Skyscraper City Forum banner
1 - 17 of 17 Posts

·
Home, sweet home
Joined
·
10,753 Posts
Discussion Starter · #1 ·



Valença é uma cidade portuguesa no Distrito de Viana do Castelo, região Norte e subregião do Minho-Lima, com cerca de 3 500 habitantes.

É sede de um município com 117,43 km² de área e 14 187 habitantes (2001), subdividido em dezasseis freguesias. O município é limitado a leste pelo município de Monção, a sul por Paredes de Coura, a oeste por Vila Nova de Cerveira e a noroeste e norte pela Galiza (município de Tui).


Imagem de satélite de Valença




Imagem de satélite do Centro Histórico de Valença





A Praça Forte de Valença é uma das principais fortificações militares da Europa, com cerca de 5 km de perímetro amuralhado, sobranceira ao rio Minho, frente a Tui. Um espaço de convivência galaico-minhoto, comercial e turístico por excelência.

Trata-se de uma obra de arquitectura militar gótica e barroca cujos primeiros muros foram construídos no século XIII e que actualmente possui um sistema abaluartado, tipo Vauban, edificado nos séculos XVII e XVIII.

A fortificação localiza-se no topo de dois outeiros e é formada por dois polígonos: a Praça (mais antiga) e a Coroada, separados por um fosso, com falsas-bragas e 4 revelins que protegem outras tantas Portas (Coroada, Gaviarra, Fonte da Vila e Sol).

O sistema abaluartado da fortificação é composto por 10 baluartes e dois meios baluartes, dos quais: na Coroada, 3 baluartes a Sul (Santana, S. Jerónimo e Santa Bárbara) e dois meios baluartes a Norte (S. José e Santo António); na Praça, 7 baluartes (Lapa da Esperança, Nª Sr.ª do Faro, S. Francisco, Sr.ª do Socorro, Sr.ª do Carmo e S. João). Os dois recintos estão divididos pelas Portas do Meio, com ponte fixa.


Chegando a Valença, fomos directos ao Centro Histórico. Transpondo a espessa barreira de muralhas, chegámos à Coroada.
Inicialmente o tempo estava ainda bastante nublado...

01.


02.



Belíssimos, o Largo do Bom Jesús e a Capela de Nossa Senhora do Carmo.

03.


04.



Entrámos na Praça mais antiga e chegámos à Rua Conselheiro Lopes da Silva

05.


06.



Subimos à muralha. Dali as vistas são... :drool:

07.


08.


09.


10.


11.


12.


13.


14.


15.


16.


17.


18.


19.


20.


21.


22.


23.



Descemos da muralha e voltámos a entrar no aglomerado, percorrendo pequenos largos e ruas estreitas.

24.


25.


26.


27.


28.



Cá está a Praça da República e a Câmara Municipal de Valença!

29.


30.


31.


32.


33.


34.


35.



Percorrendo a Rua Mouzinho de Albuquerque...

36.


37.


38.



Esta maquete da Praça Forte faz a delícia dos turistas...

39.


40.



E uma breve passagem pela Igreja de Santo Estêvão, do séc. XIII, templo românico com reconstrução neoclássica, que foi sede da antiga Colegiada de Valença e Bispado de Ceuta. No interior destaca-se a cadeira episcopal gótico-mudéjar, do séc. XV.

41.


42.


43.


44.



No Largo Visconde da Guaratiba, destaca-se a Igreja Matriz de Santa Maria dos Anjos, templo românico do séc. XIII, com planta longitudinal...

45.


46.



A Santa Casa da Misericórdia...

47.


48.


49.



... E a Capela da Misericórdia do séc. XVI, de arquitectura barroca e neoclássica. No interior, destaca-se a escultura do "Senhor Morto", em cartão, da autoria do Mestre Teixeira Lopes.

50.



E chegámos ao Baluarte de Nossa Senhora do Socorro, lugar com vistas priveligiadas para o Rio Minho e para a cidade espanhola de Tui.

51.


52.


53.


54.


55.


56.


57.


58.


59.


60.



Seguimos para Sul, jundo da muralha, pela Rua Doutor José Augusto Vieira.

61.


62.


63.


64.


65.


66.


67.


68.


69.



Um belo exemplar da arquitectura Manuelina.

70.



E regressámos à Rua Conselheiro Lopes da Silva.

71.


72.



Saímos da Praça mais antiga e regressámos à Coroada.

73.


74.


75.


76.


77.



Actualmento Posto de Turismo, o Paiol de Marte data do séc. XVIII e foi armazém militar de 2 salas rectangulares.

78.



Voltámos a transpor as muralhas, deixando definitivamente o Centro Histórico, rumo à cidade nova.

79.


80.


81.


82.


83.


84.


85.



Polo de Valença do Instituto Politécnico de Viana do Castelo.

86.


87.



... E a Estação Ferroviária.

88.


89.


90.



Seguimos pela Avenida de Espanha, rumo ao país com o mesmo nome.

91.


92.



Esta velha ponte de ferro foi a primeira grande ligação rodo-ferroviária entre o Minho e a Galiza.

93.


94.



Dali, as vistas são deslumbrantes, para o Rio Minho e para a Cidade Fortificada de Valença.

95.


96.


97.


98.




E aqui fica o meu contributo para a divulgação desta belíssima cidade do Alto Minho!
 

·
Home, sweet home
Joined
·
10,753 Posts
Discussion Starter · #6 ·
A cidade é belíssima, valeu pelas fotos! :eek:kay:
A portugalidade extravasa essas águas do Rio Minho.. um dia seremos um novamente!

Boa reportagem Miguel.
Obrigado! :)

Neste mesmo dia fui também a Caminha e à cidade espanhola de Tui. Depois vou colocar fotos destas cidades também.

É incrível a forte relação que existe entre os dois países nestas cidades fronteiriças. Em Valença e Caminha vi mais espanhois do que portugueses! :yes:
 

·
Registered
Joined
·
5,881 Posts
Encantadora cidade! Muito lindas as pequenas cidades portuguesas! Patrimônio bem conservado, fiação aterrada, paisagem do entorno, linda! O norte de Portugal sempre verde, paisagens maravilhosas! Obrigado por ter mostrado a cidade forte de Valença.
 

·
Registered
Joined
·
2,794 Posts
Que cidadezinha tão simpática e aconchegante! :cheers:
 

·
Registered
Joined
·
2,432 Posts
Belas cidades do Norte, parece que ainda melhores nos últimos anos.
Meu pai é de Ponte de Lima. Deve estar bonita. :yes:
 

·
Nascido na Guanabara
Joined
·
4,701 Posts
Cidade muito bonita e bem charmosa.

Miguel, nem queira conhecer a Valença que fica no estado do Rio de Janeiro. É um horror. Existem mais duas cidades com o nome de Valença no Brasil: uma no estado da Bahia e outra no estado do Piauí. Não conheço ambas.
 
1 - 17 of 17 Posts
Top