismo atrelados ao motivo principal (cultura, gastronomia, etc)... Salvador é a única exceção no nordeste por ser um destino turístico que efetivamente se desvencilhou da imagem principal de sol e praia no exterior, já que tem uma imagem histórica e cultural muito forte. "Maior cidade africana fora da África", imenso acervo barroco, antiga capital do país, cantada e escrita por escritores mundialmente famosos, como Jorge Amado. Recife tem uma imagem cultural muito forte tb, mas mais delimitado no Brasil.
^^

Salvador já diz muito, por tudo que representa, mas boa parte dos turistas tbm deslocam pra Morro de São Paulo, Boipeba, Imbassaí, Praia do Forte, localidades nos arredores da capital(nestes casos acredito que os argentinos tenham um peso relevante.)
 

·
Registered
Joined
·
1,392 Posts
Não imaginava que SC seria tão presente na lista. Deve ser pela proximidade com argentina, paraguai, uruguai, né?

Outra surpresa foi Paraty. Nem carioca fala muito de ir pra lá. Eu até vi alguns franceses quando fui mas não achei que ficaria no top 10 do Brasil. Mas é merecido, porque a cidade é um espetáculo.

Eu acho que nas proximas listas Gramado deve entrar. Eu acho a cidade maravilhosa, praticamente a unica do Brasil que tem atrações decentes de Natal e tem recebido cada vez mais investimentos na área. Torço pra essa cidade bombar.


Essa parte de SC no verão tem tanto argentino e uruguaio que nem parece Brasil kkkk
 

·
Registered
Joined
·
506 Posts
Brasil está entre as 10 maiores economias do turismo no planeta, conforme figura abaixo, grande parte por conta de seu razoavelmente desenvolvido turismo doméstico.
E isso poderia ser bem maior.. Primeiro que os produtos turísticos no Brasil poderiam ser melhor diversificados, mais divulgados, e trabalhando diversos tipos de público.
É inadimissível termos uma Floresta Amazônica e ter basicamente opções para turistas endinheirados ou estrangeiros, que tem condições de ficar num hotel de selva, pegar um transatlântico no meio da Amazônia, pagar a passagem aérea pra Manaus. Caso não tenha tanta grana, prepare-se pra ficar dias num barco de madeira dormindo em rede, ou não conseguir fazer diversos passeios. Caso existam, poderia ser melhor divulgados.

Temos tanta diversidade de fauna e flora e não trabalhamos tanto o birdwatching, ou mesmo os safaris e passeios num pantanal, por exemplo, q tem alguns hotéis q basicamente são visitados por gringos. Pra quem já foi na África do Sul ou viu roteiros de birdwatching em lugares mt menos diversos q aqui, sabe do q estou falando.

O cerrado pra muitos é considerado apenas mato, mas é o bioma com a 2° maior variedade de fauna e flora do Brasil, sendo um dos hotspots do mundo.

Os lagos do interior do Brasil pouco trabalham o turismo náutico ou de lazer, limitando-se a lotear suas margens e vender pra alguns afortunados donos de jet ski se divertirem.

Os museus são poucos e mal estruturados, tendo pouca atratividade e fazendo um resgate da história e tradições aquém do ideal.

Nossas cidades, em grande parte, não conseguem nem inventariar, sistematizar os dados e organizar a oferta turística para poder ser comercializada.

Pouco se divulga e se facilita a entrada de países mais próximos, responsáveis por grande parte do fluxo internacional pro Brasil.
Se parar pra pensar, todo ano cerca de 5% da população da Argentina, 10% da do Uruguai, 5% do Paraguai, por exemplo, viajam para o Brasil. Se 5% do Brasil fosse pra Argentina todo ano, eles receberiam mais de 10 milhões de brasileiros por ano. E tb poderia ser mais, principalmente de colombianos, com mais de 40 milhões de pessoas, e apenas 0,4% visitando o Brasil ao ano. Não se incentiva a estruturação de atrativos em regiões próximas de fronteira e nem se facilita o acesso aela.

 

·
Registered
Joined
·
4,329 Posts
Argentino também é turista internacional, e não engloba 80%, mas 32%, segundo dados de 2015..

Em seguida vem os turistas dos EUA com 9%, Chile com 5%, Paraguai com 4,7% e Uruguai com 4,2%. Somente depois desses que começam a aparecer os primeiros europeus...
Citei 80% em claro exagero para afirmar que grande parte dos turistas estrangeiros são argentinos, o que é uma realidade e isso beneficia as cidades turísticas do sul do país, proporcionando até viagens rodoviárias, são destinos mais baratos em relação ao nordeste brasileiro.

