SkyscraperCity banner

1 - 20 of 32 Posts

·
Registered
Joined
·
44,880 Posts
Discussion Starter #2
Istambul: Resumo da Cidade





Istambul, a antiga Bizâncio e Constantinopla, é a maior cidade da Turquia e a quarta maior do mundo, rivalizando com Londres como a mais populosa da Europa, com 15.000.000 habitantes na sua área metropolitana em 2018. A grande maioria da população é muçulmana, mas também há um grande número de laicos e uma ínfima minoria de cristãos e judeus. É a capital da área metropolitana (büyükşehir) e da província de Istambul, a qual faz parte da região de Mármara. No passado foi a capital administrativa da Província de Istambul, na chamada Rumélia ou Trácia Oriental. Foi denominada Bizâncio até 330 d.C., e Constantinopla até 1453, nome bastante difundido no Ocidente até 1930. Durante o período otomano, os turcos chamavam-na de Istambul, nome oficialmente adotado em 28 de março de 1930. Foi a capital do Império Romano do Oriente e do Império Otomano até 1923, cujo governante máximo, o sultão, foi durante séculos reconhecido como califa, o chefe supremo de todos os muçulmanos, o que fazia da cidade uma das mais importantes de todo o Islão. Atualmente, embora a capital do país seja Ancara, Istambul continua a ser o principal polo industrial, comercial, cultural e universitário (aí estão sediadas mais de uma dezena de universidades) do país. É a sede do Patriarcado Ecumênico de Constantinopla, sede da Igreja Ortodoxa. A cidade ocupa ambas as margens do estreito do Bósforo e do norte do mar de Mármara, os quais separam a Ásia da Europa no sentido norte-sul, uma situação que faz de Istambul a única cidade que ocupa dois continentes. A parte central da parte europeia é por sua vez dividida pelo estuário do Corno de Ouro. É usual dizer-se que a cidade tem dois ou três centros, conforme se considere ou não que na parte asiática também existe um centro. No lado europeu há duas zonas com mais destaque em termos de movimento de pessoas e património cultural: o mais antigo, onde se situava o núcleo da antiga Bizâncio e Constantinopla, correspondente ao atual distrito de Fatih, fica a sul do Corno de Ouro, enquanto que Beyoğlu, a antiga Pera e onde se situava o bairro europeu medieval de Gálata, fica a norte. O centro da parte asiática tem contornos menos precisos, e ocupa parte dos distritos de Üsküdar e Kadıköy. Algumas zonas históricas da parte europeia de Istambul foram declaradas Património Mundial pela UNESCO em 1985. Em 2010, a cidade foi a Capital Europeia da Cultura. Devido à sua dimensão e importância, Istambul é considerada uma megacidade e uma cidade global.













 

·
Registered
Joined
·
44,880 Posts
Discussion Starter #9
Istambul: Mesquita de Nuruosmaniye





A Mesquita de Nuruosmaniye é uma mesquita otomana situada no bairro de Çemberlitaş, distrito de Fatih, Istambul, Turquia. Construída entre 1749 e 1755, é considerada uma dos melhores exemplos de mesquitas em estilo otomano barroco. O sultão Mamude I encarregou os arquitetos Mustafá Aga ae Simão Calfa da construção da mesquita, a qual foi terminada já no reinado de Osmã III, irmão e sucessor de Mamude. Além do estilo barroco, a mesquita tem a peculiaridade de não ter fonte de abluções (şadırvan). A mesquita encontra-se junto a uma das entradas do Kapalıçarşı (Grande Bazar), da Coluna de Constantino e da Mesquita de Atik Ali Paxá.














 

·
Registered
Joined
·
44,880 Posts
Discussion Starter #12
Istambul: Mausoleo del Sultán Mahmud II





O mausoléu do sultão Mahmud II é uma das muitas jóias escondidas em Istambul. Localizado no eixo turístico da Avenida Divan Yolu, é composto por vários complexos funerários, incluindo dois grandes edifícios com fachada de mármore.


































 

·
Registered
Joined
·
44,880 Posts
Discussion Starter #14
Istambul: Hagia Sophia




Santa Sofia é um imponente edifício construído entre 532 e 537 pelo Império Bizantino para ser a catedral de Constantinopla. Da data em que foi edificada, em 537, até 1453, ela serviu nesta função, com exceção do período entre 1204 e 1261, quando ela foi convertida para uma catedral católica romana durante o Patriarcado Latino de Constantinopla que se seguiu ao saque da capital imperial pela Quarta Cruzada. O edifício foi uma mesquita entre 29 de maio de 1453 e 1931, quando foi secularizada. Ela reabriu como um museu em 1 de fevereiro de 1935. A igreja foi dedicada ao Logos, a segunda pessoa da Santíssima Trindade, com a festa de dedicação tendo sido realizada em 25 de dezembro, a data em que se comemora o Nascimento de Jesus, a encarnação do Logos em Cristo. Embora ela seja chamada de "Santa Sofia" (como se tivesse sido dedicada em homenagem a Santa Sofia), sophia é a transliteração fonética em latim da palavra grega para "sabedoria" — o nome completo da igreja em grego é Ναός της Αγίας του Θεού Σοφίας, "Igreja da Santa Sabedoria de Deus". Famosa principalmente por sua enorme cúpula (ou domo), ela é considerada a epítome da arquitetura bizantina e é tida como tendo "mudado a história da arquitetura". Ela foi a maior catedral do mundo por quase mil anos, até que a Catedral de Sevilha fosse completada em 1520. O edifício atual foi construído originalmente como uma igreja entre 532 e 537 por ordem do imperador bizantino Justiniano I e foi a terceira igreja de Santa Sofia a ocupar o local, as duas anteriores tendo sido destruídas em revoltas civis. Ela foi projetada pelos cientistas gregos Isidoro de Mileto, um médico, e Antêmio de Trales, um matemático.











 

·
Registered
Joined
·
44,880 Posts
Discussion Starter #17
Istambul: Mesquita Yeni Valide




Localizada no bairro de Üsküdar, no setor asiático de Istambul, a Mesquita Yeni Valide foi construída no século XVIII. Encomendada pelo sultão Ahmed III, é reconhecida como uma das primeiras mesquitas a usar a cúpula esmagada.











 
1 - 20 of 32 Posts
Top