Essa pesquisa foi dividida entre países, se aglomerar os países europeus creio que passe os 9% dos EUA.
 

·
Registered
Joined
·
506 Posts
Citei 80% em claro exagero para afirmar que grande parte dos turistas estrangeiros são argentinos, o que é uma realidade e isso beneficia as cidades turísticas do sul do país, proporcionando até viagens rodoviárias, são destinos mais baratos em relação ao nordeste brasileiro.

Essa pesquisa foi dividida entre países, se aglomerar os países europeus creio que passe os 9% dos EUA.
Não somente são mais baratos e mais pertos mas mais estruturados especificamente para atender os vizinhos... Tem regiões do litoral de SC que basicamente todos restaurantes, hotéis, etc, tem cardápio em castelhano, placas de lojas nas ruas em castelhano, funcionários que tb falam o castelhano..

Sim, se aglomerar todos os europeus dá mais de 9% dos EUA.. Na verdade, dá mais q o dobro disso. Mas daí estamos falando de dezenas de países, cada qual com sua especificidade...
 

·
Registered
Joined
·
4,329 Posts
O cenário está favorável para o aumento de argentinos no nordeste, com a melhora econômica dos hermanos.

Em Recife a Latam opera 1x semanal na rota Argentina - REC com a segunda frequência já certa, Gol opera 3x semanal (um vôo era de alta temporada mas vai manter na baixa temporada), Azul vai começar 1x semanal para Córdoba e 1x semanal para Rosário. E Aerolineas prospectando iniciar operações.

Os destinos do nordeste já começam a ter estrutura voltada para turistas que falam espanhol, como Pipa no RN, conhecida por ter mais argentino que brasileiro em todo o ano.
 

·
Registered
Joined
·
8,841 Posts
Claramente essa lista engloba 80% de argentinos, por isso o cone sul do país em peso devido a proximidade.
A Argentina tá próxima mas cadê a Europa e o poder aquisitivo dos europeus? Também contam ou contavam.
 

·
Registered
Joined
·
4,329 Posts
A Argentina tá próxima mas cadê a Europa e o poder aquisitivo dos europeus? Também contam ou contavam.


Os turistas europeus estão no segundo lugar de emissores de turistas ao Brasil, vale lembrar que essa lista é dividida por países e Europa são vários países.

O Brasil é um destino turístico óbvio dos argentinos, já o Brasil não é um destino óbvio para europeus, existem destinos que oferecem a mesma coisa do Nordeste brasileiro (praias) por um preço mais barato e as vezes com qualidade superior a brasileira.
 

·
Registered
Joined
·
8,841 Posts
Os turistas europeus estão no segundo lugar de emissores de turistas ao Brasil, vale lembrar que essa lista é dividida por países e Europa são vários países.

O Brasil é um destino turístico óbvio dos argentinos, já o Brasil não é um destino óbvio para europeus, existem destinos que oferecem a mesma coisa do Nordeste brasileiro (praias) por um preço mais barato e as vezes com qualidade superior a brasileira.
Não ser um destino óbvio para os europeus não quer dizer que não tenha impacto dos europeus. Enquanto lá é inverno por exemplo, aqui é verão, período em que o fluxo de turistas no Brasil aumenta. Lembrando que é um continente rico.
 

·
Registered
Joined
·
8,841 Posts
Essa parte de SC no verão tem tanto argentino e uruguaio que nem parece Brasil kkkk
O Brasil inteiro tomou conta, se vê argentinos, uruguaios e paraguaios mas hoje deve se ver mais mineiros ou mato-grossenses do que eles por exemplo.
 

·
Registered
Joined
·
2,784 Posts
Pra mim lista é super coerente..

Nordeste Brasileiro sempre foi forte somente em turismo nacional.

São alguns poucos gatos pingados de italianos que frequentam nossa praia, mas muito pouco perto dos Argentinos que vão pra SC, até mesmo porque ali é só atravessar a fronteira.
 

·
Registered
Joined
·
3,413 Posts
Acho que o mercado hoteleiro está finalmente acordando e vendo o potencial louco que o Nordeste tem, basta ver todas as notícias de construção de novos resorts no nordeste nos últimos 2 meses.

O Brasil é mais próximo que o México da Europa, e o México tá lotado de Europeus, principalmente Russos, frequentando as praias do Caribe deles. O turismo não é brincadeira, e com estrutura, o turismo internacional no Nordeste pode mudar muito o cenário de muitos lugares naquela parte do país.

Falta pouco, o nordeste já oferece atrações culturais, só falta hospedagem adequada. Depois vão vir.
 
1 - 20 of 41 Posts
Top